Festival de Cinema da Fronteira abre segunda-feira em Livramento e segue em Bagé

Evento gratuito começa com a Mostra Animação e a Sessão Entre Fronteras e segue com 12 filmes longas em competição, sessões especiais e dezena de curtas-metragens, além de apresentações musicais

 

 

O 14º Festival Internacional de Cinema da Fronteira inicia nesta segunda-feira, dia 27 de novembro, na cidade de Livramento, na região da campanha gaúcha. A atração, com entrada franca, recomeça quarta-feira, dia 29 de novembro, em Bagé, e prossegue até o dia 3 de dezembro.

O programa é composto por 12 longas em competição, quatro filmes em sessões especiais e 59 curtas-metragens, contando ainda com várias apresentações musicais.

As apresentações de filmes começam em Livramento na segunda, às 19h, com a Mostra Animação e a Sessão Entre Fronteras, com a apresentação de curta-metragens, no Auditório da Unipampa (Rua Barão do Triunfo, 1048).

Em Bagé, a partir de quarta-feira, os longas em competição passam no Cine7 (Avenida Sete de Setembro, 1062) às 10h, 14h30min e 17h. Os curtas internacionais serão exibidos antes de cada um dos longas principais. Já os demais títulos serão projetados no Centro Histórico Vila de Santa Thereza (Avenida Visconde Ribeiro de Magalhães). Este local também será palco das apresentações musicais, homenagens, longas fora de competição e curtas regionais.

No domingo, as homenagens deste ano serão dedicadas à atriz gaúcha Leona Cavalli e a produtora audiovisual Carla Esmeralda. Além de títulos nacionais, a seleção de longas reúne produções da Argentina, Cuba, EUA, México, Peru, Suíça e Uruguai, vários deles inéditos.  Bagé também recebe o II Mercado Sur Frontera WIP LAB, voltado para profissionais da área audiovisual.

 

                          No sábado será apresentado o filme mexicano “El Actor Principal”, de Paula Markovitch, ainda inédito no Brasil           Foto: Divulgacão

         

A seleção aposta na produção nacional e na expressão de países ibero-americanos. “Nesta edição, com expressiva participação latina, estamos interessados em pensar e apresentar o Brasil de dentro, por isso, o tema ‘Profundo Brasil Profundo’ “, resume Zeca Brito, diretor artístico do evento. “Esse recorte de imersão e olhar para as identidades também passa pelos 12 longas em competição, maior número até hoje no festival”, ressalta.

O Festival da Fronteira tem patrocínio da marca Claro. Conforme o diretor regional da empresa, Marcelo Repetto, esta organização “entende a importância desta mostra competitiva, que faz os holofotes se voltarem para a região gaúcha, firmando o Rio Grande do Sul como polo da cultura e do setor audiovisual brasileiro”.

 

        A atriz Leona Cavalli será homenageada no Festival da Fronteira            Foto: Jonathan Giuliani

Natural de Rosário do Sul, na faixa de fronteira, Leona Cavalli vem a Bagé para receber o troféu São Sebastião. Ela atua no momento na novela “Terra e Paixão”, na Rede Globo. O evento também homenageia Carla Esmeralda, co-criadora do RioContentMarket (hoje Rio2C), maior mercado de conteúdo audiovisual da América Latina, que recebe o troféu em nome do Sur Frontera.

O II Mercado Sur Frontera WIP LAB é voltado para filmes em produção e traz grandes nomes da produção brasileira, entre os quais Jana Wolff (Berlinale), Mario Durrieu (FIDBA) e Walter Tiepelmann (Festival de Málaga). Dos noventa projetos inscritos, dez talentos foram selecionados.

 

Agenda de eventos

 

A animação “Bizarros Peixes das Fossas Abissais”, de Marão, está na tela quinta em Bagé Imagem: Divulgação

 

A programação começa em Livramento na segunda, 27 de novembro, às 19h com Mostra Animação, seguida da Sessão Entre Fronteras, com curtas realizados entre o Brasil e Argentina, no Auditório da Unipampa (Rua Barão do Triunfo, 1048).

Na quarta (29), às 9h, em Bagé, acontece o lançamento do festival na Casa de Cultura Pedro Wayne (Rua General Neto, 16). Às 10h, será exibido o primeiro longa em competição, “O Dia que te Conheci”, de André Novais. À tarde, a partir das 14h30min, é a vez de “Estranho Caminho”, de Guto Parente. Às 17h, será projetado “Anhangabaú”, de Lufe Bollini. Às 19h, haverá a Sessão Memória Longa com o histórico “Pára, Pedro!”, de Pereira Dias, de 1969. Às 20h, começa a cerimônia de abertura no Centro Histórico Vila de Santa Thereza, seguida da primeira parte da Mostra Competitiva Regional, e show musical do grupo Os 4 Irmãos, às 21h.

