Início do conteúdo

Aumenta o desemprego no Brasil em agosto

Segundo os resultados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua, recentemente publicados pelo IBGE, referentes ao mês de agosto (trimestre móvel junho-julho-agosto de 2016), foram contabilizados, no Brasil, 12,024 milhões de desocupados. Esse volume corresponde a uma taxa de desocupação de 11,8%.

Portanto, houve um crescimento da desocupação em relação ao trimestre móvel anterior (maio-junho-julho de 2016), quando foram registrados 11,847 milhões de desocupados e uma taxa de desocupação de 11,6%. Houve um incremento de mais 177 mil desocupados (uma taxa de variação de 1,49%) e um aumento de 0,2 pontos na taxa de desocupação.

Em comparação com o mesmo trimestre móvel do ano passado (junho-julho-agosto de 2015), observa-se que houve um forte aumento da população desocupada, de 36,6%, sendo contabilizados mais 3,22 milhões de desocupados. Naquele trimestre móvel de 2015, haviam 8,804 milhões de pessoas desocupadas. A taxa de desocupação, que era de 8,7%, cresceu, em termos absolutos, 3,1 pontos.

Publicado em 30/09/2016, em Notícias.
Translate »