Início do conteúdo
Análise da qualidade de água da Bacia da Lagoa Mirim

O Laboratório de Águas e Efluentes da Agência de Desenvolvimento da Lagoa Mirim realiza análises físico-químicas e microbiológicas voltadas ao monitoramento da qualidade de diversos tipos de águas e efluentes industriais, aplicadas e de outros seguimentos, além da prestação de serviços para a comunidade externa.

O controle da água deve ser feito tendo em mente os problemas de saúde que podem ser adquiridos caso ela esteja contaminada, por isso a necessidade de verificação.  Além disso, é preciso estar dentro das adequações das legislações sanitárias e ambientais vigentes – no Ministério da Saúde, Ministério da Agricultura, Ministério de Minas e Energia, Ministério do Meio Ambiente -, controlar a qualidade de processos produtivos e da eficiência de estações de tratamento.

Serviços

O atendimento é realizado entrando em contato pelo e-mail lab.alm@gmail.com ou pelos telefones (53) 3284-3138 | (53) 3284-3139.

As coletas de amostras são feitas por técnicos treinados. O monitoramento é necessário para obter-se o licenciamento ambiental frente à FEPAM. Os parâmetros utilizados para a análise dos efluentes estão disponíveis aqui.

Parâmetros Realizados

Para a Universidade Federal de Pelotas, o laboratório de águas da ALM realiza o monitoramento mensal da Lagoa Mirim em 13 pontos ao longo de toda a sua extensão e de alguns de seus afluentes, sendo eles o São Gonçalo, com quatro pontos de coleta, o Rio Arroio Grande e o Rio Jaguarão. No campus Capão do Leão, a coleta da água bruta que sai da estação de tratamento e de mais dois pontos da rede, um deles sendo o restaurante universitário, é feita semanalmente. Os dados são repassados para o núcleo de planejamento ambiental e para os responsáveis da estação de tratamento. Esses dados serão disponibilizados mediante a solicitação.

Segmentos atendidos:

  • Indústrias químicas, têxteis, mecânicas, de alimentos;
  • Farmacêuticas, de envase de água mineral e de gelo, curtumes;
  • Beneficiamento de arroz;
  • Farmácias de manipulação;
  • Cozinhas industriais e restaurantes;
  • Hospitais, clínicas, consultórios odontológicos;
  • Creches e escolas;
  • Postos de saúde;
  • Núcleos residências;
  • Lavanderias comerciais;
  • Clubes e academias de ginástica;
  • Hotéis e motéis;
  • Prefeituras municipais.

Aplicações do Controle de Qualidade de Águas

  • Águas de Poços Artesianos;
  • Águas de Caldeiras e Torres de resfriamento;
  • Águas para Fabricação de Medicamentos e Cosméticos;
  • Águas de Arroios e Barragens para Irrigação de Lavouras e Pomares;
  • Águas Potáveis: para Uso em Processo Industrial;
  • Bebedouros para Envase e Reservatórios;
  • Águas de Piscinas;
  • Águas Envasadas de Minas e Nascentes.

Certificado FEPAM CINTER n° 00076/2017