COOPERAÇÃO TÉCNICA ENTRE A FACULDADE DE METEOROLOGIA/UFPEL E O VIGIAR/CEVS.

A equipe da Vigilância em Saúde de Populações Expostas aos Poluentes Atmosféricos – VIGIAR/CEVS/SES reuniu-se com os Professores do Centro de Pesquisas e Previsões Meteorológicas – CPPMet da Universidade Federal de Pelotas – UFPel, nos dias 23 e 24 de julho, na cidade de Pelotas.

Participaram do encontro os professores Jonas da Costa Carvalho (diretor da Faculdade de Meteorologia), Marcelo Felix Alonso (coordenador do Curso de Meteorologia), Anderson Spohr Nedel (Chefe do Núcleo de Meteorologia Aplica) e a equipe do VIGIAR/CEVS: Liane Farinon e Elaine Costa.

O encontro teve como objetivo incrementar as relações existentes entre as atividades desenvolvidas pelo  CPPMet/UFPel e o VIGIAR/CEVS visando a construção de projeto piloto para o município de Esteio. Na oportunidade, a equipe do VIGIAR, pôde aprofundar as interpretações sobre a modelagem de dados e informações referentes à qualidade do ar, através do modelo CCATT-BRAMS, apresentadas pelo Prof. Dr. Marcelo Felix  Alonso. O CATT prognostica a concentração de contaminantes atmosféricos de forma simultânea e consistente com o estado atmosférico simulado pelo BRAMS.

Em uma modelagem são consideradas as variáveis do ponto de vista físico e químico da atmosfera. Do ponto de vista físico estão associadas à meteorologia e do ponto de vista químico encontram-se associadas à qualidade do ar e emissões. Portanto, são cálculos muito complexos que utilizam os princípios da física, química e matemática onde centenas de variáveis são levadas em consideração.

Conhecemos também a Modelagem Numérica – WRF-CALPUFF cuja escala de resolução é maior. Através dos mapas de concentração é possível prever o que irá acontecer num período de três dias. Seu uso é interessante para realizar o gerenciamento da qualidade do ar e emitir alertas. De acordo com o Prof. Dr. Jonas da Costa Carvalho esta medodologia irá detalhar melhor os índices da qualidade do ar. Dessa forma o setor saúde poderá se beneficiar e agir preventivamente.

O Prof. Dr. Anderson Spohr Nedel apresentou sua tese de doutorado no campo da biometeorologia humana, que apontou para a forte correlação entre o clima e saúde. Cabe ressaltar que outros estudos serão viabilizados com a utilização de informações de interesse do VIGIAR, captadas pelas Unidades Sentinela.

Informamos que o Boletim Informativo do VIGIAR passará a utilizar os mapas de qualidade do ar e as previsões meteorológicas para o estado do Rio Grande do Sul, disponibilizadas no site do CPPMet/UFPel.

Fonte: VIGIAR/DVAS/CEVS

CVERS