Início do conteúdo
Depoimentos

O projeto GAMA: Grupo de Apoio em Matemática foi criado em 2010 e, desde a sua criação, contou com a participação de milhares de estudantes de vários cursos da UFPel e de dezenas de professores colaboradores que ajudaram a escrever esta história.

Este espaço é destinado para que você, que de alguma forma apoiou ou foi apoiado pelo GAMA, possa deixar seu depoimento, impressão, comentário, sugestão ou crítica.

Desde já agradecemos!

Para deixar um depoimento sobre o projeto GAMA, clique AQUI.

 

Depoimentos

“Reprovei em uma cadeira de cálculo e fiquei muito frustrado, achei que não ia ter jeito, não lembrava quase nada do ensino médio e não me sentia motivado a estudar. Fiz as aulas do projeto GAMA, me matriculei novamente na cadeira de cálculo e fui aprovado, minha motivação pra seguir em frente aumentou muito. Aprovei de primeira nas cadeiras seguintes que envolviam cálculo, estatística, álgebra linear. Comecei a gostar da área e inclusive ajudar alguns colegas que estavam com dificuldades em cálculo.”

Rafael Dias Lagemann

Acadêmico do curso de Ciência da Computação

13/11/2018

 

“Tive o privilégio de ser bolsista do Projeto GAMA por 1 ano. Agradeço muito ao professor Cícero, pois ele que me avisou do edital de seleção para Bolsistas em 2017-1. Aprendi muito neste período, como por exemplo, adquirir didática (o que é essencial para quem, assim como eu, cursa licenciatura) e ao mesmo tempo reforçar os conteúdos de cálculo. Com certeza o Projeto GAMA vem dando certo desde a sua criação, oferecendo módulos de matemática básica, limites, derivadas, integrais, encontros de ALGA, “aulões” de cálculo 2 e 3, o curso preparatório para o cálculo, as monitorias e agora também as vídeo-aulas que estão sendo disponibilizadas no youtube. Como disse, esse 1 ano foi de grande valia para mim, ao mesmo tempo que os alunos puderam aprender comigo, também pude aprender com eles. Para quem cursa licenciatura em matemática, a passagem pelo Projeto Gama deveria ser obrigatória heheheh… Estou saindo para seguir pesquisando com uma bolsa de Iniciação Científica, mas quem sabe, mais para o final da minha graduação eu ainda retorne ao projeto! Deixo aqui um muito obrigado, a todos os professores participantes, bolsistas e também aos alunos que se inscreveram em algum módulo ministrado por mim. “

Henrique David Campelo

Acadêmico do Curso de Licenciatura em Matemática

03/08/2018

 

“Como última atividade pelo GAMA, fui convidada a escrever este depoimento, sobre minha passagem pelo projeto. Nesse momento fico pensando em tudo que aprendi como bolsista e quantos amigos fiz. Entrei no projeto em junho de 2016, num final de semestre, logo comecei a ministrar as aulas de reforço. No semestre seguinte passei a ser monitora de três turmas, uma experiência completamente diferente das aulas. Teve dias que dei mais de 20 atendimentos, como aprendi cálculo naquele semestre, pois para ajudar é preciso aprender. Em 2017 praticamente fiquei em função das aulas de reforço, cada aula era um aprendizado. Comecei a me deparar com dúvidas dos alunos, como preparar uma aula e como me comportar como professora em sala de aula. Todas as experiências que passei no GAMA foi maravilhoso, mas acredito que para minha formação como professora, as aulas de reforço foram as que mais me ajudaram. Cada dica que recebi dos professores que acompanham as aulas foram aceitas e o meu melhoramento foi notado e elogiado. Só tenho a agradecer ao projeto por tudo que aprendi com ele e pelo meu crescimento profissional. Ser cumprimentava pela alunos que passaram por alguma atividade e lhe dizer: ” muito obrigado por tudo, só passei porque você me ajudou” é muito gratificante. Éramos mais que um grupo, éramos um time, formados por amigos com o mesmo ideal, ajudar quem precisa. Deixo o projeto com uma vontade enorme de ficar. Mas com a certeza que o time que fica, são os melhores. Deixo aqui meu eterno agradecimento ao Professor Cícero, que tanto insistiu para eu fazer a prova do projeto e por tudo que me ajudou. Estendo esse agradecimento a todos professores que me acompanharam e ajudaram nesse período com suas dicas preciosas. Aos meus colegas bolsistas com os quais compartilhei a maior parte do tempo, tanto na sala do GAMA, como nas aulas de reforço, vocês tornaram as horas agradáveis, obrigada pela ajuda quando necessitei e companheirismo nesses anos. Que o projeto tenha vida longa e que possa ajudar muitos alunos ainda, como um dia me ajudou como aluna de cálculo e depois como bolsista. Obrigada a todos. Um grande abraço.”

