Início do conteúdo
    Notícias
  • SELEÇÃO PROFESSOR FORMADOR – EAEES/UAB/UFPEL

    A Coordenação Institucional da Universidade Aberta do Brasil na Universidade Federal de Pelotas (UAB/UFPel) e o Núcleo de Políticas de Educação a Distância (NUPED), da Pró-Reitoria de Ensino (PRE) da UFPel, tornam pública a abertura das inscrições e as normas que regerão o processo seletivo para preenchimento de vaga e de cadastro de reserva de bolsistas que poderão atuar na função de PROFESSOR FORMADOR junto ao Curso de Especialização em Educação Ambiental com Ênfase em Espaços Educadores (EAEES) na modalidade a distância, no âmbito da Universidade Aberta do Brasil (UAB/UFPel).

    Acesse aqui o Edital na sua íntegra.

  • Encontro encerra as atividades de acompanhamento das ações do ProAPI em Pelotas pelo MEC

    Nessa semana de retorno às atividades administrativas da UFPEL ocorreu a visita técnica do MEC para acompanhar o andamento das ações do Programa de Atenção Precoce na Infância (ProAPI), realizado em parceria com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel) através da equipe do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Cognição e Aprendizagem (NEPCA) do Instituto de Biologia. Recordando que o ProAPI, a partir dos princípios da Intervenção Precoce na Infância (IPI), já consolidados internacionalmente, busca viabilizar e adequar para o contexto brasileiro, objetivando identificar as crianças apoiadas pela Educação Especial ou em risco de Desenvolvimento, matriculadas nas escolas de Educação Infantil da microrregião Fragata, município de Pelotas. Também visa organizar redes de apoio e desenvolvimento, tendo os ambientes naturais da criança como foco em escola, família e comunidade.

    Na noite de ontem (06/06/2024 as 19 horas) ocorreu a cerimônia de acolhida dos participantes no auditório do anglo contando com a participação da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização de Jovens e Adultos, Diversidade e Inclusão (Secadi) através do professor , Marco Antonio Franco., da representação da Secretaria Municipal de Educação e Desposto (SMED) de Pelotas, da Direção do Instituto de Biologia, dos membros e coordenação do NEPCA, além de participantes docentes e discentes do Programa  da ESEF, FAMED, FaE, FE e do IB e das Escolas abrangidas pelos projetos.

    No encontro ocorreu a manifestação das autoridades e de convidados fazendo uma avaliação das atividades já executadas e projetando as futuras ações do Programa. Ao término do evento os presentes participaram de uma confraternização contando com a presença da Vice-Reitora, professora Ursula Rosa da Silva e assessores.

     

  • Feliz Dia do Meio Ambiente!

    Neste Dia do Meio Ambiente, a comunidade do Instituto de Biologia reafirma seu compromisso com a sustentabilidade e convida você a se juntar a nós na construção de um futuro mais verde e saudável. Não esqueçamos que somos parte dele e que devemos preservá-lo para nossa própria preservação, seja consciente. É necessário estarmos conscientes que precisamos do meio ambiente equilibrado e saudável para sobrevivermos, e devemos fazer o máximo possível para levar o desenvolvimento sustentável da teoria para a prática, para garantir o desenvolvimento socioeconômico, junto com a preservação ambiental.

    Não esqueçamos que o Meio ambiente, num conceito simplificado, é o conjunto de elementos biológicos (flora e fauna), físicos e químicos organizados em diferentes ecossistemas naturais e sociais em que se insere o Homem num processo de interação que cria condições para mantêm a vida no planeta. Existem várias atitudes que devemos seguir para preservá-lo, dentre elas, podemos citar:

    1. – Não jogue lixo nas ruas,
    2. – Não desperdice água,
    3. – Separe o lixo,
    4. – Evite usar materiais descartáveis,
    5. – Denuncie,
    6. – Não compre animais silvestres,
    7. – Pratique os  4 R’s da sustentabilidade Reduzindo, Reutilizando, Reciclando e Repensando suas atitudes. …

    Esse dia foi criado com o objetivo principal de chamar a atenção de todas as esferas da população para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais, que até então eram considerados, por muitos, inesgotáveis. Nesse momento essa tema que é de suma importância para nossa sobrevivência no planeta deve nos conduzir a reflexões e tomadas de ações que possam nos harmonizar com a natureza e impedir ou mitigar catástrofes futuras em função das alterações climáticas como a que estamos vivenciando no Estado do Rio Grande do Sul.

