Big Five: Conhecendo a si mesmo

Muitas pessoas acreditam que é na hora da entrevista de emprego que começa o desafio para conquistar aquela tão sonhada vaga, porém esta é apenas uma das etapas a serem enfrentadas. Normalmente uma vaga exige certas competências desde ser alguém extrovertido até alguém mais focado e minucioso.

Conhecer a si mesmo faz com que ao identificar quais são essas competências necessárias numa entrevista, podemos nos preparar previamente tentando melhorar no que não somos tão aptos e mostrar aquilo que nos destacamos, dessa forma já podemos estar um passo à frente dos demais candidatos.

Das infinitas teorias que existem sobre personalidade, irei falar sobre o Big Five ou Modelo dos Cinco Grandes Fatores. Ela surgiu por meio dos estudos da Teoria dos Traços de Personalidade, na qual propõem descrever as dimensões humanas básicas.

Os fatores que compõem essa metodologia são: abertura a novas experiências, conscienciosidade, extroversão, neuroticismo e simpatia.

1. Abertura a novas experiências

Apresenta interesse por novas experiências emocionais, ideias incomuns, imaginação bem desenvolvida assim como um alto grau de curiosidade. Normalmente são pessoas que levam em conta seus sentimentos e têm opiniões não convencionais.

Já quem tem uma maior resistência a experiências tendem a ser mais tradicionais, preferindo o claro e simples a questões que podem apresentar ambiguidades, também são menos propensas a correr riscos.

2. Conscienciosidade (ou escrupulosidade)

Tendem à autodisciplina, são focados nos deveres e objetivos, mostram uma preferência ao planejamento em vez da espontaneidade.

No geral, influencia a maneira como controlamos e dirigimos os nossos impulsos. Pessoas com esse traço forte são mais rígidas contra qualquer eventual quebra de valores.

3. Extroversão

É o traço de pessoas que buscam por emoções positivas e estímulos, assim como o envolvimento com outras pessoas e o mundo exterior.

Os extrovertidos normalmente são aqueles cheio de energia, entusiastas e voltados para a ação. Já os introvertidos tendem a ser mais calmos e ponderados, e preferem se envolver menos com o mundo social. Estas pessoas necessitam de mais tempo com elas mesmas, o que não deve ser caracterizado como timidez ou depressão. Elas podem ser bastante ativas e enérgicas em outras áreas que não o social.

4. Neuroticismo

É a tendência em experienciar emoções negativas, como raiva, ansiedade ou depressão, as quais tendem a persistir por períodos longos. Por vezes, é chamado de instabilidade emocional.

Quem tem um elevado grau nessa característica são mais vulneráveis ao estresse. Tendem a tornar situações simples em algo muito mais ameaçador fazendo assim com que tenham sua capacidade de pensar claramente diminuída assim como de tomar decisões e lidar de forma apropriada com o estresse.

Indivíduos com baixo neuroticismo são mais estáveis emocionalmente. Tendem a ser calmos, e livres de sentimentos negativos persistentes. No entanto isso não significa necessariamente que estes indivíduos experimentem muitos sentimentos positivos.

5. Agradabilidade (simpatia)

É a tendência a ser compassivo e cooperante. Esse traço reflete diferenças individuais na preocupação com a harmonia social.

Essas pessoas valorizam a boa relação com os outros. Eles são geralmente respeitosos, amigáveis, generosos, prestativos e dispostos a fazer compromissos. Pessoas “amigáveis” têm também uma visão otimista da natureza humana. Elas acreditam que as pessoas são basicamente honestas, decentes e dignas de confiança.

Indivíduos “não-amigáveis” são mais individualistas, não se preocupando com o bem-estar alheio e, por vezes, o seu ceticismo acerca dos motivos dos outros os faz desconfiados e pouco cooperativos.

Equipe de Gestão de Pessoas

Referências:

https://www.gruposelpe.com.br/blog/metodologia-big-five-conheca-sua-origem-e-as-5-dimensoes/

https://meucerebro.com/as-5-grandes-dimensoes-da-personalidade/

 

Feedback: Roberto Ferreira Comercial e Construtora

O que nossos clientes falam sobre nós e sobre os nossos serviços?

