Início do conteúdo

LIVRO GEPPC: EDUCAÇÕES E CULTURA: TEORIAS, FORMAS, PERSPECTIVAS E ANÁLISES

Grupo de Estudos e Pesquisas em Patrimônio Cultural, fundado em Curitiba no ano de 2017 e em funcionamento ininterrupto desde então, abre o chamamento público de submissão de artigos para composição de sua próxima obra coletiva.
A obra que terá como título “Educações e Cultura: teorias, formas, perspectivas e análises” deverá jogar luz em uma das envergaduras mais essenciais da cultura no mundo contemporâneo: o potencial de educação pelo qual saberes, práticas, histórias, memórias e identidades têm sua chance de manutenção e reflexão.
Os patrimônios, por exemplo, são eleitos e recebem, no estado da arte, a atenção necessária para a preservação de sua existência, entretanto, de que adianta a manutenção da existência de algo que não cumpre qualquer função social que seja? Por isso a educação patrimonial é essencial, tanto pera os bens patrimonializados quanto para as sociedades que os cercam ou tomam conhecimento acerca deles.
Já a arte, em processo de desenvolvimento constante, com a reprodução de modelos estabelecidos e vanguardas, com preocupação de engajamento ou não, com uma imensa pluralidade de autores, receptores e expositores, pode encontrar na educação um meio de criar contato e/ou vínculos com as populações, levando a outros círculos sociais que não o artístico e o cultural as suas potencialidades.
Além de ser um veio importante para a articulação dos saberes culturais, a educação também tem em si a possibilidade e a responsabilidade de intrumentar criticamente os que têm acesso a ela. Com isso, quais seriam as potências na vida dos estudantes de diversos níveis com uma educação voltada e endossada em bens culturais materiais e imateriais? Poderia a educação incentivar a produção cultural? Como poderia?
Ainda, estariam a educação e a cultura, em suas atuações conjuntas, sendo exercidas da melhor maneira possível ou restam caminhos que podem ainda serem experimentados? Sobre os trabalhos existentes em museus, galerias e outras entidades a fim, os trabalhos educativos são os ideais ou cabem reflexões, análises e críticas a essas atividades?
Dentro dessa diversidade de pensamento sobre os trabalhos de educação em/sobre cultura, o GEPPC abre o presente chamamento público oportunizando a pluralidade das produções sobre o tema.
Podem se inscrever estudantes,  pesquisadores e profissionais de quaisquer níveis de instrução e/ou atuação das mais variadas áreas dos saberes práticos, técnicos e/ou científicos.
Os trabalhos submetidos precisam conter uma nota de rodapé sobre o(s) autor(es), com histórico de formação e/ou atuação e um endereço de e-mail para contato; e serem apresentados em arquivo Word com fonte Arial tamanho 12, margens e espaçamento entre linhas de 1,5, contendo o trabalho desenvolvido e suas respectivas referências.
As submissões serão aceitas até o dia 01 de agosto de 2019 e deverão ser endereçadas ao coordenador do GEPPC Luciano Chinda Doarte com o assunto “SUBMISSÃO DE ARTIGO | GEPPC” por meio do endereço eletrônico lucianochinda.lcd@gmail.com.
Publicado em 31/05/2019, em Notícias.