    Considerando que o meio ambiente é formado por componentes abióticos (como a água, o ar, o solo e a energia) e bióticos (como a flora, fauna, cultura humana – seus valores sociais, políticos, econômicos, científicos, morais, religiosos, etc.) podemos atuar de forma consciente nas nossas interações com esses elementos evitando negacionismos e confiando na ciência. Nesse sentido o Instituto de Biologia e sua comunidade seguirão atuando na formação de profissionais que possam contribuir para sua preservação e enriquecimento, seja prestando serviços de consultoria para diagnósticos e avaliação de impactos ambientais (EIA/RIMA); projetos de reabilitação ambiental e paisagística de áreas degradadas; projetos ambientais na área de mineração (para fins de licenciamento e operação); e perícias técnicas na área ambiental para o Ministério Público, dentre outras ações. Seguiremos compromissados com o presente e conectados com o futuro. Feliz Dia do Meio Ambiente!

  • Calendário de reuniões do Conselho Departamental em 2024

    A Direção do Instituto de Biologia torna público o calendário anual de reuniões ordinárias do Conselho Departamental em 2024, de acordo com o que foi aprovado na reunião ordinária do mês de março do corrente ano (Ata 02/2024) a saber:

    23/04 – manhã, terça-feira

    22/05, tarde, quarta-feira (será transferida para o início de junho, se necessário em função da suspensão das atividades pelo estado de calamidade na cidade de Pelotas)

    27/06, manhã, quinta-feira

    26/07, tarde, sexta-feira;

    26/08, manhã, segunda-feira

    24/09, tarde, terça-feira

    23/10, manhã, quarta-feira

    21/11, tarde, quinta-feira

    20/12, manhã, sexta-feira.

    Segue a ressalva que o Conselho Departamental se reúne extraordinariamente para tratar de assuntos específicos urgentes ou com prazos determinados, como por exemplo apreciação de Concursos Públicos Docentes, RAAD, etc., tratando-se de situações especiais e que não podem ser encaminhadas “ad referendum” ou que necessitam ser referendadas obedecendo o rito e normas administrativas vigentes.

    Os Conselheiros que são o Diretor, Vice-Diretor, Coordenadores de Cursos de Graduação e Pós-Graduação (representação do Fórum de Coordenadores), Chefes do Núcleo Administrativo e Departamentos e/ou Órgãos Suplementares (Museu Carlos Ritter), representantes de categorias docentes (Titulares, Associados e Adjuntos), de Técnicos Administrativos em Educação (TAEs) e de Discentes da Graduação e Pós-Graduação da Unidade devem priorizar a participação às reuniões do Conselho, devendo ser liberados de outras atividades conforme prevê o Regimento da Universidade.

    Art. 27 – O comparecimento dos membros dos Conselhos Superiores, as respectivas sessões é obrigatório e preferencial a qualquer atividade universitária.
    § 1º – O membro do Conselho que não comparece a 3(três) sessões consecutivas ou 5(cinco) alternadas, em cada ano civil, salvo motivo justificado, perderá o mandato.
    § 2º – Se o membro faltoso for diretor nomeado pelo Presidente da república, o Conselho proporá ao Governo a sua exoneração, por falta grave de descumprimento do dever universitário.
    § 3º – A juízo do Conselho, as ausências poderão ser consideradas justificadas sempre que decorrentes de fatos notórios ou, senão for o caso, sempre que apresentadas razões ponderáveis pelos interessados.
    § 4º – O pedido de justificação deverá ser feito verbalmente ou por escrito na sessão da ausência ou na próxima sessão, ordinária ou extraordinária .
    § 5º – Não havendo pedido de justificação, a falta será anotada na respectiva ata.
    § 6º – Os Conselheiros representantes do setor discente serão considerados presentes aos trabalhos escolares que se realizarem no período das sessões e terão assegurado o direito à realização de provas e avaliações que no mesmo período se efetuarem.