Não é incomum para ninguém, principalmente dentro do âmbito administrativo, ouvir premissas como: o cliente tem sempre razão, ou então, o cliente é a alma do negócio. Desse modo, foi a partir dessa proposição, e do reconhecimento dela, que a construtora Roberto Ferreira, de Pelotas – RS, entrou em contato conosco. À vista disso, foi feita, então, uma pesquisa de satisfação com os moradores de um de seus projetos recentes. Com objetivo claro, de se manter conectados e de entender o que seus clientes pensam, sentem e discutem os processos, produtos e serviços da empresa.

Com isto em nota, foi oferecido à construtora uma proposta de pesquisa de satisfação, tal qual estatisticamente garantia 95% de confiança, e abordava tópicos, de modo geral, como: entrega do imóvel, andamento e acompanhamento da obra, qualidade da edificação, qualidade da unidade, assistência técnica, relacionamento comercial, entre outros. 

Devido a conjuntura atual, a pesquisa foi aplicada 100% de maneira remota, a partir de ligações e mensagens, tanto por WhatsApp, como por e-mail. Por fim, após duas semanas de intensas entrevistas com os moradores, foi realizado o  cruzamento dos dados coletados e assim realizada a elaboração do relatório final da pesquisa de satisfação com suas devidas suas conclusões.

Como foi a satisfação da empresa com a realização do projeto?

Ao término da consultoria, foi aplicado com a Roberto Ferreira uma pesquisa com objetivo de identificarmos como foi a satisfação da empresa com a realização do projeto desenvolvido pela Emad Jr.. Na pesquisa foram avaliados itens como satisfação, qualidade e cumprimento de prazos, assim obtivemos notas máximas em todos os quesitos analisados.

“A minha experiência com a Emad Jr. foi muito boa, muito dedicados e responsáveis” – Thamires, analista de controle de qualidade da Roberto Ferreira Comercial e Construções Ltda.

A Emad Jr. sente-se extremamente satisfeita, após a conclusão de mais um projeto, com excelentes  resultados. Agradecemos imensamente a Roberto Ferreira e aos seus colaboradores pela confiança. Desejamos sucesso nos seus futuros empreendimentos!

Você gostou do nosso trabalho e possui alguma ideia ou necessita algum auxílio dentro da sua empresa?

Entre em contato conosco pelo e-mail contato@emadjr.com.br.

Equipe Comercial

Como trazer resultados com a gestão por competências na hora da contratação?

Muito se fala atualmente em gestão por competências, mas ainda há uma lacuna entre o que as empresas sabem e a sua real metodologia. Por meio deste artigo, iremos esclarecer alguns equívocos sobre ela, e salientar alguns pontos os quais demonstram que quando a gestão for utilizada de forma correta, pode se tornar uma grande aliada na hora da contratação.

Diferente do que muitos pensam, o método pode ser empregado na seleção de todos os cargos de uma organização, independentemente se há a Gestão por Competência ou não. Suas principais vantagens são: maior objetividade, previsibilidade e sistematização; melhor adequação do profissional às atividades da empresa e maior produtividade e percepção de respeito aos seres humanos.

O processo de seleção visa agregar indivíduos que se identifiquem com à organização, e ao mesmo tempo, apresentem bons desempenhos. Desta forma, a seleção tradicional consiste basicamente em comparação e escolha. Na comparação, considera-se a descrição e análise do cargo em conjunto com os procedimentos de seleção. Na escolha, a decisão final fica a cargo do setor requisitante. Os procedimentos técnicos tradicionais valorizam as variáveis internas em detrimento das condições ambientais necessárias para a ocorrência dos comportamentos esperados. Reunidas as informações sobre o cargo a ser preenchido, o passo seguinte é a escolha de técnicas de seleção para conhecer e escolher os melhores candidatos.

A seleção por competências fornece ferramentas que auxiliam os profissionais de RH a mapear o perfil de competências (entendemos aqui competências como o conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes que quando mobilizadas, apresentam um determinado resultado). Entendendo quais são as competências necessárias, torna-se muito mais fácil encontrar candidatos com maior probabilidade de alinhar suas características pessoais, às características organizacionais. Rabaglio (2004) afirma que a seleção por competências apresenta maior objetividade e maior grau de validade, substituindo as avaliações subjetivas e intuitivas pela métrica comportamental.

