Sobre o dia 30

Ao finalizar o primeiro semestre de 2019, reunimos-nos entre artistas da área da Dança para inicialmente conversar, tomar um café e discutir dança contemporânea. Tanto como objetivo do projeto e processo do que já estávamos nos dedicando sobre o assunto esse encontro nos possibilitou novas formas de discussão, por meio de diversas experiencias que os presentes vivenciaram e refletiram.

Ao longo da conversa, troca de experiências, um café e também uma bergamota convidamos a esses presentes a se juntarem a nós, ao projeto e a discussão sobre essa dança.

Em torno dessa aproximação podemos construir diversas perspectivas e então criando um vínculo dançante onde podemos refletir e construir conhecimento para a dança contemporânea.

 

Jam session

Dia 30

A partir desse dia iniciará algo?  O que?  E como iniciar?  Grandes ideias?  Grandes conexões?

 

A começar desse encontro com diversos professores de dança, que produzem e vivem Dança na cidade de Pelotas, juntamente de uma conversa com uma referência em dança contemporânea no Rio Grande do Sul, a Eva Schul, e principalmente de uma conversa de profissionais da dança que dividem algo tão importante. em comum, a dança.

O que nos aproxima? Estabelecer uma conexão de artistas em dança da cidade? Interesse e dedicação à dança contemporânea através de pesquisa, experimentações, criação, oficinas, sessões de Jam, e o que mais? Talvez desse vínculo uma nova forma de produzir e pensar dança na cidade. Nos conhecendo e transformando constantemente.

O que estamos preparando?  O que nos espera?

Hummm, dança contemporânea?…

O que é dança contemporânea?

‘É uma dança que parte de mim. É a partir do eu. Vem do eu, é a minha dança.’

Como pensar o eu na contemporaneidade? De que eu estamos falando?

Qual a diferença entre aquilo que eu identifico como MEU na dança moderna, e aquilo que identifico como MEU na dança contemporânea?  O EU moderno é diferente do EU contemporâneo? Como? O que isso implica? Isso fabrica quais formas de dançar? Que formas são essas?…

Sobre o Coreolab:

Que lugar é esse onde a gente fala disso? É um projeto? É um laboratório? É lá? É estar junto em reunião? É o outro que nos chama? É o outro que nos ativa?

Como criar espaços para a discussão da dança contemporânea?

 

 

Coreolab em ação!

Em breve divulgaremos aqui as ações realizadas pelo Coreolab. Aguardem novidades!
Nossas reuniões se realizam nas quartas-feiras das 18h às 19:30 na sala 102 do Bloco 2 do Centro de Artes da UFPel. Caso tenha interesse em participar como colaborador do projeto, faça-nos uma visita!

Foto: Marcella Toth.