Liane Blank Schneider
Licenciada em Matemática – UFPel
Bolsista de 2016/2018

29/03/18

 

“Gostaria de parabenizar esse projeto , gostei muito das aulas e acredito que vão me ajudar muito na minha disciplina de cálculo . A maioria vem de escolas publicas que infelizmente são muito limitadas no ensino dessas matérias mais básicas, e esse projeto é fundamental para ajudar pessoas como eu. Com toda certeza irei continuar acompanhando os próximos módulos de matemática. Por fim gostaria de elogiar o professor Henrique, ele conseguiu ser muito claro nas explicações durante as aula, uma didática muito boa. E não só ele é claro , parabéns a todos professores envolvidos. Obrigado.”

Gabriel da Costa Pinheiro

Acadêmico do Curso de Ciência da Computação

23/03/2018

 

“De antemão quero dizer que eu tive o privilégio de participar das aulas do GAMA (Grupo de Apoio a Matemática) em 2017/2 onde a partir das aulas de matemática básica, bem como nos módulos de limites e derivadas e nos encontros de Calculo II que foram feitos eu pude sanar grande parte das dúvidas as quais eu possuía nos respectivos conteúdos tidos pelos monitores que cooperaram através da sua didática ministrada em sala de aula, com isso se cumpre com os requisitos apresentados pelos bolsistas na semana integrada, evento da UFPel onde os alunos que procuram as monitorias e as aulas que tem tanto de Calculo 1, 2 e 3 o rendimentos dos alunos e totalmente satisfatório chegando ao percentual de 70% de aproveitamento. Aconselho a todos os alunos, tanto os calouros, quanto os que já ingressaram dentro da universidade a buscarem ajuda nas monitorias, vale muito a pena e você aluno ganha muito com isso.” Que Deus guarde a vida de todos que fazem parte desse maravilhoso projeto.

William L. Peixoto

Acadêmico do Curso de Licenciatura em Matemática

16/03/18

 

“Tive o privilégio de ser bolsista do Projeto Gama por mais de um ano e não me arrependo nem um pouco. Todo o apoio e incentivo que os professores dão nas atividades e na organização são parte muito grande de eu ter permanecido tanto tempo no projeto. Encontrei pessoas muito especiais que sempre guardarei comigo! Mas não posso mentir que o que também pesava muito em minha escolha de estar no projeto era ver a ajuda que todo o Projeto realizava com alunos de diversas esferas na faculdade. Muitas histórias, muitos alunos que precisavam apenas de alguém mais acessível para compreender essa loucura que é a matemática de nível superior, mas que muitas vezes uma aula com professor não basta. É necessário ter alguém como eles, que passou (há pouco tempo) pelas mesmas dúvidas e mesmas dificuldades e que consiga esclarecer e ajudar nessa caminhada acadêmica. Resumindo, só tenho elogios ao projeto e sempre o lembrarei com muito carinho!!!”

Miguel Gut Seara

Acadêmico do curso de Engenharia de Controle e Automação

Ex-bolsista do projeto GAMA

08/02/18

 

“Falar sobre o trabalho do GAMA e o que ele significa na vida acadêmica dos estudantes é na verdade contar uma história que recomeça a cada semestre e no resultado das notas, o número não consegue contar. As atividades propostas de alta qualidade pedagógica trazem estudantes dedicados na realização das monitorias, impregnados do senso de responsabilidade, esperança, compromisso consigo e com o outro. Da mesma forma os professores são sobretudo incansáveis para ensinar, atentos às avaliações no sentido de sempre melhorar o que for possível. Além de tudo isso, o que mais me encanta no GAMA é o interesse genuíno de seus integrantes na melhoria da qualidade de vida acadêmica no ensino da Matemática, a sensibilidade, a humanidade, a empatia dos professores em relação aos seus alunos. Como Assistente Social da PRAE, encontrei no GAMA um grande parceiro, com objetivos comuns, muitos alunos foram beneficiados com seu trabalho e muitos ainda serão. Agradeço a oportunidade de contar sempre com o GAMA!”

Amélia Rodrigues Nonticuri

Assistente social da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis da UFPel

27/12/17

 

“Sou aluna da turma de Licenciatura em Matemática na modalidade EaD, e quero dizer que foi muito bom participar destas aulas, pois precisamos de alguns suportes além do nosso material, professores e tutores a distância. Por mais que saibamos tal conteúdo sempre temos alguma coisa nova para aprender, e eu posso afirmar que APRENDI um pouco mais com as aulas do GAMA, foram apenas três dias, mas três dias de sucesso em suas aulas, sei o quão difícil é mas seria bom se de alguma forma o Projeto GAMA se estendesse para o EaD, pois assim como os alunos presenciais sentem dificuldade, nós também (digo pela minha turma), se conseguissem ir nos polos seria maravilhoso, mas se não for possível, então organizar turma em finais de semana, e dias seguidos, assim diminui os dias de estadia em Pelotas ou Capão do Leão. Quero agradecer também aos professores e monitores que me receberam tão bem. Espero voltar mais vezes, e também eu e meus colegas esperamos a caravana de vocês aqui em Santana do Livramento.”                        

