Início do conteúdo

Campanha de vacinação contra o sarampo na UFPel

Em virtude do aparecimento de casos de sarampo no Brasil, o Ministério da Saúde programou uma campanha de vacinação para o período de 6 a 31 de agosto em todos os Estados do país. A meta do Governo Federal com esta campanha é imunizar todas as pessoas de 12 meses a 49 anos de idade, conforme as orientações contidas no calendário de vacinação do Ministério da Saúde.

Também será incluída na campanha a vacina contra a poliomielite, doença erradicada no Brasil, mas ainda presente em alguns países.

O Sarampo é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, transmitido pela fala, tosse e espirro, é extremamente contagiosa, mas pode ser prevenida pela vacina. Pode ser contraída por pessoas de qualquer idade. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade do quadro, principalmente em crianças menores de um ano e pessoas desnutridas. Os sintomas mais comuns são irritação nos olhos (conjuntivite), coriza, mal estar, manchas brancas na mucosa da bochecha, tosse persistente e manchas vermelhas na pele (exantema). Podem ocorrer febre e convulsões, otite (infecção no ouvido), conjuntivite, pneumonia, perda de apetite e diarreia. Em casos graves pode ocorrer lesão cerebral e infecções no encéfalo. Não há tratamento específico para o sarampo, somente alívio dos sintomas. Atualmente existem surtos de sarampo em Roraima e no Amazonas. Também há presença de casos já identificados em são Paulo, Rio Grande do Sul, Roraima e Rio de Janeiro em função da circulação de pessoas oriundas de zonas endêmicas.

A poliomielite é uma doença causada por um vírus que vive no intestino, o poliovírus, e atinge crianças com menos de 4 anos de idade , podendo contaminar também adultos. Se manifesta com poucos sintomas, semelhantes a infecção respiratórias como febre e dor de garganta e gastrointestinais, náuseas, vômitos e constipação. Cerca de 1% dos infectados desenvolve a forma paralítica da doença, causando sequelas permanentes, insuficiência respiratória e em alguns casos pode levar a morte. Por isso queremos lembrar aos pais e responsáveis que levem os pequenos para receber as dose da “gotinha”, que está disponível em todos os postos de saúde (UBS) do município.

Na UFPEL  a CSQV fará uma programação para imunizar os membros da comunidade universitária, seguindo as orientações da Secretaria da Saúde de Pelotas.

Salientamos que haverá disponibilização das vacinas contra o sarampo para jovens e adultos que são o público alvo na instituição. As pessoas deverão trazer consigo a carteira de vacinas e um documento para identificação.

A vacinação é importante, fiquem atentos a programação que em breve vamos dispor aqui no site da UFPEL.

Enf. Marilene Farinha

Aux.Enf. Liliane Griep

Leia mais sobre o sarampo em:

http://portalms.saude.gov.br/component/tags/tag/sarampo

Publicado em 07/08/2018, em Destaques, Notícias.