2019 IAPS Symposium Ageing in Place in a World of Inequalities: How to Design Healthy Cities for All

Um dos maiores eventos internacionais da área de arquitetura, psicologia e saúde com o tema Envelhecimento Global acontecerá em Pelotas, Brasil, do dia 27 ao dia 29 de novembro de 2019, das 9:00 as 18:00 horas no Centro de Pós-Graduação e Pesquisas em Ciências Humanas, Sociais, Sociais Aplicadas, Artes e Linguagem (R. Cel. Alberto Rosa, 117 – Centro, Pelotas – RS, 96010-770). A cerimônia de encerramento será na Biblioteca Pública de Pelotas as 10 horas da manhã do dia 30 de novembro, com o Coral do Grupo Cantarolando do maestro Beto Lima. As palestras e eventos são todos com entrada gratuita. Também, todos são convidados para assistirem os trabalhos apresentados. O Evento faz parte das atividades de celebração dos 50 anos da Universidade Federal de Pelotas.
A Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) sediará o evento com o apoio do IAPS (Internacional Association of People Environment Studies, Projeto PlaceAge, Laboratório de Estudos Comportamentais da UFPel e Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFPel. O Simpósio também é desenvolvido pelo Centre for Healthy Cities, Aging and Citizenship Project, o qual faz parte do Programa Institucional de Internacionalização da UFPel – CAPES PRINT. Este é um evento mundial que ocorre de dois em dois anos, promovido pelas redes de pesquisa do IAPS, em diferentes países; o último foi sediado na Tanzania, África.
O envelhecimento populacional tem gerado novos desafios em como projetar melhores ambientes urbanos que apoiem e promovam o envolvimento social cotidiano e a vida urbana saudável para todos. À medida que envelhecem, as pessoas enfrentam limitações em suas capacidades físicas e cognitivas, mudanças nos arranjos de vida e perda de apoios sociais. O ambiente preferido pelos idosos é a comunidade, onde eles podem permanecer ativos, engajados, socialmente conectados e independentes. No entanto, as cidades urbanas contemporâneas podem ser “hostis” às pessoas com 60 anos ou mais, agindo como uma barreira ao acesso às oportunidades sociais, econômicas e cívicas.
Este Simpósio reconhece que simplesmente mudar a forma construída não é suficiente para criar um ambiente mais inclusivo para o envelhecimento, pois os lugares são mais do que espaços físicos. Ambientes viáveis são articulados através de um forte sentido de lugar, definido como os vínculos sociais, psicológicos e emocionais que as pessoas têm com seu ambiente. Um forte senso de lugar resulta do acesso a apoios para participação ativa, oportunidades para construir e sustentar redes sociais e assumir um papel significativo na comunidade. Em contraste, um sentimento de exclusão ou “falta de oportunidades de participação na comunidade” está associado à alienação, ao isolamento e à solidão, muitas vezes resultando em problemas diversos de saúde e bem-estar, particularmente entre os idosos vulneráveis. Socialmente, a criação de ambientes urbanos amigáveis ao envelhecimento que apoiam o sentido de lugar é parte integrante do envelhecimento bem-sucedido, garantindo que as pessoas possam continuar a contribuir positivamente na velhice, atrasando a necessidade de cuidados institucionais e reduzindo os custos de saúde e assistência social.
IMPORTANTES DATAS:
 
Palestra de Abertura: dia 27/11 às 10:00 horas no prédio do CEHUS-UFPEL. Título: AGEING AND PLANNING: A PARTICIPATORY ACTION RESEARCH PERSPECTIVE. Palestrante: Professor Dr. Ricardo Garcia Mira, Universidade de La Coruna na Espanha.
Mesa Redonda: dia 28/11 às 17:00 horas no prédio do CEHUS-UFPEL. Título: How to design better cities for all?. Professores Dr. Mark Del Aguila (Australia), Hartmut Günther (Brasilia, UNB), Isolda Günther (Brasilia, UNB).
Palestra: dia 29/11 as 17:00 horas no prédio do CEHUS-UFPEL. Título: Where will I live? And how? Implications for Healthy Cities Design. Palestrante: Professor Dr. Hartmut Günther (Brasilia, UNB).
FEIRA SUSTENTÁVEL:
 
