A Casa sobre a Rocha

Essa é uma pequena lembrancinha que meu irmão mais velho,
Cristiano, me trouxe há mais de 15 anos, de uma viagem que
ele fez pelo litoral nordestino, confecção de um artesão do
local. Eu gosto tanto tanto dessa peça, que para mim ela é
valiosa. Desde que ganhei ela está sempre exposta sobre um
móvel bem visível (atualmente na sala) porque me lembra da
fortaleza que devemos erigir sobre bases sólidas, para o
enfrentamento das vicissitudes naturais da vida. Vez ou outra,
quando a dor bate à porta, gosto de lançar um olhar para a Casa…
e por analogia imaginar que posso me manter como ela, firme e forte,
enfrentando o rebentar das ondas de um mar bravio, as lufadas de um
vento forte…