Segunda edição de ações de ensino em atividades remotas

No dia 07 de outubro, o PRACIBER iniciou a segunda edição da ação de ensino vinculada ao Projeto Unificado “Ciberdança: estrutura, dinâmica a organização na Cibercultura” da professora Rebeca Recuero Rebs.

Essa ação está sendo desenvolvida como disciplina optativa (Pesquisa em produção audiovisual na cibercultura) ofertada de forma remota na plataforma E-aula da UFPel, e possui com objetivo propor um espaço para reflexão crítica, pesquisa e discussão acadêmica/científica sobre produções audiovisuais na cibercultura.

Como na primeira edição, a disciplina é dividida em 12 semanas (1 encontro semanal de 1h30m) onde estão sendo realizadas discussões sobre o funcionamento de um grupo pesquisa, desenvolvimento de projetos de pesquisa e leituras de textos envolvendo as temáticas de cibercultura, além da conversação em formato de fóruns sobre os assuntos trabalhados nos encontros.

Contamos também com a realização de webinários apresentados por pesquisadores, professores e convidados, com o intuito de instigar os alunos a analisarem as produções audiovisuais presentes no ciberespaço e, ao fim da disciplina, apresentarem uma proposta de pesquisa sobre o tema.

PRACIBER participa do Salão Universitário da UCPel

No dia 28 de outubro de 2020 nossa bolsista de iniciação científica, Luiza Chies, apresentou sua pesquisa no 29° Congresso de Iniciação Científica dentro do evento acadêmico Salão Universitário da Universidade Católica de Pelotas (UCPel). A edição do evento deste ano foi realizada de forma online entre os dias 27 a 30 de outubro, devido a situação atual de distanciamento social causada pela pandemia de COVID-19.  

A pesquisa de Luiza, intitulada “Dinâmicas Sociais Em Produções De Ciberdança No Aplicativo TikTok” estuda as características dos vídeos produzidos e compartilhados dentro do TikTok, e busca identificar possíveis dinâmicas sociais que promovem e motivam interações entre usuários e suas conexões dentro do aplicativo.

Em breve o artigo completo estará disponível aqui no site.

Retomada das atividades durante distanciamento social e novidades a caminho…

No dia 16 de outubro de 2020 tivemos oficialmente a retomada das reuniões, iniciando, assim, uma nova etapa para nosso grupo de pesquisa.

Nessa nova etapa estamos trazendo ótimas novidades, dentre elas a bolsa de iniciação científica PIBIC/CNPQ concedida a nossa integrante Luiza Chies e o ingresso dos novos integrantes ao grupo, sendo eles: André Ziegler, Bianca Mörschbächer, Caroline Garcia e Laila Oliveira.

O PRACIBER está atualmente trabalhando no desenvolvimento de novos projetos com o objetivo de compartilhar ainda mais nossos conhecimentos, pesquisas e discussões sobre produções audiovisuais e cibercultura.

Fiquem ligados nas nossas redes sociais para mais atualizações.

PRACIBER marca presença na ABCIBER

Nos dias 30 de junho e 1º de julho, os integrantes do PRACIBER participaram do Evento ABCIBER – Associação Brasileira de Pesquisadores em Cibercultura.  Este ano, o evento foi desenvolvido virtualmente devido à situação atual de distanciamento social causada pela pandemia. A temática deste ano focou justamente as novas formas da vida humana, intrinsecamente relacionadas à sua reconfiguração, agravadas pela invisibilidade do  inimigo (o COVID-19), que só pode ser compreendido e superado através do saber científico. O tema do evento foi “Reconfiguração da Vida, Ciência Colaborativa e Futuro Online”.

Os trabalhos apresentados foram:
(1) “BALLET VIRTUAL E O CAPITAL SOCIAL EM TEMPOS DE PANDEMIA” de Rebeca Recuero Rebs. Ele  propôs uma reflexão sobre os valores sociais e suas ressignificações desenvolvidas pela articulação da arte – em especial a dança clássica – com as redes sociais na internet diante da situação atual e mundial de distanciamento social  causada pelo novo coronavírus.

(2)  NARRATIVAS FOTOGRÁFICAS IMEDIATISTAS E SITES DE REDES SOCIAIS: a construção imagética de si nas mídias sociais em tempos de pandemia” de Carlos Recuero e Rebeca Rebs. O trabalho  traz uma discussão sobre a “inundação” e o imediatismo das narrativas imagéticas de si em sites de redes sociais (SRS) – como o Instagram – também nos tempos de isolamento social.

(3) “VIOLÊNCIA SIMBÓLICA EM ANIMAÇÕES E SUA DISSEMINAÇÃO ATRAVÉS DAS MÍDIAS DIGITAIS” de Victória Kaminski. A pesquisa  analisou a construção e a desconstrução da violência simbólica em animações infanto-juvenis e a sua consequente disseminação na era das mídias digitais por meio de sites de redes sociais, como o Youtube.

João Vitor Moreira apresentando seu trabalho “Florence: A Adequação do Drama Interativo para Mídia Mobile”.

(4) “FLORENCE: A ADEQUAÇÃO DO DRAMA INTERATIVO PARA A MÍDIA MOBILE” de João Vitor Moreira. O trabalho buscou entender os aspectos comunicacionais do game Florence, para dispositivos móveis, em relação ao ambiente urbano atual.

Em breve os artigos completos estarão disponíveis aqui no site.

PRACIBER desenvolve ações de ensino associadas à pesquisa

A partir do dia 25 de junho, o PRACIBER irá oferecer suporte a uma  ação de ensino para os alunos da UFPel em atividade remota que tem algum tipo de interesse no mundo da pesquisa.

O objetivo da ação é o de oferecer um espaço de reflexão crítica, pesquisa e discussão acadêmica/científica em torno das produções artísticas e audiovisuais na Cibercultura e seus desencadeamentos, afetações e reflexos sociais nos tempos atuais. O foco recai não apenas em compreender estes produtos em sua estrutura, dinâmica e organização, mas também nos fenômenos sociais que são desencadeados e ao mesmo tempo propulsores destas audiovisualidades que caracterizam e (re)significam a cultura vigente.

Para isso, serão oferecidas vagas para os estudantes atuarem no PRACIBER, incentivando a sua participação de modo que entendam como funciona um grupo de pesquisa e como podem descobrir temas interessantes em torno da temática proposta.

Também serão desenvolvidos webinários com pesquisadores e professores convidados. A ideia é que eles apresentem suas pesquisas e despertem o interesse em pesquisa em torno do audiovisual na cibercultura.

A atividade tem vínculo  com o Projeto Unificado “Ciberdança: estrutura, dinâmica a organização na Cibercultura” da professora Rebeca Recuero Rebs e está sendo desenvolvida como uma disciplina optativa (Pesquisa em Produção Audiovisual na Cibercultura) por meio do E-Aula da UFPel.

PRACIBER retoma atividades e recebe novos integrantes

Nesta terça-feira, dia 10 de março, o Grupo de Pesquisa em Produções Audiovisuais na Internet – PRACIBER – retomou suas atividades e abriu as portas para receber novos interessados a partir do próximo encontro.

A primeira reunião de 2020 focou a organização do cronograma semestral  e foi realizada apenas com alguns integrantes antigos. O objetivo do grupo é estimular a pesquisa, a reflexão crítica em torno de teorias e a produção acadêmica de seus integrantes. Qualquer aluno, professor, técnico ou pesquisador (membro da UFPel ou externo à ela) é convidado a participar. O único requisito é que a temática das propostas de projetos ou o foco de interesse dos participantes gire em torno da cibercultura e  suas diferentes produções audiovisuais e artísticas.

Alguns integrantes do PRACIBER

O PRACIBER está vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Artes e aos cursos de Cinema de Animação e Cinema e Audiovisual. Entretanto, interessados de outras áreas e cursos também são convidados a participar.

As reuniões acontecem todas as terças-feiras, das 9h até às 12h na sala 201 do prédio II do Centro de Artes. Qualquer dúvida ou necessidade de outras informações podem ser esclarecidas através do e-mail praciber@gmail.com.