 

O filme Anhangabaú de Lufe Bollini será apresentado na quarta-feira à tarde   Foto: Divulgacão

 

No dia 30, quinta-feira, às 10h, a seleção de filmes traz “El Cine Ha Muerto”, de Juan Benitez Allassia. Às 14h30min, o longa “Rumo”, de Bruno Victor e Marcos Azevedo. Às 17h, passa “El Nadador”, de Gabriela Guillermo. Na sexta, dia 1º de dezembro, as sessões começam às 10h, com o longa “Sucesso e o Abstrato”, de Virgínia Simone e Matheus Walter. Na tarde, às 14h30min, tem a animação “Bizarros Peixes das Fossas Abissais”, de Marão, seguido de “Baracoa”, de Pablo Briones, às 17h. À noite, no Centro Histórico, haverá o show de Lucifer Kabra às 19h30min, seguido da segunda parte da Mostra Competitiva Regional, às 20h.

 

Baracoa, de Pablo Briones, é uma co-produção de Cuba, Suica e Estados Unidos Foto: Benjamin-Poumey

 

No sábado (dia 2), às 10h, é a vez de Céu Aberto”, de Elisa Pessoa. Às 14h30min, será exibido “El Filo de las Tijeras”, de David Marcial Valverdi. A programação prossegue às 17h com “El Actor Principal”, de Paula Markovitch. O filme “Cafundó”, de Paulo Betti e Clovis Bueno, estrelado por Leona Cavalli, será exibido às 19h. Às 20h30min, o público poderá conferir a última parte de curtas regionais. A noite termina às 22h30min com o show do Zava MC e de Kika Simone.

 

O filme brasileiro “Céu Aberto”, de Elisa Pessoa, abre as sessões de sábado     Foto: Divulgação

 

O último dia abre para o público às 18h com “El Canto del Tiempo”, de Mana García. Também fora de competição, às 19h30min, será apresentado  “Sobreviventes do Pampa”, de Rogério Rodrigues, quando encerra o programa de longas. Às 21h, começa a cerimônia de premiação e homenagens, seguida de show de Rita ZartRafael Silva e Lulu do Acordeon.

 

Domingo é dia de ver o filme argentino “El Canto del Tiempo”,  de Mana Garcia      Foto: Divulgacão

 

A programação completa pode ser conferida no site festivaldafronteira.com.

O XIV Festival Internacional de Cinema da Fronteira tem o patrocínio master da Claro, através da Secretaria de Estado da Cultura, Sistema Pró Cultura RS/LIC, e patrocínio do Conselho Nacional do Sesi. A produção é de Maristela Ribeiro Produções e a realização da Associação Pró Santa Thereza e Anti Filmes, promoção da Prefeitura Municipal de Bagé através da Secretaria Municipal de Cultura, com apoio institucional da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Centro Universitário da Região da Campanha (Urcamp) e Instituto Federal Sul Rio-grandense (IFSul).

 

Co-produção argentina e peruana “El Cine Ha Muerto”, de Juan Benitez Allassia, é um dos títulos da competição Foto: Divulgação

 

Festival Internacional de Cinema da Fronteira

Entrada franca

Livramento (RS): 27 de novembro de 2023

Bagé (RS): 29 de novembro a 3 de dezembro de 2023

Instagram: @festivaldafronteira

 

O Uruguai concorre com a produção “El Nadador”, de Gabriela Guillermo

 

Longas-metragens em competição:

“Anhangabaú”, de Lufe Bollini (Brasil)

“Baracoa”, de Pablo Briones (Cuba/Suíça/EUA)

“Bizarros Peixes das Fossas Abissais”, de Marão (Brasil)

“Céu Aberto”, de Elisa Pessoa (Brasil)

“El Actor Principal”, de Paula Markovitch (México)

“El Cine Ha Muerto”, de Juan Benitez Allassia (Argentina/Peru)

“El Filo de Las Tijeras”, de David Marcial Valverdi (Argentina)

“El Nadador”, de Gabriela Guillermo (Uruguai)

“Estranho Caminho”, de Guto Parente (Brasil)

“O Dia que te Conheci”, de André Novais (Brasil)

“O Sucesso e o Abstrato”, de Virgínia Simone e Matheus Walter (Brasil)

“Rumo”, de Bruno Victor e Marcos Azevedo (Brasil)

 

O Argentino “El Filo de Las Tijeras”, de David Marcial Valverdi, soma para formar um mosaico do atual cine latino-americano Foto: Divulgação

 

Fora de competição:

“Cafundó”, de Paulo Betti e Clovis Bueno (Brasil)

“El Canto del Tiempo”, de Mana García (Argentina)

“Pára, Pedro!”, de Pereira Dias (Brasil)

“Sobreviventes do Pampa”, de Rogério Rodrigues (Brasil)

 

“Sobreviventes do Pampa”, de Rogerio Rodrigues, trata da devastação do bioma nativo através das vozes historicamente silenciadas, dos povos e comunidades remanescentes          Foto: Divulgação