    Art.96 – O comparecimento dos membros do Conselho Departamental, às respectivas sessões é obrigatório e preferencial a qualquer atividade da Unidade , aplicando-se as disposições do artigo 27 deste Regimento.

    Art. 196 – Não serão computadas as faltas de alunos ocasionadas pelo comparecimento, como representantes discentes as sessões dos Colegiados da Universidade, em todos os seus níveis, bem como as ausências decorrentes da participação estudantil em curso de preparação militar superior, da ACISO, da OPEMA, do CRUTAC, PROJETO RONDON e “CAMPUS AVANÇADO”, conforme normas estabelecidas pelo Conselho Coordenador do Ensino e da Pesquisa.)

  • Projeto Pampa Singular adquire veículo para o Instituto de Biologia

    O Pampa é um dos maiores ecossistemas campestres da América do Sul e se estende desde o norte da Argentina, por todo o Uruguai, até o sul do Brasil. Além dos campos naturais, afloramentos rochosos, áreas úmidas, savanas e florestas estacionais incrementam a heterogeneidade das paisagens e sustentam uma biodiversidade singular no Pampa, onde cerca de 5% das espécies de plantas são endêmicas. O pastoreio foi a principal atividade econômica na região até o final do século XX, quando os campos naturais eram usados de forma mais sustentável. No entanto, o crescimento da agricultura, da silvicultura e da mineração no Pampa durante as últimas décadas está causando perdas significativas de hábitats naturais e acelerando a fragmentação ambiental.

    Pampa Singular é um projeto integrativo, de ensino, pesquisa e extensão, que tem o objetivo de compreender a biodiversidade no Pampa e promover a conservação de paisagens únicas e espécies raras. O projeto é coordenado pelo Prof. João Iganci, do Departamento de Botânica e tem colaboração de professores do IB, como a Profa. Raquel Lüdtke na área de ensino, o Dr. Gustavo Heiden, na área de conservação de recursos genéticos vegetais, do Centro Nacional de Conservação da Flora, de pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e do exterior, incluindo o Uruguai, o Reino Unido e a França. Além disso, todas as ações do projeto são realizadas com a participação de estudantes de graduação e de pós-graduação da UFPel. Estão sendo produzidos inventários de espécies endêmicas da flora do Pampa e pesquisas sobre o estado de conservação das espécies. Ao mesmo tempo, atividades de divulgação científica e de ensino de ciências estão sendo direcionadas para ampliar o conhecimento sobre o bioma em comunidades locais no interior do Pampa e evidenciar a importância da conservação para futuras gerações.

    O veículo foi adquirido através de edital do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico que tinha o objetivo de popularizar e interiorizar a ciência. Será utilizado pelos coordenadores do projeto para levar oficinas e outras ações de extensão para os municípios localizados no Pampa e também para ampliar as pesquisas sobre biodiversidade e conservação da flora do Pampa. O projeto está desenvolvendo uma série de filmes documentários de curta duração, para divulgar as paisagens, a cultura e a biodiversidade do Pampa, como forma de sensibilizar para a conservação do bioma.

     

     

  • COMPORTAMENTO RARO DE UMA MOSCA DA FAMÍLIA DROSOPHILIDAE – ZYGOTHRICA ORBITALIS

                   Estudo realizado pelos professores Monica Blauth, Marco Gottschalk e Raquel Lüdtke do Instituto de Biologia, e pela Dra. Mayara Mendes, egressa dos cursos de Bacharelado em Ciências Biológicas e de Mestrado em Biologia Animal da UFPel, descreve o comportamento raro de uma mosca da família Drosophilidae. As moscas frugívoras desta família costumam usar frutos em decomposição, a exemplo das moscas que sobrevoam as bananas em nossas casas. Entretanto, Zygothrica orbitalis usa frutos íntegros de Psychotria brachyceras, sendo este o único sítio de oviposição descrito  até então para esta espécie tão comum no Brasil. Este estudo tem implicações evolutivas, considerando que o gênero Zygothrica é descrito como micófago e/ou antofílico (usam fungos e/ou flores para a criação de suas larvas) e chama a atenção pela presença de uma espécie invasora, Drosophila suzukii, nestes mesmos frutos. O estudo foi realizado no Horto Botânico Irmão Teodoro Luis, área de preservação sob tutela da UFPel, e foi publicado na Revista Brasileira de Entomologia (https://doi.org/10.1590/1806-9665-RBENT-2023-0059).