 

Gabriel Antunes

Assistente de Gestão de Pessoas

Referências:

https://pesquisa-eaesp.fgv.br/sites/gvpesquisa.fgv.br/files/arquivos/bulgacov_-_mudando-para-selecao-por-compe_33012_0.pdf

Feedback: Ativa Moda e Beleza

O que nossos clientes falam sobre nós e sobre os nossos serviços?

Conheça a Ativa Moda e Beleza!

Sabemos que a comunicação organizacional de uma empresa é essencial para transparecer o objetivo da marca e estabelecer vínculos. Nos últimos meses a Equipe Emad Jr. foi responsável, em conjunto com a empreendedora, por realizar o processo de identidade visual e manual de marca da empresa.

A empreendedora, Silvane Pereira, entrou em contato com a Emad Jr., em busca da criação de nome e identidade visual de um futuro empreendimento que será localizado na região metropolitana de Porto Alegre. O objetivo inicial do empreendimento é conectar dois públicos, moda e beleza, tendo como base a busca pelo empoderamento feminino. Dessa forma, foram realizados encontros com a empresária e, de forma conjunta, o projeto de criação de identidade foi realizado. Devido a conjuntura do momento de realização, a consultoria foi realizada 100% online, também com o auxílio da ex-integrante da Emad Jr. e atualmente consultora externa, Ana Luísa Vahl Dias. Ao término da consultoria foram disponibilizadas à contratante: identidade visual, manual da marca, arquivos de cartão de visita e arquivos editáveis para a inserção nas suas redes sociais.

“Desde o início os consultores foram muito atenciosos e flexíveis. Acredito que o grande diferencial foi o atendimento personalizado, algo que me permitiu também participar de todo processo de criação. Fiquei extremamente contente com o resultado do projeto” – Silvane Pereira

Quando questionada a respeito do prazo de entrega, da qualidade e impacto do projeto, ao atendimento e ao preço do serviço, a cliente pontuou nota 5 para todos os quesitos. Contudo, devido ao resultado extremamente positivo nesta pesquisa de satisfação, ficamos imensamente contentes. Dessa forma, então, faz-nos acreditar que estamos seguindo os moldes corretos. Sendo assim, esperamos nos reencontrar com a empresária Silvane Pereira, junto de seu empreendimento, Ativa Moda e Beleza Feminina, a realização de parcerias futuras.

Você gostou do nosso trabalho e possui alguma ideia ou necessita algum auxílio dentro da sua empresa?

Entre em contato conosco pelo e-mail contato@emadjr.com.br.

Equipe Comercial

Afinal, qual é a diferença entre ativos e passivos?

Para Robert Kiyosaki, autor do best-seller “Pai Rico Pai Pobre”, ativo é tudo que vai gerar renda pra você, como investimentos em renda fixa ou renda variável. Já passivos são gastos que apenas tiram dinheiro do seu bolso, como carros de luxo, saídas aos finais de semana e despesas. O autor ainda aponta que:

  1. Pessoas bem-sucedidas, pertencem a um ciclo vicioso, do qual o dinheiro “trabalha” por elas, pois quanto mais ganham mais investem em ativos;
  2.  Indivíduos movidos pelo consumismo optam por passivos e, muitas vezes, se encontram endividados e na chamada “corrida dos ratos”, onde à medida que aumentam sua renda, seus gastos aumentam na mesma proporção, gerando uma  estagnação depreciativa.

É  interessante lembrarmos que ambos os termos não levam em conta o seu patrimônio, então não caia na corrida dos ratos e faça o dinheiro trabalhar para você, pois o dinheiro é um ótimo servo mas um péssimo mestre.

Arthur Esmerio

Assistente de Administrativo-Financeiro

Livro referência:

Pai Rico, Pai Pobre. Robert Kiyosaki.

Você sabe o que são Startups?

Você já deve ter ouvido falar nos nomes Uber, Spotify ou IFood, e possivelmente já usou algum serviço dessas empresas, certo? Esses são apenas alguns exemplos das muitas startups de sucesso no mercado atualmente. Mas afinal, o que é uma startup?

