Início do conteúdo
    Notícias
  • Convite do GEDAE-UFPel: roda de conversa

    O GEDAE-UFPel (Grupo de Estudos sobre Direitos Animais e Ecologia) promove uma roda de conversa sobre TRANSPORTE DE ANIMAIS VIVOS, na próxima quarta-feira (05/09), ao meio-dia, na sala 16 da Faculdade de Veterinária. Esperamos você!

  • Convite do GEDAE-UFPel

    O Grupo de Estudos sobre Direitos Animais e Ecologia realizará a primeira reunião do semestre na próxima quarta-feira, dia 22 de agosto, ao meio-dia, na sala 16 da Faculdade de Veterinária. Participe!

  • Convite do GEDAE-UFPel

    O GEDAE-UFPel (Grupo de Estudos sobre Direitos dos Animais e Ecologia) promove, na próxima quinta-feira, na sala 16 da Faculdade de Veterinária, uma roda de conversa sobre o documentário Cowspiracy. Esperamos você!

  • Mensagem do CRMV-RS: Surto de toxoplasmose em Santa Maria merece atenção

    O presidente do CRMV-RS, Dr Air Fagundes, manifestou preocupação com o recente surto de toxoplasmose na cidade de Santa Maria (RS), confirmado nesta semana pela equipe médica infectologista do município. Até o momento, 900 pessoas haviam realizado atendimentos apresentando os sintomas compatíveis com a doença, porém, dos 59 casos já analisados, 14 deram positivo. A toxoplasmose, segundo a médica veterinária Drª Fernanda Silveira Flores, do Departamento de Medicina Veterinária Preventiva da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), é uma doença causada por um protozoário que tem como hospedeiro definitivo felinos domésticos e selvagens. É somente no intestino deles que o parasita consegue realizar seu processo de reprodução, por isso, se trata de uma zoonose. A transmissão em humanos se dá principalmente pela ingestão de água, frutas e verduras contaminadas e também por tecidos cárneos crus ou mal passados. Os felinos não transmitem a doença, apenas podem fazer parte do ciclo do parasita, fazendo a eliminação através das fezes. O contato com o animal, em si, não fornece risco. No caso da cidade de Santa Maria, ainda está sendo investigada pelas autoridades a origem da contaminação, para que a população não continue exposta à doença. É necessário que se evite o consumo de água e alimentos de origem desconhecida, comer somente carnes bem cozidas e passadas, beber somente água tratada, filtrada, ou fervida, além de lavar bem as mãos após o contato com carnes cruas. Para alertar, Drª Fernanda ressalta, que, “a toxoplasmose é uma enfermidade mundialmente distribuída e que esses cuidados devem fazer parte da nossa rotina diária e não apenas mediante a um aumento do número de casos como está acontecendo em Santa Maria”. O presidente do CRMV-RS, destacou também, que é extremamente importante o papel do médico veterinário na saúde pública e animal.

    Fonte: Informativo on-line do CRMV-RS

  • Novo portal do MAPA: Coordenação de Informação e Epidemiologia

    Com o objetivo de consolidar e facilitar o compartilhamento de informações referentes à ocorrência das doenças de maior importância em saúde animal, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) lançou um novo portal: Coordenação de Informação e Epidemiologia (CIEP).

    (mais…)

  • Vídeo: What the Health

    Neste documentário, Kip Andersen – criador do documentário Cowspiracy – mostra a relação entre algumas doenças humanas e o consumo de produtos de origem animal.

    (mais…)

  • Novo Código de Ética do Médico Veterinário

    Pensando nas mudanças que a Medicina Veterinária e o mundo passaram nos últimos anos, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), após um trabalho de construção conjunta com os Conselhos Regionais de Medicina Veterinária (CRMVs), aprovou, no final de 2016, uma nova versão do Código de Ética do Médico Veterinário. (mais…)