  • Defesas TCCs 2023_2 Biologia Licenciatura e Bacharelado

    Assista às Defesas de Artigos e Monografias de 2023/2! | IESA
    No  anexo segue as informações gerais sobre as defesas de TCC dos discentes dos Cursos de Bacharelado e Licenciatura em Ciências Biológicas neste semestre letivo de 2023-02.. As defesas deverão ocorrer entre os dias 15/02 e 01/03/2024. Desejamos bons trabalhos as bancas e acadêmicos que defenderão seus TCCs e convidamos os demais membros da comunidade para assistirem as respectivas defesas.
    Símbolos da Profissão Biólogo
  • Processo seletivo simplificado para a função de COORDENADOR DE CURSO I – Curso de Educação Ambiental com Ênfase em Espaços Educadores Sustentáveis

    A Universidade Federal de Pelotas – UFPEL, através do Instituto de Biologia – IB, torna público o Edital 01/2024, de 02 de Janeiro de 2024, referente ao processo seletivo simplificado para a função de COORDENADOR DE CURSO I para atuar no Curso de Educação Ambiental com Ênfase em Espaços Educadores Sustentáveis na modalidade à distância, dentro do Programa da Universidade Aberta do Brasil – UAB/UFPel atendendo à PORTARIA No 102, DE 10 DE MAIO DE 2019, que regulamenta o Art. 7º da Portaria CAPES no 183, de 21 de outubro de 2016, que prevê a realização de processo seletivo com vistas à concessão das bolsas UAB criadas pela Lei no 11.273, de 6 de fevereiro de 2006, e à PORTARIA No 139, DE 13 DE JULHO DE 2017, que por sua vez altera a Portaria no 183, de 21 de outubro de 2016, que regulamenta as diretrizes para concessão e pagamento de bolsas aos participantes da preparação e execução dos cursos e programas de formação superior, inicial e continuado no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB).

  • Professores do DB defendem Memorial para Classe Titular

    No dia 18 de dezembro de 2023, nas dependências do Departamento de Botânica ocorreram as apresentações dos Memoriais Acadêmicos de Atividades Docentes dos professores Valmor João Bianchi e Eugenia Jacira Bolacel Braga visando a promoção funcional à Classe E – Nível 1 – Titular.

    As bancas examinadoras foram compostas pelos Professores José Antonio Peters – UFPel (Presidente), Juçara Terezinha Paranhos – UFSM, Márcio Paim Mariot – IFSul e Marlucia Cruz de Santana – UFS, além do Prof. Gustavo Maia Souza – UFPEL (suplente).

    Na oportunidade estiveram presentes o Vice-diretor do Instituto de Biologia, Prof. Gilson de Mendonça, a chefe pro tempore do Departamento de Botânica, Profª Raquel Lüdtke, demais docentes, alunos e familiares dos Professores Valmor e Eugenia.

    Ambos professores foram aprovados com louvor após apresentarem suas trajetórias sólidas, repletas de superação e importantes contribuições para o Programa de Pós-Graduação em Fisiologia Vegetal, para o Departamento de Botânica e para toda a UFPEL.

    O Departamento de Botânica congratula os Professores Titulares Valmor Bianchi e Eugenia Braga.

    Veja as imagens

     

  • Resultados consulta eleições coordenação e coordenação adjunta Colegiado de Cursos de Ciências Biológicas

    Finalizada a consulta à comunidade do IB para a Coordenação e Coordenação Adjunta do Colegiado de Curso de Ciências Biológicas – Bacharelado e Licenciatura realizada nos dias 7 e 8 do corrente mês a chapa única foi eleita pela  maioria dos votos dos participantes. Segundo a Comissão eleitoral participaram do pleito 37 eleitores sendo atribuídos 34 votos para a Chapa CCCB_Beatriz e Mabel (Beatriz Helena Gomes Rocha (Coordenadora) Mabel Mascarenhas Wiegand (Coordenadora Adjunta). Parabéns a Chapa vencedora e êxito nas atividades durante o mandato que se iniciará.

Translate »