Durante os dias 27, 28 e 29, as feiras locais Bem da Terra (dias 27 e 29/11, 11-18h) e miniFEIRA VEGANA (dia 28, 11-18h) estarão presentes no Simpósio Internacional que também abordará o consumo sustentável como necessário para um melhor envelhecimento. A iniciativa do espaço de feiras sustentáveis é da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFPEL. A feira Bem da Terra já acontece tradicionalmente no local e oferecerá sua produção artesanal de biscoitos, pães, cucas e artesanatos. Já a proposta da nova miniFEIRA VEGANA é uma curadoria reduzida da feira Vegana de Pelotas com venda de alimentos sem origem animal, cosmética natural, utilitários em tecido pro dia a dia, plantinhas, camiseteria e brechó.
Também, durante estes dias teremos OFICINA DE GRAFITE E MOBILIÁRIO coordenada pela Professora italiana Dra. Emanuela Di Felice. Para participar da Oficina se inscrevam dia 27/11 as 9:00 horas da manhã no CEHUS-UFPEL (vagas limitadas, chegue cedo).
Os Livros ENVELHECENDO NO LUGAR e OLHARES DA FAVELA estarão disponíveis durante o Evento pelo valor de 35 reais.
A íntegra das informações do Simpósio podem ser encontradas no site: https://wp.ufpel.edu.br/placeage/

Professor Flávio Sacco dos Anjos realiza missão: “Trajetórias de Valorização da Cultura e do Patrimônio Agroalimentar na Andaluzia e no Rio Grande do Sul”

O Projeto CAPES PrInt/UFPel assenta-se em dois grandes eixos temáticos. Um deles volta-se à área da saúde, enquanto o outro à área de Alimentos, sendo este intitulado “Alimentos Saudáveis em Territórios Sustentáveis”. Dentro deste eixo consta o projeto de cooperação internacional “Alimentação, Cultura e Identidade”, que inclui diversos Programas de Pós-Graduação da UFPel, coordenado pela Professora Juliane Serres (PPG Memória Social e Patrimônio Cultural). 

Dentro desse projeto de cooperação internacional foi concebida a missão do Professor Flávio Sacco dos Anjos, intitulada “Trajetórias de Valorização da Cultura e do Patrimônio Agroalimentar na Andaluzia e no Rio Grande do Sul”, a qual está sendo desenvolvida junto ao Instituto de Estudos Sociais Avançados, ligado ao Conselho Superior de Investigações Científicas de Espanha. 

Nesta postagem constam imagens relativas a visitas técnicas e entrevistas realizadas pelo docente junto à região de Jaén, Andaluzia, incluindo Centros de Interpretação da Oliva e do Azeite e Museus temáticos.

Curso no PPGO com a Professora Marie-Charlotte Huysmans

No dia 19/11/2019 será realizada  a palestra  intitulada Should (can) this tooth come out? Focal  infection check-up for chemotherapy and stem cell transplantation pela Professora Marie-Charlotte Huysmans, no Auditório do PPGO (5º andar) às 18 horas.
Marie-Charlotte Huysmans é professora da Radboud University Medical Centre, Hijmegen, Holanda. Está como professora vistante este mês na UFPel como parte do programa CAPES  PrInt.
O curso será em inglês e não haverá tradução. O público esperado é de aproximadamente 70 pessoas.

Equipe do Projeto de Cooperação Internacional “Nanomed” realiza missão no Canadá

Os professores que fazem parte da equipe do Projeto de Cooperação Internacional intitulado Criação do Núcleo Temático de inovação em nanomedicina (Nanomed), no âmbito  do edital CAPES PrInt/UFPel, que conta com a coordenação do Dr. Neftali Carreño (PPG em Ciência e Engenharia de Materiais – PPGCEM) e os professores Dr. Cláudio Pereira (PPG em Bioquímica e Bioprospecção – PPGBBio e PPG em Biotecnologia), Dr. Luciano da Silva Pinto (PPGB) e Dra. Elessandra da Rosa Zavareze (PPG em Ciência e Tecnologia de Alimentos – PPGCTA) participaram, entre os dias 23 de setembro e 02 de outubro de 2019, de missão institucional no Canadá, cidades de Guelph e Hamilton, onde estão localizadas as instituições canadenses colaboradoras: University of Guelph e a McMaster University.

