Início do conteúdo
    Notícias
  • X Ciência e Cultura: Ensino, aprendizagem e performance esportiva 21 e 22 de janeiro de 2014

    O Ciência e Cultura é um evento anual organizado pelo PET-ESEF que tem como objetivo proporcionar aos acadêmicos, professores da ESEF/UFPEL e demais interessados, um espaço extra-classe para debater temas atuais da área, visando qualificar a formação e ampliar o currículo dos cursos de graduação.

    Inscrições através do email:
    cienciaecultura10@gmail.com
    O participante deverá informar:
    1) Nome completo para confecção do certificado;
    2) Oficina que deseja participar.

    O pagamento no valor de R$ 20,00 poderá ser feito no dia do evento.

    Para inscrever trabalhos:
    O autor deverá enviar o trabalho (De acordo com as normas) para:
    cientificacec@gmail.com

    *Mais informações sobre modelos, normas e apresentação de trabalho no blog: cienciaecultura10.blogspot.com

    ** O prazo de submissão dos trabalhos vai até o dia 17/01/14.

     

     

     

    Programação:
    1545836_462870013825081_1780968611_n

  • Professor apresenta resultados do projeto “Quem luta não briga”

    b11249a15ebe91e228353804f31ab301

     

    Na última segunda-feira (17/12/13), o professor da rede municipal, mestre em Taekwondo e idealizador do projeto “Quem luta não briga”, Rossano Diniz, apresentou à vice-prefeita Paula Mascarenhas os resultados da iniciativa executada pela Secretaria de Educação e Desporto (Smed). A atividade também é realizada em parceria com a Escola Superior de Educação Física (ESEF) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), por intermédio do professor Fabrício Del Vecchio.

    O projeto proporciona a mais de 40 crianças, estrutura, conhecimento e preparação, objetivando o melhor desempenho em competições de alto nível. Atualmente, as atividades são executadas em seis escolas do município: Escola Municipal Ensino Fundamental (Emef) Ferreira Viana, Emef Mariana Eufrásia, Emef Raphael Brusque, Emef Almirante José Saldanha da Gama, Sagrado Coração de Jesus e Alfredo Simon.

    Conforme Paula, o governo acredita em outras formas de inclusão que influenciam na educação. “Projetos como estes merecem toda a atenção, queremos que essa gurizada se interesse por coisas boas”, destacou a vice-prefeita.

    De acordo com Diniz, os objetivos são a valorização do ser humano no seu contexto geral, a garantia dos diretos, o comprometimento com os deveres de cidadãos, e, principalmente, tirar crianças e adolescentes das ruas, trazendo-as para a escola, para que tenham uma ocupação e uma formação. Especificamente, a iniciativa busca, com a prática de artes marciais, que os jovens passem a ter autoconhecimento do seu potencial. Na apresentação, o professor destacou a pesquisa científica realizada pela ESEF comprovando que o projeto é socialmente relevante.

    Nas aulas de Taekwondo, o aluno é estimulado a usar muita energia, sendo uma atividade anti-stress que contribui para que tenha o conhecimento da ética que envolve a arte marcial (Quem luta não briga), acabando por perceber que buscar dentro do esporte uma oportunidade é melhor do que o estímulo à violência.

    Durante a apresentação, Diniz elencou melhorias para aprimorar o projeto, dentre elas está a aquisição de roupas para a prática cotidiana e competitiva do esporte, protetores eletrônicos e garantia de transporte para as competições fora da cidade.

    A vice-prefeita irá viabilizar a compra dos protetores eletrônicos para a equipe, através da Smed. Paula também se colocou a disposição para tratar com empresários do Município algum tipo de patrocínio.

    Estiveram presentes, o gerente de Esporte e Lazer da Secretaria de Educação e Desporto (Smed), Antônio Freitas e o assessor Especial do Programa Boa Escola para Todos, Sadi Sapper.

    Fontehttp://www.pelotas.rs.gov.br/noticias/detalhe.php?controle=MjAxMy0xMi0xOA%3D%3D&codnoticia=35804#!prettyPhoto

  • Aprovada a criação do Doutorado em Educação Física

    O Programa de Pós-Graduação em Educação Física  da Escola Superior de Educação Física da Universidade Federal de Pelotas obteve a aprovação do curso de doutorado, que passa a funcionar a partir do segundo semestre de 2014.

    A aprovação do curso de doutorado foi possível devido à elevação de conceito que o Programa de Pós-Graduação da ESEF obteve na avaliação do último triênio (2010-2012), realizada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

    Na avaliação do triênio anterior (2007-2009) a Capes havia concedido o conceito 3 ao programa, agora, juntamente com a ascensão do conceito para 4, também foi aprovada a abertura do curso de doutorado.

    O Programa de Pós-Graduação da ESEF teve início em 2007, com a aprovação do curso de mestrado e de lá para cá já formou mais de 80 mestres. O professor Luiz Carlos Rigo, coordenador do programa, salienta que essa aprovação representa uma conquista importante não apenas para a ESEF/UFPel, como também para a zona sul do Estado, tendo em vista que para cursarem o doutorado esses mestres tinham que se deslocar da região, já que atualmente há apenas um curso de doutorado em Educação Física no Estado, que funciona na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

    No primeiro semestre de 2014 o colegiado do programa irá definir o número de vagas e as linhas de pesquisa, que serão posteriormente informadas no edital de seleção que será publicado na página do programa, no endereço http://esef.ufpel.edu.br/ppgef/.

  • Oportunidade de estudar no exterior com bolsa.

    A Coordenação de Relações Internacionais da Universidade Federal de Pelotas, no uso de suas atribuições legais e de acordo com as resoluções do COCEPE nº. 14/2010 e 14/2013 torna público o Edital para a seleção de estudantes de graduação interessados em estudar um semestre acadêmico em uma das Instituições de Ensino Superior (IES) listadas neste edital, através de acordos de cooperação firmados. Serão oferecidas quatorze (14) bolsas de mobilidade, a ser realizadas no semestre de 2014/1 da UFPEL, conforme o calendário acadêmico da universidade de destino.

    Edital: Edital-bolsas-2013-2

  • Edital de Transferências, Reopção e Reingresso – Critérios da ESEF

    Edital 032/2013 – Transferências, Reopção e Reingresso

    Curso: LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA (DIURNO)

    ATENÇÃO: Será considerado como critério indispensável a aprovação de, pelo menos, 10 (dez) disciplinas equivalentes ao curso de Licenciatura em Educação Física. Para efeitos deste critério não serão considerados os Estágios Curriculares Obrigatórios.

    Edital Retificado – Edital Transferencias_2014_01_Retificado

  • Emoção, alegria e otimismo marcaram a Cerimônia de Premiação dos Jogos da UFPel

    O auditório da ESEF recebeu na tarde da última quarta-feira representantes de diferentes cursos da Universidade para a cerimônia de entrega das medalhas dos Jogos da UFPel. Na oportunidade, o vice-diretor da ESEF, Prof. Mario Renato de Azevedo Júnior, falou da satisfação pelo momento, lembrando de todo o trabalho que envolveu professores e alunos desde julho deste ano. O Diretor da ESEF, Prof. Alexandre Carriconde Marques, destacou que a consolidação de uma política de esportes na UFPel é um compromisso que a ESEF está assumindo. Neste sentido, o Magnífico Reitor, Prof. Mauro Del Pino, parabenizou a todos os presentes pelo empenho e dedicação aos Jogos, reforçando que a Reitoria será parceira para a continuidade das ações em 2014. Foram entregues medalhas para as equipes campeãs, vice-campeãs e terceiro lugares nas seguintes modalidades:

    IMG_1908Voleibol masculino: 

    Campeão – ESEF
    Vice-campeão – Direito
    3o lugar – Medicina

    Representantes Direito-Arquitetura-Medicina-EconomiaVoleibol feminino:

    Campeão – ESEF
    Vice-campeão – Direito
    3o lugar – Enfermagem

    Basquetebol masculino: 

    Campeão – Direito
    Vice-campeão – Agronomia
    3o lugar – Enfermagem

    Economia_3o lugar handebol masculinoBasquetebol feminino: 

    Campeão – ESEF
    Vice-campeão – Enfermagem
    3o lugar – Centro de Engenharias

    Futsal masculino: 

    Campeão – ESEF/Bacharelado
    Vice-campeão – Odontologia
    3o lugar – Centro de Engenharias

    IMG_1940Futsal feminino:

    Campeão – ESEF
    Vice-campeão – Medicina
    3o lugar – Direito

    Handebol masculino:

    Campeão – Direito
    Vice-campeão – ESEF
    3o lugar – Economia

    Handebol feminino:

    Campeão – Arquitetura
    Vice-campeão – ESEF
    3o lugar – Medicina

    A comissão organizadora dos Jogos da UFPel salienta que no mês de janeiro realizará uma reunião de avaliação e planejamento para 2014.