Caroline Teixeira da Silva

Estudante do Curso de Licenciatura em Matemática à distância

21/12/17

 

“Um depoimento sobre a minha experiência em ter participado do projeto Tópicos de Matemática Elementar – TME, atual GAMA. O quê poderia dizer? Somente agradecer por poder compartilhar a minha passagem pelo projeto.

Ter participado do TME, por quase dois anos, influenciou diretamente a minha vida, especialmente em relação ao meu futuro profissional. Através dessa experiência identifiquei em mim um perfil e um desejo que nunca tinha mensurado anteriormente, o da docência.

Era estudante do curso de Engenharia de Petróleo, pensava em trabalhar embarcado, conhecer o mundo, conquistar minha estabilidade financeira rapidamente. Contudo, esses planos se dissolveram e mudaram para outros após a minha entrada no TME.

Nunca tinha pensado em ser monitor, ao contrário, me sentia, de longe, despreparado para este tipo de atividade. Lembro ter tirado na minha primeira prova de cálculo I um incrível 3.5. Contudo com apoio do professor Yuri e vendo que a dificuldade estava mais em um bloqueio emocional (todo mundo diz que cálculo é impossível, então já entrava na sala pensando assim), consegui superar as dificuldades e melhorar consideravelmente meu desempenho nas provas seguintes.

Posteriormente fiquei sabendo do projeto TME e descobrindo que o mesmo aceitava alunos de outros centros como monitores. Então pensei: por que não me candidatar? Quem sabe não consigo compartilhar a minha experiência de que as coisas não são tão difíceis como dizem. Tive sorte e passei no processo de seleção.

Iniciei como monitor de cálculo I. Trabalhei com diferentes professores e cursos, com monitorias vazias e, perto das provas, lotadas. Criei amigos (tanto colegas de monitoria, quanto alunos que buscavam monitoria). Foi uma experiência fantástica, que me fez me candidatar para mais um ano. No segundo ano trabalhei como monitor de cálculo II com a tutoria da professora Camila. Novamente uma grande experiência.

Ao longo destes dois anos, tive relatos de alunos que pude ajudar eles a entenderem os conteúdos e passarem nas disciplinas. O que me deixava extremamente realizado. Gostava intensamente das monitorias, eram 1, 2 horas de descontração. Sentia-me muito bem em compartilhar o que eu sabia, e ficava muito feliz em saber que conseguia ajudar. Aos poucos, fui pensando: Por que não a docência? No meu segundo ano, o TME lançou o projeto de cursos sobre determinados tópicos das disciplinas e tive a chance dar uma das aulas do curso (Decomposição de polinômios) com a tutoria da professora Rejane.

Essa e outras experiências proporcionadas pelo TME me fizeram trocar de rumo. Hoje estou na UNICAMP, fazendo doutorado, me qualificando para quem sabe um dia me tornar um docente universitário. Agradeço muito aos professores do projeto e aos alunos que tive a chance de auxiliar, por terem me proporcionado essa experiência e terem feito mudar o meu desejo de futuro profissional.

Desejo a você, que é monitor, como eu fui, que tenhas excelentes experiências e crescimento pessoal. E desejo a você, que busca auxílio, que tenhas sucesso na sua caminhada e nos seus estudos.”

Muito sucesso ao GAMA!!

Muito obrigado.

Um grande abraço, Forlan Almeida

30/11/17

 

“Para mim, tanto na função de coordenadora de curso como  docente desta universidade, o projeto GAMA tem sido referencia no que se trata de projetos de ensino. Destaco dois pontos de vista para ressaltar sua importância, o primeiro na visão de quem é beneficiado pelo projeto, ou seja, quem necessita das monitorias e aulas de reforço, pois este conta com uma equipe de profissionais mais do que qualificados, desde os professores colaboradores até os monitores atuantes, que além do profissionalismo dispõem da sensibilidade no trato e nos problemas que nossos alunos enfrentam, por vezes não apenas acadêmicos. As atividades do projeto, promovidas por essa equipe, contribuem e muito na superação das dificuldades nas disciplinas de Cálculo e Álgebra Linear, desde a dificuldade em matemática básica até a matemática em nível superior. Fato este observado pelas análises de dados feitas pela equipe do projeto. O segundo é do ponto de vista do aluno que exerce a atividade de monitoria, o qual se qualifica no exercício do ensino, aprendizagem e pesquisa. Todo o contato que tive com o projeto só intensifica no meu ponto de vista sua importância, fato este também ressaltado pelos avaliadores durante a visita in loco da avaliação do Curso de Licenciatura em Matemática Noturno. Enfim, gostaria de parabenizar a equipe envolvida pelo excelente trabalho feito em benefício dos nossos alunos.”        

                         29/11/17

Professora doutora Andrea Morgado

Departamento de Matemática e Estatística/UFPel