Prof. Neftali, Prof. Lin, Profª Elessandra, Prof. Luciano, Prof. Claudio e Profª. Fabiana Motta 

A missão teve como objetivo incentivar a execução de projetos científicos com instituições renomadas de Ontario, Canadá, e diferentes grupos de pesquisa da UFPel, vinculados aos programas de pós-graduação PPGCEM, PPGBBIO, PPGB e PPGCTA, estimulando o intercâmbio de discentes e pesquisadores, ações que consequentemente virão impactar a qualificação de recursos humanos de alto nível bem como a internacionalização da UFPel. Neste sentido, o grupo conta com parcerias dos professores Alvaro Renato Guerra Dias e Elessandra Zavareze do PPGCTA e com o Professor Loong-Tak Lim da University of Guelph (UoG) desde 2013. A UoG já recebeu 6 discentes do PPCGCTA para realização de doutorado sanduíche e no total já foram publicados 12 artigos científicos e um capítulo de livro em conjunto com a UFPel. O professor Neftali Carreño possui colaboração com o grupo de pesquisa da professora Kathryn Grandfield da McMaster University desde 2017. Dois alunos do PPGCEM realizaram seus estágios de doutorado, com elaboração de 4 artigos científicos em conjunto, bem como trabalhos científicos elaborados pelos alunos do PPGCEM que resultaram em premiação em congressos internacionais. O professor Neftali Carreño mantém, ainda, colaboração com a University of Waterloo também no estado de Ontario.

Os docentes em missão participaram de reuniões de trabalho e seminários de grupos para elaboração de um plano de trabalho entre as instituições, para o período 2019-2022, em vários temas: na área de Bioinformática (encabeçado pelo professor Luciano da Silva Pinto junto ao professor Wei Zhang do Department of Molecular and Cellular Biology da UoG),  relacionados à manipulação e modificação química (com o professor Cláudio Pereira e pesquisadores chineses, canadenses e do Egito vinculados ao grupo do professor Professor Loong-Tak Lim da UoG) e temas vinculados à Nanotecnologia, destacando o desenvolvimento de biomateriais funcionais, membranas ativas e inteligentes para as áreas da saúde e alimentos, hidrogéis, desenvolvimento e aplicação de materiais à base de nanocelulose, nanoestruturas tridimensionais, regeneração óssea e tecidual, bio-sensores, entre outros (com os professores Elessandra Zavareze e Neftali Carreño).

Os docentes da UFPel ainda acompanharam demonstrações práticas nos laboratórios da UoG, conduzidos pela equipe canadense. A reunião de trabalho na McMaster University estabeleceu algumas prioridades nas áreas de engenharia tecidual e regeneração óssea, aplicação de biomoléculas lectinas entre outras produzidas pelos grupos dos professores Luciano da Silva Pinto e Cláudio Pereira, bem como utilização de metodologias de microscopia de alta resolução para monitoramento e crescimento celular, por intermédio de técnicas avançadas de tomografia tridimensional.

Na University of Guelph, os professores foram acolhidos pelos pesquisadores Loong-Tak Lim do Department of Food Science e Wei Zhang do Department of Molecular and Cellular Biology. Na McMaster University, o grupo foi recebido pela Professora Kathryn Grandfield, também responsável pelo Centro de Microscopia desta universidade e umas das pesquisadoras encarregadas da implantação de laboratórios multidisciplinares da área de Biomateriais que agregam pesquisadores das áreas Biológicas, Saúde, Ciências dos Materiais e Engenharia.

Laboratório do Prof. Lin, ensaio de eletrofiação

Laboratório da Profª Kathryn Grandfield

Espera-se que ao longo do projeto CAPES PrInt/UFPel a elaboração e implantação de metodologias que permitam auxiliar o desenvolvimento de novos trabalhos científicos dos discentes e pesquisadores dos programas de pós-graduação PPGCEM, PPGBBIO, PPGB, PPGCTA e PPGCTA em parceria com as instituições canadenses, impactando positivamente a produção cientifica e tecnológica da nossa instituição, permitindo, assim, a transferência de conhecimento para a cadeia produtiva do pais.

Professores visitantes no Brasil: Marie-Charlotte Huysmans e Mark Van Der Loo

A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) está recebendo a visita dos professores holandeses Marie-Charlotte Huysmans, da Universidade Radboud de Nijmegen, e Mark Van Der Loo, do Bureau Central de Estatística (Statistics Netherlands – CBS). Ambos estão desenvolvendo diversas atividades na UFPel por meio do Projeto CAPES PrInt/UFPel.

Profª Marie-Chalotte e Prof. Mark van der Loo

Ambos são os primeiros docentes que chegam à UFPel por meio dessa iniciativa. Os convidados estão participando de uma série de ações, que envolvem cursos para a comunidade acadêmica da UFPel e consultoria internacional em suas áreas de atuação. Eles ficarão em torno de um mês na Universidade.

Marie-Charlotte atua na área de Odontologia e já é colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UFPel. A docente vai trabalhar, em sua atual passagem pela Universidade, com patologias sociais relacionadas a problemas bucais, mais especificamente cáries. Também terá atuação em outro projeto, o Observatório Global de Cuidado Odontológico. Além de sua participação como pesquisadora colaboradora, ela irá contribuir na indicação de temas prioritários e orientando de que forma os projetos podem ser melhor aplicados no contexto internacional.

Van Der Loo estuda a organização e limpeza de grandes bancos de dados. Em sua passagem pela UFPel, vai ministrar um minicurso sobre como organizar e construir bancos de dados mais consistentes. Dentro do conteúdo, estão manejo, limpeza e preparação de dados para serem utilizados em análises estatísticas. Além disso, ele participa de reuniões, treinamentos e consultoria para auxiliar os pesquisadores da UFPel em seus projetos e análises de dados. A intenção é, futuramente, atuar na construção de uma plataforma de ensino conjunta.

Os pesquisadores foram recebidos pelo reitor Pedro Curi Hallal e pelas equipes da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PRPPGI) e Coordenação de Relações Internacionais (CRInter).

Na ocasião, o gestor falou sobre a estrutura da UFPel, sua tradição e vigorosa atuação na pesquisa e pós-graduação, especialmente nas áreas de saúde e tecnologia, com forte presença e parceria internacional. Hallal destacou ainda a elogiada proposta da UFPel no edital de internacionalização, extremamente concorrido entre as universidades brasileiras.

Fonte: http://ccs2.ufpel.edu.br/wp/2019/11/06/ufpel-recebe-professores-holandeses-pelo-projeto-capes-print/

ALTERAÇÃO: minicurso com professor visitante Mark van der Loo

Comunicamos que em virtude do alto número de inscrições no evento, e considerando a capacidade limitada do auditório acadêmico do campus Anglo (85 pessoas), a CRInter juntamente com a PRPPGI decidiram alterar as datas do curso  “An introduction to data management and data cleaning for scientists” a ser ministrado pelo Professor Visitante Mark van der Loo, do Instituto Nacional de Estatística da Holanda.

O curso ocorrerá ao longo da próxima semana, dias 11, 12, 13 e 14 de Novembro, das 10:00 às 12:00, no auditório do Campus II da UFPel, com capacidade para 215 pessoas.

A alteração se deu devido à indisponibilidade de espaço maior nas datas inicialmente agendadas.

As inscrições estão abertas por meio do formulário disponível em: https://forms.gle/eCzHT1exFsEsr8kQ9 

Minicurso com professor visitante Mark van der Loo

A UFPel está recebendo o professor holandês Mark van der Loo como visitante, dentro das ações do projeto CAPES PrInt. De forma a potencializar o efeito da vinda do professor, a PRPPGI e a CRInter estão convidando a comunidade acadêmica para participar do mini curso “An introduction to data management and data cleaning for scientists”. O intuito é que esta iniciativa seja também um ponta pé inicial para criação de uma disciplina transversal a todos os PPGs da UFPel voltada à análise de dados.

O mini curso será realizado em quatro encontros, no auditório acadêmico do campus Anglo em dias e horários como segue:

05/11 – Terça – 16:00 às 18:00

07/11 – Quinta –  16:00 às 18:00

11/11 – Segunda – 16:00 às 18:00

14/11 – Quinta – 10:00 às 12:00.

O curso será ministrado em inglês. As inscrições devem ser realizadas por meio de preenchimento do formulário eletrônico disponível em https://forms.gle/ba6ydKUfxeoXpDFT6 com limite de 85 inscrições.

Segue abaixo um breve resumo do curso e do currículo do Prof. Mark van der Loo.

An introduction to data management and data cleaning for scientists

Working with data in a way that is both understandable and reproducible by others is a core competence for research scientists. This four-part lecture series will highlight principals, applications, and free software tools for data management, data processing, and data cleaning in scientific environments.

Topics to be discussed include

– The many faces of information: recognizing data usage and choosing the right structure.
– Data analyses as a value chain, separating tasks in a clear way.
– Managing data in organizations and information modeling.
– Working reproducibly
– An introduction to systematic data cleaning and data validation for statistics.

The lecture series will be a mix of presentations, quizzes, and some practical assignments. In the later lectures we will do some work with R. No prior knowledge of R is assumed, but attendees who wish to join the assignments should bring a laptop with R preinstalled. Instructions for this will be posted with the lecture materials.