  • ESEF realiza Simpósio Nacional de Educação Física

    IMG_1655O XXXII Simpósio Nacional de Educação Física é um evento que reúne estudantes e pesquisadores da área de Educação Física de todo o país.

    Neste ano, o tema “Boas Práticas em Educação Física” tem a intenção de agregar estudantes e profissionais da Educação Física e áreas a fins, estabelecendo uma interação entre as áreas do conhecimento. Possibilita ainda a participação de esportistas, dirigentes, técnicos, comunidade e praticantes.

     

     

    IMG_1821O evento que iniciou na última 4ª feira tem seu encerramento programado para amanhã à tarde. Ao todo, 250 participantes estão envolvidos em oito cursos, mesas-redondas, palestras e sessões de apresentação de trabalhos.

  • PROJETO BANCO DE TÊNIS

    ok

    Como é do conhecimento de muitos, há centenas de alunos nas escolas, os quais as famílias não possuem condições financeiras de ofertar vestuário para a prática de atividades físicas. Como futuros professores e conhecedores de tal realidade, sentimos a necessidade de promover práticas que oportunizem a estas crianças terem condições mínimas para se exercitarem, tanto na escola, como no dia-a-dia. A principal carência que nos deparamos é a falta de calçados, pois muitos alunos vão de chinelos para escola, mesmo em dias frios.

    O grupo Programa de Educação Tutorial Diversidade e Tolerância – PET DT, juntamente com o Grupo de Estudos em Epidemiologia da Atividade Física e o Grupo de Estudos e Pesquisas em Treinamento Esportivo e Desempenho Físico da ESEF, fará levantamento das demandas nas escolas situadas em zonas de alta vulnerabilidade social, cadastrando estudantes carentes para participarem do banco de tênis. No cadastro constará o nome, sexo, idade e número que cada aluno calça.

    Objetivo: Possibilitar que crianças e adolescentestenham um tênis.  Este tênis, além de proporcionar uma prática corporal com segurança e conforto, suprirá a carência quanto à falta de calçados para o dia-a-dia.

    População atendida: Serão envolvidas, inicialmente, entre 5 e 10 escolas nos bairros Várzea, Areal (Dunas e Bom Jesus), Santa Terezinha e Getúlio Vargas.

    Campanha: Será efetuada campanha de arrecadação de tênis (usados e novos) por redes sociais, com a colaboração de academias, lojas de suplementos e clubes sociais,como pontos de coleta. Haverá confecção de cartazes com logotipo que caracterize/identifique o projeto, divulgando a arrecadação e paraidentificar os pontos de coleta. Faremos campanhas em escolas particulares de ensino fundamental e médio, na UFPel, UCPel, Institutos Federais, Anhanguera e demais faculdades, conscientizando o maior número de estudantes da importância de se desfazerem do que já não usam com tanta freqüência para auxiliar os estudantes mais carentes.

    Vale dizer que o projeto será contínuo, ficando como responsabilidade do PET DT buscar as doações nos postos de coleta pré-estabelecidos periodicamente; gerenciar o grupo nas redes sociais; distribuir as arrecadações de acordo com os cadastros dos alunos carentes e atualizar anualmente os cadastros junto às escolas.

  • Funcionamento do Colegiado

    A partir desta terça feira o colegiado de curso voltará a funcionar em horário integral, das 08:00 às 22:20.