 

Programação

Livramento: DIA 0 (27/11) – segunda

19h –  Mostra Animação

20h – Sessão Entre Fronteras: curta-metragens 

“O Dia que te conheci”,  de Andre Novais, abre as apresentações em Bagé    Foto: Divulgação

 

 

Bagé: DIA 1 (29/11) – quarta

9h – Lançamento do Festival na Casa de Cultura Pedro Wayne

10h – CURTA “Dependências” | LONGA “O Dia que te Conheci” (Cine7)

14h30min – CURTA “Messi” | LONGA – “Estranho Caminho” (Cine7)

17h – CURTA “Uma Mulher Pensando” | LONGA “Anhangabaú” (Cine7)

19h – Sessão Memória Longa – “Pára, Pedro!” (Santa Thereza)

20h – Cerimônia De Abertura – Mostra Competitiva Regional 1/3 (Santa Thereza)

21h – show musical do grupo Os 4 Irmãos (Santa Thereza)

Bagé: DIA 2 (30/11) – quinta

10h – CURTA “Night Ride from LA” | LONGA “El Cine Ha Muerto” (Cine7)

14h30min – CURTA “O Tempo” | LONGA – Rumo” (Cine7)

17h – CURTAS – NAU e “El Principe Ribamar” | LONGA “El Nadador” (Cine7)

Bagé: DIA 3 (01/12) – sexta

10h – CURTA – “Adore” | LONGA – “Sucesso e o Abstrato” (Cine7)

14h30min – CURTA “Strangers All Over Again” | LONGA “Bizarros Peixes das Fossas Abissais” (Cine7)

17h – CURTA “Restaurante” | LONGA “Baracoa” (Cine7)

19h30min – Show Lucifer Kabra (Santa Thereza)

20h – Mostra Competitiva Regional 2/3 (Santa Thereza)

Bagé: DIA 4 (02/12) – sábado

10h – CURTA “Home” | LONGA – “Céu Aberto” (Cine7)

14h30min – CURTA “Dildotectónica” | LONGA – El Filo de las Tijeras” (Cine7)

17h – CURTAS – “Cama Vazia” e “Quasi Perfetto” | LONGA – “El Actor Principal” (Cine7)

19h  – Longa Homenageada: “Cafundó” (Santa Thereza)

20h30min – Mostra Competitiva Regional 3/3 (Santa Thereza)

22h30min – Show Zava MC e Show Kika Simone (Santa Thereza)

DIA 5 (03/12) – domingo

18h – LONGA “El Canto del Tiempo” (Santa Thereza)

19h30min – Filme de Encerramento – “Sobreviventes do Pampa” (Santa Thereza)

21h – Cerimônia de Premiação (show Rita Zart, Rafael Silva e Lulu do Acordeon) (Santa Thereza)

Curtas-metragens internacionais:

“Adore”, de Beth Warrian (Canadá), “Cama Vazia”, de Fábio Rogério e Jean-Claude Bernardet (Brasil), “Dependências”, de Luisa Arraes (Brasil), “Dildotectónica”, de Tomás Paula Marques (Portugal), “El Principe Ribamar de la Beira Fresca”, de Murilo Cesca (Uruguai), “Home”, de Bárbara Bárcia (Brasil/Inglaterra), “Messi”, de Henrique Lahude e Camila Acosta (Brasil/Argentina), “NAU”, de Renata de Lélis (Brasil), “Night Ride from LA”, de Martin Gerigk (Alemanha), “O Tempo”, de Ellen Corrêa (Brasil), “Quasi Perfetto”, de Federico Frefel (Itália), “Restaurante”, de Leonardo Da Rosa (Brasil), “Strangers All Over Again”, de Mariana Boger (EUA) e “Thuë pihi kuuwi / Uma Mulher Pensando”, de Aida Harika Yanomami (Brasil).

Mostra de Curtas-metragens de Animação:

“A Mina de Quimera”, de Thiago Calcagno Martins, Cadu Zimmermann e Gabriel Dias dos Santos (Pelotas/Brasil), “Ana Morphose”, de João Rodrigues (Guimarães/Portugal), “Carcinização”, de Denis Souza (Pelotas/Brasil), “Coaxo”, de Cecilia Martinez (Pelotas/Brasil), “Desejo Expõe Suas Obras”, de Salmo Pagão (Brasília/Brasil), “Livre”, de Claudio Luiz Marques (Rio Grande/Brasil), “Lótus”, de Sara Pinheiro e Larissa Moreira (Florianópolis/Brasil), “Minha Primeira Memória”, de Lara Salsa (Recife/Brasil) e “Tardes no Escarafuncha”, de Fernando Ferreira Garróz (Franca/Brasil).

PRIMEIRA PÁGINA

COMENTÁRIOS

Comments

comments

%d