All lecture materials will be made available via https://github.com/markvanderloo/UFPEL2019

Mark van der Loo obtained his PhD in molecular physics in 2008 at Radboud University in the Netherlands. Since 2007 he is a researcher in statistical methodology at Statistics Netherlands: the Dutch government institute of national statistics. His expertise is in statistical computing, with research focusing on data cleaning, data processing, and most recently applications of network science. His published works include peer reviewed papers, software packages, and recently a book entitled ‘Statistical Data Cleaning with Applications in R’ with John Wiley & Sons. Mark’s software packages for R are applied by many users around the world, including statistical offices. As an instructor, he teaches a course in data management for the European Master’s of Official Statistics (EMOS) program for students of the universities of Utrecht and Leiden. Besides that he has more than ten years experience teaching R, data science, data cleaning, machine learning, and text mining both in government and commercial settings.

Pesquisadora vinculada ao Projeto Cultivos de Alimentos em Substratos Edificados realiza missão na Arizona State University

Dentro da proposta institucional do Projeto CAPES PrInt/UFPel, a docente da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFPel Lisandra Fachinello Krebs realizou, no mês de outubro de 2019, uma missão aos Estados Unidos, junto à Arizona State University.

Registro da apresentação da Pesquisadora da UFPel Lisandra Krebs para a equipe coordenada pelo Prof. David Sailor, da Arizona State University

A missão teve como objetivo consolidar as colaborações internacionais entre a UFPel e a Arizona State University, promovendo o intercâmbio de pesquisadores e discentes através do Projeto CAPES PrInt/UFPel. A professora Lisandra foi recebida pelos pesquisadores do Urban Climate Research Center, coordenado pelo professor David Sailor.

Na ocasião, foram apresentados os resultados parciais da pesquisa “Cultivo de Alimentos em Substratos Edificados”, bem como discutidas ações para a colaboração nas próximas etapas. Foi realizada uma apresentação formal para o grupo de pesquisadores, e também reuniões de trabalho ao longo da semana.

Durante a semana foi ainda realizada a visita ao experimento com coberturas vegetadas conduzido pelo grupo do Professor Paul Coseo, do Herberger Institute for Design and the Arts, na mesma universidade.

Laboratório experimental do Herberger Institute for Design and the Arts

Módulos de cultivo

O Laboratório experimental inclui estudos de vegetação e de conforto térmico

PESQUISADOR SIDNEY GONÇALVES VIEIRA REALIZA MISSÃO NA ARGENTINA

De acordo com a proposta institucional do Projeto CAPES PrInt/UFPel, o docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural (PPGMSPC/ICH) Sidney Gonçalves Vieira, realizou no mês de setembro de 2019 uma missão a Buenos Aires, Argentina, junto à Universidad de Buenos Aires.

Professores Rodolfo Bertoncello e Sidney Vieira

A missão teve como objetivo consolidar as colaborações internacionais entre a UFPel e a Universidad de Buenos Aires, promovendo o intercâmbio de pesquisadores e discentes através do Projeto CAPES PrInt/UFPel para promoção da internacionalização da UFPel. O professor brasileiro reuniu-se com os professores Rodolfo Bertoncello, Mariana Arzeno, Claudia Troncoso e Jorge Blanco.

O pesquisador brasileiro participou do VII Seminário Internacional Ciudad, Comercio y Consumo, promovido pelo Instituto de Geografía, Facultad de Filosofía y Letras, Universidad de Buenos Aires e Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas. Dando sequência aos eventos anteriores estiveram presentes ao evento além de renomados pesquisadores brasileiros e argentinos, também pesquisadores de importantes centros de Portugal, Espanha, Itália e Estados Unidos.

O professor Sidney esteve reunido com o Diretor do Instituto de Geografía, Universidad de Buenos Aires, professor Jorge Blanco, a fim de informar o interesse do Programa de Pós-Graduação brasileiro em ampliar o intercâmbio existente com a realização de estágio de pós-doutorado sênior naquela instituição. A notícia foi recebida com entusiasmo e integral apoio. Também com o professor Rodolfo Bertoncello a reunião teve o mesmo caráter, sendo que o professor, que já participou de atividades conjuntas com o PPG de Memória Social e Patrimônio Cultural, se colocou à disposição para integrar as atividades propostas.

