Início do conteúdo

Consun define ações para a retomada da Estatuinte

O Conselho Universitário (Consun) da UFPel definiu, na reunião do dia 28 de setembro, ações para dar condições que os trabalhos da Estatuinte Universitária sejam retomados. A recomposição das Comissões de Acompanhamento e de Sistematização e a modificação do quórum exigido para a realização das reuniões foram as principais medidas definidas no Conselho. Por decisão do Consun, o processo, a partir de agora, será chamado somente de Estatuinte, e não mais de Constituinte, por ser um trabalho que reescreverá o Estatuto da Instituição.

Até a próxima reunião do Consun, a representação discente no Conselho deverá apresentar sugestões de como resolver a questão da participação dos estudantes na Comissão de Sistematização da Estatuinte. Quanto aos membros técnico-administrativos e docentes da Estatuinte, será perguntado a cada um dos 44 representantes se desejam manter os mandatos. Se algum membro quiser sair, será chamada eleição para preencher a vaga.

A Comissão de Acompanhamento foi recomposta com dois representantes docentes, Simone Portella e Marilton Aguiar, dois técnico-administrativos, Sérgio Wotter e Rogéria Garcia, dois estudantes, Adriel Costa e Daniel Pozza, e dois da Gestão, Alexandre Gastal e Cynthia da Rosa.

A modificação aprovada para a determinação do quórum das reuniões da Comissão de Sistematização foi que haverá uma primeira chamada de verificação de presença e outra, a segunda chamada, que resultará na realização da reunião com qualquer quórum.

O Consun deverá, ainda, elaborar um cronograma para as atividades da Estatuinte.

Publicado em 05/10/2017, em Sem categoria.