  • Nova direção da Esef: fortalecimento para continuar a crescer

    DSC_0151Diante de um auditório repleto de alunos, colegas e comunidade, o professor Alexandre Carriconde Marques recebeu das mãos do seu antecessor, José Francisco Schild, o comando da Escola Superior de Educação Física (Esef) para mandato de duração de quatro anos. Na cerimônia marcada pela emoção da despedida e pela alegria do novo compromisso, estavam presentes o reitor da UFPel, professor Mauro Del Pino, pró-reitores e representantes da sociedade civil, além do também empossado vice-diretor, professor Mario Renato de Azevedo Júnior.

    Apesar de já ter sido chefe de departamento na unidade, é a primeira vez que Marques assume a diretoria da Escola e por isso carrega uma grande expectativa, segundo suas palavras. “Eu realmente vivo a ESEF”, afirma o novo diretor. Ele define-se como um extensionista e tem nessa área uma grande atuação, especialmente no cuidado da atividade física adaptada a pessoas com necessidades especiais.

    DSC_0174Embora tenha uma atuação voltada para a extensão, Marques diz que a sua atenção será voltada para as três áreas, dando continuidade a um processo de fortalecimento que levou a ESEF a ser uma das unidades em destaque dentro da Universidade. “Acredito na ESEF pois faço parte dela. A ESEF somos todos nós”, disse o professor durante o seu discurso de posse. Uma das metas pontuadas pelo professor é a de manter a abertura da Escola Superior de Educação Física à comunidade pelotense, por meio de projetos que já atingem quase duas mil pessoas, e ampliar esta atuação. Outra iniciativa a ser reforçada é o processo de criação de uma cultura esportiva dentro da UFPel, para que servidores e alunos mantenham o hábito da atividade física. Na questão estrutural, o objetivo é a realização da obra de construção da piscina e das salas voltadas às lutas e às ginásticas.

    DSC_0194O reitor da Universidade, professor Mauro Del Pino, destacou o grande processo de desenvolvimento que a ESEF manteve nos últimos anos, durante a administração do professor Schild, demonstrando a dinamicidade da unidade, e disse acreditar na potencialização dessa realidade na nova gestão: “Seremos parceiros na manutenção do que está sendo feito e nas novas frentes de atuação”. Segundo o reitor, a eleição de Marques e Azevedo de forma direta é uma mostra da energia democrática que a UFPel tem vivido, especialmente por ter sido realizada por meio do voto universal.

    Emoção na despedida

    DSC_0171A cerimônia de posse também foi marcada pela emoção mostrada pelo antigo diretor, professor Schild, e de toda a comunidade da ESEF. Em seu discurso, ele lembrou as dificuldades enfrentadas para o crescimento da unidade, tanto no sentido da estrutura física quanto na área acadêmica, que vive momento de expectativa para a aprovação do projeto de doutorado. Após a transmissão do cargo, foram conduzidas homenagens aos ocupantes anteriores da diretoria, que receberam placas, e também a reprodução de um vídeo produzido pelos técnicos administrativos.

    fonte: http://ccs2.ufpel.edu.br/wp/2013/10/24/direcao-esef-fortalecimento-continuar-crescer/

  • ESEF terá nova direção empossada nesta quinta-feira

    Na manhã desta quinta-feira (24), às 10h, será empossada a nova diretoria da Escola Superior de Educação Física. Na ocasião, a unidade passará a ser liderada pelo professor Alexandre Carriconde Marques, assessorado pelo professor Mario Renato de Azevedo Júnior.

    Alexandre Carriconde Marques

    O novo diretor é graduado em Educação Física pela UFPel, especialista em Educação Física Escolar (UFPel) e Administração (FGV), mestre em Educação Física pela UFSM e doutor em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS. É professor adjunto da Universidade e atua especialmente na área do esporte adaptado, ou seja, das atividades físicas voltadas às pessoas com necessidades especiais. Por esse motivo, é consultor do Ministério do Esporte em programas voltados para este fim, como o Segundo Tempo.

    Mario Renato de Azevedo Júnior

    Já o vice-diretor é graduado em Educação Física e mestre e doutor em Epidemiologia, todos pela UFPel. Além de professor adjunto na ESEF, é pesquisador no Grupo de Estudos em Epidemiologia da Atividade Física (GEEAF).

    http://ccs2.ufpel.edu.br/wp/2013/10/23/esef-tera-direcao-empossada-nesta-quinta-feira/