Ações Externas

Os pedidos de participação de servidores técnico-administrativos em ações externas de capacitação no país deverão ser encaminhados à CDP/PROGEP pelas Unidades de lotação, através de formulário de participação, acompanhado das comprovações legais e/ou documentos de convocação/divulgação, com antecedência de, no mínimo, 30 (trinta) dias úteis em relação à data do evento.

A CDP/PROGEP, conforme dispõe a Instrução Normativa PROGEP nº01/2014, analisará as solicitações de liberação de crédito para pagamento de inscrições, diárias e passagens para ações externas com base nos seguintes critérios:

  • haver obrigatoriedade de participação em cumprimento a legislações;
  • objetivar repasse de metodologias/procedimentos ou atualizações, promovidas pelos órgãos superiores de gestão e controle ou Escolas de Governo;
  • atender necessidades de capacitação de servidores que, para o desempenho de atividades administrativas de caráter estratégico para a Universidade, necessitem ampliar/atualizar conhecimentos;
  • habilitar os servidores para o uso de novas tecnologias, preparando-os para a utilização de novos equipamentos.

Se aprovado o custeio, caberá à Unidade demandante as providências  junto à Coordenação de Material e Patrimônio da PRA e/ou  no Sistema de Concessão de Diárias e Passagens.

Da  participação na ação de capacitação externa decorrerá o compromisso  do servidor com seu efeito multiplicador na Universidade. Para isso, deverá  elaborar RELATÓRIO com avaliação da participação em face dos objetivos prefixados e a proposta de ações de disseminação dos novos conhecimentos/técnicas no ambiente de trabalho, com a especificação do número de servidores a serem atingidos. O Relatório deverá ser feito em duas (2) vias, sendo que uma tramitará na Unidade de lotação do servidor e, a outra, será enviada à Coordenação de Desenvolvimento de Pessoal – PROGEP, no prazo de 10 dias a contar do retorno às atividades. No caso em que a ação de capacitação for uma Visita Técnica com necessidade de custeio de despesas, deverá ser anexado ao Relatório, o formulário de visita técnica, devidamente assinado pelo responsável por conduzir a visita na instituição de destino do servidor. Não demandando custeio de despesas, basta a entrega do formulário de visita técnica.

Se porventura acontecer cancelamento do evento ou impossibilidade de participação do servidor na ação, a unidade deverá providenciar o CANCELAMENTO DOS EMPENHOS junto à Pró-Reitoria Administrativa (PRA) e solicitar, à Coordenadoria de Orçamento/PROPLAN, o RETORNO DOS RECURSOS à UGR da Capacitação para que os mesmos possam ser utilizados em novas solicitações. Deverá ser comunicado à CDP/PROGEP tanto o motivo do cancelamento, como a efetivação das providências referidas. Assim como, se houver alteração na data de realização do curso ou nos participantes da ação, a CDP deverá ser comunicada.

Está disponível na planilha de Ações Externas realizadas em 2017 dados referentes às atividades custeadas neste exercício e relação de entrega de relatórios.