A periferia tem voz

Reportagem de Luís Artur Janes Silva –

Dentre as várias manifestações da cultura hip-hop em Pelotas está a personalidade e a obra de Luís Henrique Barcelos Duarte, o Mano Rick, um dos integrantes mais populares do movimento hip hop no Loteamento Dunas, periferia da cidade. É uma das vozes mais influentes daquela comunidade, estigmatizada pela imagem de violência.

Mano Rick teve sua veia artística despertada aos oito anos, quando ganhou de aniversário dos pais um duo de CD’s que influenciou de forma determinante sua orientação.  O grupo de rap Racionais MC’s e o DJ Carcaça introduziram o hip hop e as batidas na vida de Luís Henrique.

O artista é grande entusiasta do movimento Dunas RAP, esforço feito por representantes do hip hop no Loteamento Dunas. Este evento, criado em 2011, irá expandir-se para outras localidades da cidade, em iniciativa patrocinada pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult). Assim, os bairros Navegantes, Simões Lopes e Getúlio Vargas poderão conhecer expoentes do hip hop do Dunas, entre eles, Mano Rick.

Intitulando-se MC (Mestre de Cerimônia) e beatmaker, pois faz batidas misturando sons de vários artistas, Mano Rick diz que suas letras mostram a realidade do Loteamento Dunas e que adora apresentar-se no local. Lá acontece a troca de ideias entre o poeta e o seu público, que se enxerga nas letras.

Mano Rick também demonstra maturidade e visão de mundo quando reconhece que a Internet serviu para ampliar as possibilidades de divulgação da obra dos artistas, mas ao mesmo tempo pasteurizou o discurso de alguns integrantes do hip hop. Na sua visão, eles preferem a produção musical contínua e muitas vezes desprovida de conteúdo mais profundo, em detrimento de uma criação artística mais cuidadosa, e que leve uma mensagem de conscientização ao público.

Além disso, critica a diluição de conteúdo a que alguns artistas submetem-se ao trabalhar para grandes gravadoras, advindo deste fato a predileção em produzir seu material musical, feito por ele e dirigido aos seus próximos.

Mano Rick apresenta-se no Bairro da Gente

Mano Rick apresenta-se no Bairro da Gente

Assim, o nosso artista prefere fazer tudo ao seu tempo, depois de lançar o EP (extended play) Fatos e Fatos em 2013, gravado com recursos próprios e com ajuda dos parceiros de “guerra”, no estúdio caseiro Dinossauro Records, Mano Rick dedicou-se à pesquisa e produção de novos beats. Estabeleceu contato com outros artistas e auxiliou velhos conhecidos que começam a seguir a senda de alguma vertente do hip hop.

Ainda sem previsão de lançamento, o primeiro CD de Mano Rick gera uma grande expectativa na comunidade do Loteamento Dunas que espera que uma de suas mais brilhantes mentes encante a todos com sua poesia ritmada.

 

Escute a música Situação, do EP Fatos e Fatos.

Influenciado por extensa lista de artistas, que inclui Racionais MC’s, Da Guedes, DMN, Sabotage, Notorius B.I.G e Tupac,  Mano Rick não se esquece dos velhos parceiros do Loteamento Dunas, tais como o seminal Banca CNR, e, ainda, os contemporâneos Alemonix, Luan, Zumbi e Duck GS.

PÁGINA INICIAL

 

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: