Laranjal, de verão a verão

Por Ronaldo Luis    

Vida cultural, atrações artísticas nas praias do Balneário e a crise na pandemia

As quatro praias do Balneário do Laranjal estão localizadas a partir de 12 quilômetros de distância do centro de Pelotas. A Colônia de Pesca Z3 é a mais distante, a 29 quilômetros; a praia do Barro Duro, 15 quilômetros, praia do Santo Antônio, 12 quilômetros, e a praia do Valverde, 11.5 quilômetros, onde se localiza o Trapiche, reconhecidamente como a maior atração do Laranjal e atualmente fechado em reforma estrutural. O maior acesso de cidadãos pelotenses e turistas ao Laranjal é durante os finais de semana, momentos em que a praia do Santo Antônio fica lotada pela população em busca de diversão, independente da estação do ano.

            Mesmo no inverno, as praias do Laranjal oferecem alternativas de lazer                      Fotos: Ronaldo Luis

As empresas na área da alimentação das praias do Laranjal atualmente mantêm a cultura musical dentro da segurança protocolar sanitária exigida. Os cuidados continuam enquanto perdurar a pandemia, mesmo com o início da vacinação e a proximidade o fim deste surto. Percorrendo o Balneário, há vários locais que representam um espaço importante para os cidadãos da cidade em busca de entretenimento com suas famílias. 

O calçadão está preparado com bebedouros de água e banheiros químicos em seus dois quilômetros de extensão para caminhadas ao ar livre. Durante o inverno, a estação mais fria do ano, o cidadão praiano mantém rotinas características de inverno, procurando locais fechados que servem os famosos chocolates quentes com cobertura de merengue, devido ao clima frio e chuvoso.

O Calçadão oferece uma excelente alternativa para caminhadas

A moradora do Valverde, Neusa Machado, gosta do silêncio das noites do Laranjal, quando pode então escutar o bater das ondas da Lagoa dos Patos na areia da praia. Mas, especialmente para quem é de fora, além da própria natureza, somam-se as atrações dos bares, restaurantes e promoções artísticas.

Tradicionalmente os estabelecimentos comerciais do Laranjal mantêm eventos culturais disponíveis ao público que é fiel, especialmente no verão. Mas, de acordo com Luiz Eduardo Couto, morador no Balneário Santo Antônio, pouquíssimas atividades culturais são realizadas ao ar livre durante épocas de extremo frio, o que piorou com a pandemia, ainda assolando a região. A própria estrutura física das praias e seus prédios ficaram comprometidos pela depredação natural da maresia e por se encontrarem fechados durante a pandemia.

Luiz comentou que as barreiras sanitárias determinaram a obrigatoriedade do álcool gel e máscaras em toda a rede comercial da praia. Os riscos de aglomerações na praia são grandes aos finais de semana e devem ser acompanhados pelas autoridades.

Trapiche do Laranjal

O Trapiche construído pelo Valverde Praia Clube no ano de 1968, passou por várias reformas estruturais. Sua plataforma com 530 metros recentemente teve sua estrutura comprometida, necessitando de reformas urgentes, que agora estão em plena execução por empresa contratada com essa finalidade.

Atualmente, estão sendo feitas obras de reparos em toda a extensão da avenida Antônio Augusto de Assumpção Jr., como a substituição das luminárias da praia por lâmpadas de led.

Construído em 1968, o Trapiche está atualmente em reformas

Rótula do Chafariz

Junto ao calçadão da orla do Laranjal, que inicia na rótula do chafariz, em frente ao Centro Comercial Mar de Dentro até o Trapiche, existem diversas obras de reparo nos canteiros e calçadão. Assim, o turismo cultural sendo valorizado pela administração pública.   

Nesse mesmo trecho da praia, existem inúmeros bares e restaurantes funcionando, no entanto, apenas algumas empresas promovem shows musicais ao vivo, principalmente aos finais de semana quando existe maior demanda e consumo por parte dos visitantes.

A facilidade de manter estabelecimentos em ambiente ao ar livre da praia permite a produção de eventos patrocinados por empresários com interesse no maior fluxo de visitantes.

As empresas, em pleno inverno de 2021, mesmo estando descapitalizadas em função dos sucessivos decretos municipais fechando o comércio, ainda ousam manter atrações artísticas com músicos locais. 

A Rótula do Chafariz é um ponto de início para o percurso de bares com atrações artísticas

Boteco do Tio Nei

Seu Rudinei, proprietário do Tio Nei, ressalta o valor dos shows musicais

No Centro Comercial Mar de Dentro, localizado na Av. Dr. Antônio Augusto de Assumpção Jr., nº.9347, se encontra o Boteco do Tio Nei, que possui em seu cardápio lanches e salgados feitos na hora, além das diversas marcas de cervejas. O proprietário Rudinei ressalta a importância da manutenção dos shows musicais com bandas locais aos finais de semana. O Grupo Di Boa é contratado para shows ao vivo, e, junto à dupla Pablo e Ronaldo, tem abrilhantado as tardes e noites dos finais de semanas no Boteco.

Atrações artísticas são ingrediente importante no cotidiano do Laranjal

kiColosso

De acordo com o proprietário Márcio, da Padaria e Café Restaurante kiColosso, localizada em frente ao Centro Comercial Mar de Dentro, consta em seus projetos a contratação de músicos locais durante as tardes dos finais de semana. Durante a pandemia, porém, não realizou nenhum evento artístico cultural.

A padaria kiColosso planeja shows após o final da pandemia

Pitbull Pub

O Pitbull Pub fica na praia de Valverde

Já na praia do Valverde, na Av. Dr. Antônio Augusto de Assumpção Jr. nº 8197, se localiza o restaurante, pizzaria e hamburgueria Pitbull Pub, a última empresa a fechar durante as frias noite desse inverno. Empresária e proprietária, Sandra Goularte mantém nesse local o único karaokê disponível na praia.

A Casa dos Artistas, como também a empresa Pitbull Pub é conhecida, tem realizado shows ao vivo com o músico Gutta dos Teclados, estando em seus planos a contratação de outros músicos durante o verão.

 

A empresária Sandra Goularte administra o único karaokê da praia do Laranjal

Satolep Brew Pub

Na mesma praia se encontra, em frente ao “Trapiche”, o bar Satolep Brew Pub, famoso na região por sua cervejaria própria, shows e seleto público voltado para atividades culturais. Momentaneamente se encontra fechado devido a pandemia.

Uma das principais atrações do bar durante os eventos, é a Cervejaria Satolep de fabricação própria, em atividade e com equipamento de última geração. De acordo com o Mestre Cervejeiro Luis Molina, a fábrica atende, além da demanda do bar, diversos pontos de distribuição do seu produto na região Sul.

O Satolep mantém a sua cervejaria própria

 

Devemos ter em mente que manter o devido distanciamento, usar máscaras e álcool gel é indispensável para nossa própria proteção, pois o momento ainda requer cuidados especiais.

Hoje em dia o trânsito não fica mais fechado nas praias do Laranjal, os hábitos praianos voltam pouco a pouco a sua normalidade sanitária. O público começa a frequentar novamente os bares em busca de distração, o que é ótimo para a saúde sociocultural e comercial da comunidade, sempre sob o olhar dos fiscais municipais da saúde, atentos às aglomerações.

PRIMEIRA PÁGINA

COMENTÁRIOS

Adorei a matéria, até porque AMO o Laranjal.

Graça

Saudades do Laranjal senti ao ler este conteúdo!!!

Rita Silveira

Comments

comments

%d