Início do conteúdo
Linhas de Pesquisa

Área de Concentração: Democracia e Política Contemporânea

Concentra investigações voltadas para a análise de teorias, experiências e processos democráticos em sua ampla diversidade política e social.

Dinâmicas Políticas e Conflitos Sociais

Articula pesquisas com diferentes interfaces e/ou diálogos disciplinares, tais como História Política, Sociologia e Relações Internacionais. Reúne trabalhos atentos às múltiplas interações contemporâneas entre o local, o nacional e o global, enfatizando as relações entre Estado, mercado e sociedade civil. Como eixo estruturante, a linha preocupa-se com identidades e processos sócio-políticos relacionados às questões sobre direitos, justiça social e desigualdades, principalmente na América Latina. Nesse sentido, destaca-se o interesse pelas mobilizações, identidades e ativismos contemporâneos protagonizados por uma heterogeneidade de atores, movimentos e organizações, em espaços não necessariamente institucionalizados e formalizados. Questões e reivindicações relacionadas à gênero e política, mundo do trabalho em tempos de globalização e decolonização do poder evidenciam as principais agendas de pesquisa. Interessa à linha, portanto, as investigações que trabalhem com diversas disputas e conflitos sociais, especialmente em sua dimensão política.

Docentes vinculados/as:

Alvaro Augusto de Borba Barreto, Carlos Artur Gallo, Etiene Villela Marroni, Guilherme Camargo Massaú, Luciana Maria de Aragão Ballestrin, Rosangela Marione Schulz, William Daldegan de Freitas

Instituições e Processos Políticos

Promove o debate em torno da relação entre indivíduos, grupos e instituições, no que tange à formação, à estruturação e à consolidação dos valores e das ações políticas em contextos de democracia. Nessa perspectiva, surgem como temas de pesquisas teóricas, empíricas e de reflexões relativas a procedimentos metodológicos: participação política e eleitoral, recrutamento e seleção política, comportamento legislativo, processos decisórios e relações entre os poderes do Estado.

Docentes vinculados/as:

Alvaro Augusto de Borba Barreto, Carlos Artur Gallo, Etiene Villela Marroni, Guilherme Camargo Massaú, Silvana Schimanski, William Daldegan de Freitas

Teoria Política e Teoria Social Contemporâneas

Enfatiza a importância dos estudos teóricos sobre a própria teoria, no que pese a sua construção, desenvolvimento e aplicação. Para isso, se divide em dois eixos principais, comportando investigações teóricas e empíricas: 1) Epistemologia e Teoria Social; 2) Teoria Política Contemporânea. O primeiro eixo concentra aspectos referentes aos estudos sociais da ciência e da tecnologia, à sociologia do conhecimento e à descolonização epistemológica, bem como questões envolvendo as relações entre capitalismo e globalização. No eixo Teoria Política Contemporânea, a ênfase recai sobre Teoria Política normativa e suas articulações com a Filosofia Política. As principais correntes epistêmicas e teóricas contemporâneas das quais partem as discussões, estudos e pesquisas da linha são o pós-estruturalismo, o pós-colonialismo, o pós-marxismo, o neomarxismo e o feminismo. As preocupações analíticas reúnem objetos e temáticas variadas, tais como democracia, ciência, ideologia, discurso, mobilizações, ativismo, identidade e gênero. Nota-se, em síntese, que a linha de pesquisa projeta diferentes perspectivas sobre o político e a política, do ponto de vista da teoria política e da teoria social contemporâneas e de seus possíveis encontros e cruzamentos.

Docentes vinculados/as:

Bianca de Freitas Linhares, Cláudio Gilberto Cogo Leivas, Daniel de Mendonça, Luciana Maria de Aragão Ballestrin, Rosangela Marione Schulz