O termo é derivado do inglês e significa “empresa”, e ao contrário do que muitos pensam, uma startup não é uma empresa em seu período inicial. Sua verdadeira definição se caracteriza por um negócio escalável, ou seja, capaz de reproduzir o seu produto ou serviço em grande escala, e repetível, lhe permitindo crescer de uma forma muito mais rápida e eficiente.

As startups possuem suas características mais marcantes, como: serem empresas jovens, aliadas às tecnologias usando-as ao seu favor e econômicas, devido aos pequenos custos em comparação aos lucros que obtêm. Além disso, existem tipos de startups, tendo em vista a sua forma de atuação no mercado, sendo assim pode ser: B2B (Business to Business), conecta negócios a negócios, B2C (Business to Consumer), que irá envolver o fornecedor com o consumidor final, como a empresa Uber, e também B2B2C (Business to Business to Consumer) que conecta empresas para que essas possam fornecer serviços/produtos aos seus consumidores, como o IFood.

Selecionamos 6 cases de sucesso para que você entenda um pouco mais sobre a ideia de Startup:

  • Google – o site de busca mais utilizado surgiu e cresceu mesmo já existindo outros sites parecidos no mercado, o seu diferencial chamou-se “planejamento”, pois soube otimizar as operações que já eram realizadas por outras empresas
  • Nubank – esta conhecida empresa brasileira chegou para mudar a forma de utilização de cartões de crédito e principalmente a forma de comunicação desenvolvida por meio das redes sociais
  • LinkedIn – a ideia simples da rede social, conecta diversos profissionais, sendo uma alternativa ao modelo de recrutamento tradicional e atualmente é uma das plataformas sociais mais usadas
  • PayPal – em 1998 foi a primeira a pensar no envio e recebimento de pagamentos online e depois disso, revolucionou o modo como as transações financeiras eram realizadas
  • Guia Bolso – partindo da ideia de dois sócios, o aplicativo surgiu para auxiliar os usuários com o seu controle financeiros e dicas de como melhorar e crescer financeiramente
  • Buser – o aplicativo surgiu com a ideia de facilitar as viagens intermunicipais e que em menos de 30 dias do início do projeto, já conseguiu fazer sua primeira viagem com acentos esgotados 12 horas depois da abertura das reservas

E você? Tem alguma ideia que gostaria de colocar em ação? A Emad Jr. está aqui para auxiliar no que for necessário na trajetória da sua startup, seja por meio de um controle financeiro, planejamento de marketing ou uma pesquisa de mercado. Lembre-se, para começar, basta dar o primeiro passo!

 

Alana Rodrigues Fraga

Diretora de Marketing

Artigos referências:

https://www.ideianoar.com.br/startup/

https://blog.hotmart.com/pt-br/o-que-e-uma-startup/

 

Processo Seletivo 2020/1

Estão abertas as inscrições do processo seletivo de novos membros para a Emad Jr!

Quer se destacar no mercado de trabalho, crescer e desenvolver-se profissionalmente e ainda conhecer o mundo do empreendedor júnior?

Agora é a hora! Inscreva-se no link abaixo e venha fazer parte da nossa equipe:

https://bit.ly/2xcgSOc

ATENÇÃO: devido às medidas protetivas da UFPel perante a situação do COVID-19 (novo coronavírus), deixaremos o processo seletivo em aberto recebendo inscrições até informações referentes ao retorno das aulas. Quaisquer novas atualizações a respeito, serão informadas por meio das nossas redes sociais.

Aguardamos por vocês!

Processo Seletivo 2020/1

 

PROCESSO SELETIVO 2020/1

Estão abertas as inscrições do processo seletivo de novos membros para a Emad Jr!

Quer se destacar no mercado de trabalho, crescer e desenvolver-se profissionalmente e ainda conhecer o mundo do empreendedor júnior?

Agora é a hora! Inscreva-se no link abaixo e venha fazer parte da nossa equipe:

https://bit.ly/2xcgSOc

ATENÇÃO: devido às medidas protetivas da UFPel perante a situação do COVID-19 (novo coronavírus), deixaremos o processo seletivo em aberto recebendo inscrições até informações referentes ao retorno das aulas. Quaisquer novas atualizações a respeito, serão informadas por meio das nossas redes sociais.

Aguardamos por vocês!

