• radar-banner

Dom Jacinto será homenageado com o título de Cidadão Pelotense

O arcebispo metropolitano Dom Jacinto Bergmann receberá o título de Cidadão Pelotense durante sessão solene em homenagem ao aniversário da cidade, que ocorrerá na Câmara Municipal de Pelotas, na próxima sexta-feira (7), a partir das 19h.

A indicação é do vereador Luiz Henrique Viana (PSDB), presidente da Casa. “Católico, sempre participei da vida da igreja. Dom Jacinto é um homem que tem feito muito por Pelotas. Esta homenagem é por todo o merecimento pessoal, pelo serviço, pelo zelo da fé e por tudo que ele representa para a comunidade pelotense”, declarou Viana.

História
Dom Jacinto, 65 anos, é natural de Alto Feliz, no Vale do Caí. Ingressou no seminário em 1964 e também cursou filosofia e teologia. Foi ordenado sacerdote em 1976, em São Leopoldo, e, no ano seguinte, assumiu como vigário na Paróquia São Pedro, em Porto Alegre, onde ficou até 1981. Fez mestrado em Ciências Bíblicas, no Pontifício Instituto Bíblico, em Roma, e na Escola Superior de Teologia Sankt Georgen, em Frankfurt. De volta ao Brasil, passou a atuar como professor.

Em 2001, assumiu a subsecretaria de Pastoral na Conferência Nacional Dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília, quando o então Papa João Paulo II o nomeou bispo titular de Ausuccura e auxiliar na Diocese de Pelotas.

Em 2002, foi ordenado bispo na Catedral São Francisco de Paula, em Pelotas, por Dom Jayme Chemello. Em 2004, passou a ser bispo da Diocese de Tubarão (SC). Já em 2009, foi nomeado bispo da Diocese de Pelotas pelo então Papa Bento XVI. Em 2011, a Diocese de Pelotas foi elevada a Arquidiocese e Dom Jacinto nomeado o primeiro arcebispo metropolitano de Pelotas.

Comments

comments

Publicado em 06/07/2017, em Sem categoria.