Com as professoras Mariana Arzeno, Claudia Troncoso e Rodolfo Bertoncello, o professor Sidney discutiu a integração dos referidos pesquisadores junto ao Projeto Alimentos Saudáveis em Territórios Sustentáveis. As professoras mencionadas desenvolvem projeto semelhante e apresentaram a comunicação El consumo de alimentos alternativos  em la ciudad de Buenos Aires: actores, eventos y lugares.

Professores Sidney, Mariana e Claudia

Na oportunidade, o professor Sidney coordenou uma mesa redonda do Seminário Internacional, apresentou uma comunicação desenvolvida juntamente com Rossana Prado Perez, egressa do Programa e participou de um Trabalho de Campo, com vistas a reconhecer futura área de estudos nos bairros do Centro e San Telmo na cidade de Buenos Aires.

Ficou estabelecido o planejamento de um cronograma para realização de um estágio de pós-doutramento sênior de pesquisador brasileiro junto ao Instituto de Geografia da Facultad de Filosofía y Letras de la Universidad de Buenos Aires no ano de 2020, através do Projeto CAPES PrInt/UFPel, bem como um planejamento de visita de professor daquele instituto junto à Universidade Federal de Pelotas.

Pesquisadores Fabiana Seixas e Tiago Collares participaram de Missão Institucional CAPES PrInt/UFPel nos Estados Unidos

Dentro da proposta institucional do Projeto CAPES PrInt/UFPel, os docentes permanentes do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGB) Fabiana K. Seixas, atual coordenadora Adjunta do Programa, e o professor Tiago Collares, atual Diretor do Centro de Desenvolvimento Tecnológico da UFPel, realizaram no mês de julho de 2019 uma missão aos Estados Unidos, junto à University of Illinois at Chicago e à Northwestern University Feinberg School of Medicine.

A missão teve como objetivo consolidar as colaborações internacionais entre a UFPel e a University of Illinois, promovendo o intercâmbio de pesquisadores e discentes através do Projeto CAPES PrInt/UFPel para promoção da internacionalização da UFPel. Os professores brasileiros foram recebidos pelos pesquisadores americanos Lawrence Schook e Kyle Schachtschneider.

Os pesquisadores brasileiros participaram do Chicago Science 2019: Epigenetics and Genome Editing, na Northwestern University Feinberg School of Medicine, promovido pela Nature Genetics and Nature Medicine. Pesquisadores renomados de diversas instituições de pesquisas dos Estados Unidos como University of Illinois, Harvard Medical SchoolMIT, dentre outras, participaram do encontro e das discussões cientificas.

Junto à University of Illinois at Chicago, foram realizadas visitas ao Illinois Medical District onde estão situados hospitais ligados à pesquisa em Biotecnologia, o Centro de Biotecnologia Farmacêutica, o Parque Tecnológico de Chicago e a Incubator Laboratory Facility. Os pesquisadores da UFPel foram recebidos pelo grupo de pesquisa em Genômica Comparativa.  Após a visita aos laboratórios e ambientes de pesquisas da Incubator Laboratory Facility, os pesquisadores participaram de reuniões de trabalho para elaboração de um plano de colaboração entre as instituições e grupos de pesquisa.

Projetos na área de Biotecnologia do Câncer, utilizando edição de genomas por CRISPRs para desenvolver o modelo Oncopig destinado ao estudo do câncer de bexiga, já em desenvolvimento nesta colaboração, foram discutidos. Os professores do PPGB tiveram a oportunidade de participar de reuniões científicas com estudantes internacionais e pesquisadores ligados ao grupo de pesquisa coordenado pelo professor Schook, com apresentação das pesquisas em andamento.

Ficou estabelecido um cronograma de estágio de doutoramento sanduíche para estudantes brasileiros do PPGB junto à Universitiy of Illinois at Chicago no ano de 2020 através do Projeto CAPES PrInt/UFPel, bem como um planejamento da  visita do professor Lawrence Schook junto ao PPGB no ano de 2020.  Finalizada a missão, foi firmado o compromisso de estabelecer um convênio formal entre as universidades para ampliar a colaboração existente.

  Lawrence Schook, Tiago Collares e Kyle Schachtschneider

Tiago Collares, Lawrence Schook e Fabiana Seixas – Chicago Science Northwestern University Feinberg School of Medicine

Lobna Elkhadragy, Fabiana Seixas, Kyle Schachtschneider e Tiago Collares –  University of Illinois at ChicagoIncubator Laboratory Facility – Biological Resource Laboratory

Tiago Collares  – University of Illinois at ChicagoIncubator Laboratory Facility / Illinois Medical District