Mulheres empreendedoras: a importância da liderança feminina

Ao longo do tempo as mulheres vêm garantindo cada vez mais seus direitos na sociedade e, mesmo distante de alcançar a igualdade de gênero ideal, é possível notar um avanço expressivo do papel da mulher no âmbito profissional. Afinal, levando em consideração que a pouco tempo atrás as mulheres casadas ainda precisavam de autorização dos seus maridos para trabalhar, uma pesquisa desenvolvida pelo SEBRAE mostra, por exemplo, que de 2001 a 2011, o número de mulheres empreendedoras cresceu 21%.

O empreendedorismo feminino vai além de negócios geridos e criados por mulheres, pois este também está ligado na liderança a qual dá voz, espaço e visibilidade para as que praticam. Ao contrário do que possa parecer, empreender um negócio não diz respeito apenas a grandes empresas que desenvolvam alta lucratividade, mas também é composto por aquelas que produzem e vendem seu artesanato, as abrem o seu brechó virtual ou até mesmo as que vendem seus bolos e docinhos na universidade.

Além dos lucros obtidos no ato de empreender, estas mulheres também acabam conquistando a sua independência, satisfação pessoal, espaço na sociedade e um aumento na sua autoestima, acreditando e buscando suas realizações pessoais e profissionais. A participação das mulheres no mercado de trabalho reflete em diversos setores da economia do país, entretanto ainda existem alguns desafios enfrentados por elas.

Uma das principais dificuldades encontradas pelo caminho ainda é o preconceito, tendo que lidar com o desrespeito ou sendo subestimadas precisando provar que suas capacidades e competências não são definidas por suas características biológicas. Outro obstáculo bastante presente é a autoconfiança e o medo afinal, o mundo dos negócios ainda é muito recente para as mulheres, sentindo-se muitas vezes inseguras.

Mesmo havendo um longo caminho a ser trilhado, a tendência é que o empreendedorismo feminino continue crescendo e que as mulheres percebam a sua força e importância no mercado, demonstrando seu potencial e capacidade de conquistar cada vez mais espaço na sociedade. Reconheça e divulgue o trabalho de mulheres empreendedoras, todo apoio oferecido pode incentivar mais mulheres a continuarem inovando, criando, transformando e alcançando seus sonhos.

Alana Rodrigues Fraga

Diretora de Marketing

Artigos referências:

https://sambatech.com/blog/insights/empreendedorismo-feminino/

http://feminaria.com.br/entenda-a-importancia-do-empreendedorismo-feminino/

O que é 5W2H?

É muito comum o surgimento de desafios e dúvidas a respeito de uma atividade ou processo que se pretende estabelecer em uma empresa. Para isso, existe uma ferramenta que auxilia (e muito) na eliminação desses impasses: o 5W2H.

Essa ferramenta é, basicamente, um checklist de determinadas atividades, prazos e responsabilidades que precisam ser desenvolvidas com o máximo de clareza e eficiência possível por parte dos envolvidos.

A sigla 5W2H é formada pelas iniciais (em inglês) das diretrizes que, quando bem estabelecidas, eliminam quaisquer dúvidas que possam aparecer ao longo de um processo ou de uma atividade. Abaixo você pode ver o que cada uma representa:

Assim sendo, a metodologia 5W2H é formada pelas respostas para essas sete perguntas. Na prática não são necessários grandes investimentos. Para começar a utilizar a ferramenta você pode utilizar um quadro branco ou uma planilha eletrônica. Afinal, você só precisa de um meio para colocar as sete colunas com as respostas das perguntas essenciais e comunicar sua equipe sobre o que precisa ser feito.

A ferramenta 5W2H é simples e objetiva, ajudando na execução e controle das tarefas da empresa. Isso pode significar uma grande economia de tempo e recursos, deixando de lado dúvidas e discussões em relação à execução dos planos e ganhando em seu lugar muito mais produtividade. Por isso, não deixe de utilizá-la em sua empresa.

Camila Maass

Assistente do Administrativo-Financeiro

 

Fontes:

http://www.sobreadministracao.com/o-que-e-o-5w2h-e-como-ele-e-utilizado/

https://endeavor.org.br/pessoas/5w2h/

https://www.treasy.com.br/blog/5w2h/