Feira do livro celebrou a cultura pelotense

Reportagem de Matheus Muniz e Ingrid D’Ávila – 

As atenções ficaram divididas entre as obras e as apresentações. Quem visitou a 43ª Feira do Livro, ocorrida na Praça Coronel Pedro Osório, do dia 29 de outubro até o domingo passado, teve a oportunidade de prestigiar diversas atrações. O evento, que a cada ano ganha novas programações, tornou-se uma oportunidade de celebração da cultura pelotense.

Shows, esquetes de teatro e dança, palestras, corais, rodas de debate e até mesmo aulas de zumba. Além de abarcar vários públicos, o cronograma também foi pensado para ocupar prédios emblemáticos de Pelotas. Além da Tenda Cultural João Simões Lopes Neto, a Bibliotheca Municipal e várias edificações ao entorno da praça também acolheram atividades.

A integração das artes foi demonstrada logo pela escolha do tema. “O canto das letras” evidenciou a relação íntima entre a literatura e a música. A união de sucesso foi certificada pelo público. Segundo a organizadora Theia Bender, os shows noturnos foram grandes destaques da programação cultural. Para completar, o escritor, compositor e músico Vitor Ramil foi o patrono desse ano.

Evento teve 18 dias de farta agenda cultural e estimulou a participação da juventude

 

As sessões de autógrafo movimentaram os corredores. O número de lançamentos na Feira impressiona. Ao todo, cerca de 70 publicações ganharam o mercado a partir da 43ª edição. Sete assinadas por crianças, incentivadas, segundo Theia, pela cultura escolar de estimular a leitura desde as séries iniciais. “As professores estão trabalhando nas escolas no incentivo à produção literária”, enfatizou.

“Os Blancos de Jaguarão” foi uma das peças de teatro que presenteou o público. A apresentação escolar, protagonizada por alunos da Escola Municipal Dr. Joaquim Assumpção, teve colaboração da Confraria Amigos do Lobo da Costa, que estuda e interpreta as obras do autor pelotense. Camila Molo, que faz parte da confraria, considerou como importante o espaço. Sentimento compartilhado com Alláns Machado, outro membro do grupo. “Fiquei lisonjeado ao participar”, destacou.

PRIMEIRA PÁGINA

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: