O grupo Patafísica: mediação-arte-educação se constrói a partir de encontros, um grupo mutante pensado por artistas, educadoras, pesquisadoras que se interessam pelo processo de criação que esses encontros podem proporcionar.

Há relatos de aparições do grupo em 2011 com a necessidade de receber a comunidade escolar nas exposições da Galeria A Sala/Centro de Artes/UFPel.

Para começar bem a semana, o grupo se encontra às segundas-feiras, meio entre o feriado e o resto da semana. A sala patafísica está entre os prédios de Centro de Artes/UFPel. O meio é o lugar do Patafísica, projeto unificado entre extensão, ensino e pesquisa, praticando estudos e escritas coletivas e individuais que são publicizadas nos meios acadêmicos.

A prática patafísica é um híbrido entre oficina-conversa-encontro-acolhimento, uma mediação artística em sua experiência. Entre mediadores e mediados a metodologia para experiência artística começa numa conversa-troca que articula e propõe uma ação de criação.

Um grupo De e Para criações coletivas, que se balizam na arte contemporânea, na educação e nos afetos. Atua nas galerias institucionais da UFPel, bem como em eventos acadêmicos/culturais e na formação de mediadores, visando a ampliação da mediação artística.

O nome Patafísica justifica-se no movimento cultural francês da segunda metade do século XX ligado ao surrealismo e criado pelo dramaturgo francês Alfred Jarry, dedicado “ao estudo de soluções imaginárias e as leis que regulam exceções”.


Correia Humana
Escola Municipal Ensino Fundamental Cecilia Meireles – Pelotas – 2019

Protocolo de miragem, prática de atenção da Ordem do Terceiro Pássaro
Galeria A Sala/CA/UFPel – Exposição Campo Minado – 2019

O ESPELHO DE OJESED NO MUNDO DOS TROUXAS – André Martins Ziegler – página 182-193

Artigo PIXO pg182

 

TRANSBORDAR O COTIDIANO DOCENTE:  UMA NARRATIVA CORPORIFICADA DE LÍDIA – Carolina Corrêa Rochefort – página 114-125

Artigo PIXO – pg114

 

FRONTEIRAS DISSOLVIDAS: A EXPERIÊNCIA ZIGOTO COMO MERGULHO NA MALEABILIDADE DE UM CORPO-COLETIVO – Stela Soares Kubiaki, Gabriela da Costa Gomes, Carolina Corrêa Rochefort – página 68-77

Artigo PIXO – pg68

 

A RUA POR TRÁS DA AVENIDA: ANOTAÇÕES SOBRE MOBILIDADE URBANA NO COTIDIANO DA CRIANÇAS EM SITUAÇÃO DE RUA – Carolina Clasen – página 48-57

Artigo PIXO – pg48

 

OS LIMITES DO ENTRE: ANÁLISE DO ESPAÇO PELA MEDIAÇÃO ARTÍSTICA – Carolina Clasen; Carolina Corrêa Rochefort; Julia Petiz Porto; Luana Reis Silvino; Liége Budziarek Eslabão – página 346

Anais-SPMAV-2018

 

CORPO PATAFÍSICO: O ESPAÇO QUE PULSA VIDA – André Martins Ziegler; Carolina Corrêa Rochefort – página 422

Anais-SPMAV-2018

 

GRUPO PATAFÍSICA: UMA MEDIAÇÃO QUE ACONTECE PELA METODOLOGIA DO ENCONTRO – Carolina Corrêa Rochefort e Carolina Mesquita Clasen – página 1315

EIPCH 2018 – Fontes, Métodos e Abordagens nas Ciências Humanas [livro eletrônico]- paradigmas e perspectivas contemporâneas

 

MEDIAÇÃO ARTÍSTICA PATAFÍSICA – OUTRAS EXPERIÊNCIAS EM ARTE – Júlia Petiz Porto; Carolina Mesquita Clasen, Luana Reis Silvino; Carolina Corrêa Rochefort – página 125

V CEC Educação

 

ZIGOTO – SEMINÁRIO DE EXPERIMENTAÇÕES POETICOEDUCATIVAS : COMO PRATICAR O COTIDIANO? –  Luana Reis Silvino; Júlia Petiz Porto; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

CEG -UFPel-2018 Letras e Artes

COMO CONJUGAR O DESENHO? UMA GESTOLOGIA DO DESENHAR – Carolina Corrêa Rochefort; Carolina Mesquita Clasen; Julia Pema; Liége Budziarek Eslabão; Luana Silvino Reis – página 110

ANAIS_13 ciclo_ppgav_udesc_2018_FINAL_1562789061679_7750

 

OS LIMITES DO ESPAÇO EXPOSITIVO E SEUS DESBORDAMENTOS PATAFÍSICOS – Carolina Corrêa Rochefort – página 162

ANAIS_13 ciclo_ppgav_udesc_2018_FINAL_1562789061679_7750

 

CORPO PATAFÍSICO: O GERMINAR DE UM NOVO TEMPO – André Ziegler – página 118

ANAIS_13 ciclo_ppgav_udesc_2018_FINAL_1562789061679_7750

 

CIDADE EDUCADORA OU EDUCATIVA? – Carolina Clasen;  Eduardo Rocha; Carolina Rochefort – página 87

Coleção Extensão e Sociedade – Infância Cidadã

 

COM-TATOS DE MEDIAÇÃO ATRAVÉS DO TELEFONE-SEM-FIO – Luana Silvino Reis;  Carolina Clasen; Carolina Corrêa Rochefort – página 236

Cultura 2017 CEC

 

A MEDIAÇÃO ARTÍSTICA E A CRIAÇÃO DE OUTROS ESPAÇOS DE EXPERIENCIA NAS ESCOLAS – Júlia Petiz Porto; Carolina Corrêa Rochefort – página 245

Educação CEC 2017

 

AMAR É LINHA: UMA MEDIAÇÃO COMO PROPOSIÇÃO ARTÍSTICA E EDUCACIONAL – Julia Petiz Porto; Luana Reis; Mariana Pacheco Mazzetti; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

Extensión17_Tomo II. Relatos de experiencias de Extensión

 

A MEDIAÇÃO ARTÍSTICA COMPÕE KHÔRA: ESPAÇOS ESTRIADOS DA ARTE E DA URBANIDADE – Carolina Clasen; Carolina Rochefort – página 213

25 ANPAP 2016

 

O CORPO TRIATIVO DE UM MEDIADOR EM DEVIR PONTE – Amanda Martins de Abreu; Andy Hellen Marques Real; Karina Gallo; Jacson Westphalen Piovesan; Helcio Oliveira; Carolina Corrêa Rochefort –  página 33

CULTURA-2016- CEC

 

CIENTISTAS DAS SOLUÇÕES IMAGINÁRIAS: A MEDIAÇÃO DESENVOLVIDA A PARTIR DO PROJETO PATAFÍSICA – Andy Hellen Marques Real; Karina Gallo;Amanda Martins de Abreu; Carolina Corrêa Rochefort – página 41

EDUCAÇAO-2016-

 

GALERIA A SALA DO CENTRO DE ARTES UFPEL COMO POSSIBILIDADE DE EXPERIÊNCIA – Karina Gallo; Jacson Westphalen Piovesan; Amanda Martins de Abreu; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

II CEG UFPel 2016

 

PATAFÍSICA – MEDIADORES DO IMAGINÁRIO – Carolina Corrêa Rochefort – página 17

A SALA_EBOOK

 

MATERIAL EDUCATIVO MUSEU DE ARTE LEOPOLDO GOTUZZO – MALG/UFPel – (criação e elaboração Grupo Patafísica)

material educativo MALG

 

MEDIANTE, OU DA EXPERIÊNCIA DE UM MEDIADOR NAS RELAÇÕES/CRIAÇÕES DO ESPAÇO ESTÉTICO – Pedro de Freitas Pereira Paiva; Carolina Corrêa Rochefort – pagina 142

Cultura CEC 2015

 

O MEDIADOR ALQUIMISTA: A TRANSMUTAÇÃO COMO UMA POSSIBILIDADE DE TROCA NA MEDIAÇÃO ARTÍSTICA – Rodrigo M. da Silva de Matos; Graziele Mônica Cardozo; Eren Ciriano Castellano; Carolina Rochefort – página 252

Cultura CEC 2015

 

FLUXO: INDÍVIDUO COMO MEDIADOR DE MUNDOS – André Martins Ziegler; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

2014atualCONFAEB

 

UM SUSPIRO E A ARTE EDUCAÇÃO: A MEDIAÇÃO ARTÍSTICA COMO INSPIRAÇÃO PARA UMA EDUCAÇÃO POÉTICA – Carolina Mesquita Clasen; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

2014atualCONFAEB

 

EXPERIÊNCIAS DE MEDIAÇÃO: A CRISE ENTRE A MEDIAÇÃO ARTÍSTICA EM SALA DE AULA E NO ESPAÇO EXPOSITIVO – Helena dos Santos Moschoutis; Carolina Corrêa Rochefort – sem página

XXII-CONFAEB-REDUZIDO_Parte2

 

Tramar
Exagerar já é um começo de invenção – Leticia Lopes – Galeria Casa Paralela – Pelotas – 2015

Desenho em movimento
Minha tarde é minha manhã – Vivian Herzog – Galeria Casa Paralela – Pelotas – 2014


Desenhadores do ar e desenhadores da terra
Exposição de defesa de mestrado CA/UFPel – Carolina Marchese e Bethille Kupstaitis – Galeria Casa Paralela – Pelotas – 2014