Bolsas para mestrado em estudos de gênero e mulheres na Europa

on

Se você tem interesse na área de gender studies, esta oportunidade do Erasmus Mundus de bolsas para mestrado em estudos de gênero e mulheres certamente vai lhe interessar!

Mestrado em Estudos de Gênero e Mulheres (Gemma) já tem dez anos de existência. Ele é o único curso Erasmus+ dentro dessa temática, sendo avaliado com excelência pela Comissão Europeia e considerado referência na Europa. Além disso, também é reconhecido a nível internacional e considerado o melhor curso de pós-graduação da Espanha.

Como é o Gemma

O curso é resultado de uma parceria entre oito universidades de seis países diferentes. São elas: Universidade de Granada (Espanha); Universidade de Bolonha (Itália); Universidade Central Europeia de Budapeste (Hungria); Universidade de Hull (Reino Unido); Universidade de York (Reino Unido); Universidade de Lodz (Polônia); Universidade de Oviedo (Espanha); Universidade de Utrecht (Países Baixos). Outras oito instituições da América central, do sul e do norte são parceiras do projeto, entre elas a Unicamp.

Buscando desenvolver competências profissionais para a realização de pesquisas ou trabalhos na área, o mestrado é interdisciplinar. O principal objetivo do curso é formar especialistas no âmbito da igualdade, levando em conta as interseções de etnicidade, classe e sexualidade e contribuindo para a construção de uma cidadania solidária a responsável.

Durante o processo de inscrição, o candidato deverá indicar preferência por duas universidades (uma de “acolhida” e outra de “mobilidade”). Normalmente, será respeitada a escolha do selecionado. Contudo, devido ao grande número de interessados, existe a possibilidade de ser oferecida uma outra rota de mobilidade ao aluno.

É possível começar os estudos em qualquer universidade do consórcio e todas as rotas estão disponíveis. No entanto, é preciso escolher países diferentes. O Gemma tem dois anos de duração.

Sobre as bolsas para mestrado em estudos de gênero e mulheres

Desde o início, mais de 800 estudantes de todo o mundo já passaram pelo Gemma e já foram concedidas cerca de 200 bolsas de mestrado em estudos de gênero.

Os benefícios do programa Erasmus+ duram os dois anos do curso. Eles incluem todos os custos de matrícula, uma contribuição anual para os gastos de viagem e instalação e um auxílio mensal de 1 mil euros.

Requisitos para participar do programa

Para concorrer ao benefício do Erasmus+, é preciso ter graduação e contar com um excelente histórico acadêmico. A seleção é baseada no currículo, rendimento, motivação, recomendações, conhecimentos de idiomas, etc.

Quem deseja concorrer às bolsas para mestrado em estudos de gênero precisa demonstrar conhecimento na língua de instrução da universidade de acolhida e também na universidade de mobilidade. Além disso, o interessado não pode ter morado em um dos países europeus do programa por mais de 12 meses nos últimos cinco anos.

Como se candidatar

Para se candidatar e concorrer a uma das bolsas para mestrado em estudos de gênero, o prazo termina no dia 15 de fevereiro.

Os interessados devem preencher o formulário de candidatura e enviar os documentos solicitados. É importante dizer que é necessário fazer tudo em uma única vez, pois o sistema não permite que você feche e depois volte a editar.

A documentação necessária é composta por:

  • Currículo (modelo Europass);
  • Cópia do diploma de graduação;
  • Histórico acadêmico;
  • Certificado de nota média durante o curso;
  • Certificados de idioma;
  • Comprovante de residência;
  • Cópia do passaporte;
  • Carta de recomendação;
  • Carta de motivação.

Se não estiverem em espanhol, inglês ou italiano, os documentos precisam ser acompanhados de tradução juramentada.

Saiba tudo sobre o programa
Leia sobre as bolsas
Acesse o guia para candidatura
Veja as respostas para as dúvidas frequentes

FONTE: https://partiuintercambio.org/bolsas-de-estudo/bolsas-para-mestrado-em-estudos-de-genero-e-mulheres-na-europa/