Notícias
  • Plano Anual de Aquisição de Veículos – PAAV 2014

    Considerando a legislação vigente, a fim de elaborar o Plano Anual de Aquisição de Veículos – PAAV para o ano de 2014, o Núcleo de Transporte solicita aos Diretores das Unidades Administrativas e Acadêmicas que tenham interesse em renovar ou ampliar a frota de veículos disponível a sua Unidade, que preencham até o dia 24 de janeiro o formulário disponível em http://wp.ufpel.edu.br/prie/nutrans/paav/, de acordo com as orientações previstas no Memorando Circular nº 001/2014 disponível em http://wp.ufpel.edu.br/prie/nutrans/documentos/. A Inclusão do veículo no PAAV, fica condicionada à avaliação de Custo Operacional realizada pelo Núcleo de Transporte.

  • Alteração de datas da Coleta de Resíduos no recesso

    Visando a ininterrupção dos serviços de coleta de Resíduos Perigosos (biológicos e químicos) na UFPel, o Núcleo de Educação Ambiental e Resíduos (NEARs/CGA),  por meio da Seção de Resíduos informa às unidades geradoras que a coleta desta classe de resíduo terá seus dias alteradas no período de recesso.
    Considerando que as datas de 24, 25 e 31 de dezembro/13, bem como a de 1º de janeiro/14 serão ponto facultativos e/ou feriados, a coleta de Resíduos Perigosos – prestação do serviço bem como o acompanhamento realizado pela CGA – ocorrerá às quintas e sextas-feiras EXCEPCIONALMENTE NO PERÍODO DE RECESSO. Sendo assim, as coletas previstas para as datas acima mencionadas serão remanejadas para:

    Semana do feriado de Natal: Unidades localizadas em Pelotas, que normalmente são coletas nas terça-feira; serão coletada na quinta-feira, dia 26/dezembro. As Unidades localizadas no campus Capão do Leão, que normalmente são coletadas na quarta-feira, serão coletadas na sexta-feira, dia 27/dezembro.

    De forma semelhante, na semana do feriado de ano novo:  Unidades localizadas em  Pelotas, que normalmente são coletas nas terça-feira; serão coletada na quinta-feira, dia 02/janeiro. As Unidades localizadas no campus Capão do Leão, que normalmente são coletadas na quarta-feira, serão coletadas na sexta-feira, dia 03/janeiro.

    Passado este período, as coletas retornam a ser realizadas nos dias normais, às terças nas unidades de Pelotas e às quartas-feiras nas unidades do campus Capão do Leão, normalmente.

    Adiciona-se a informação que no período de recesso, a CGA obedecerá o funcionamento em turno único, determinado por Portaria da UFPel.

    Os contatos do setor são: 3921-1383,  3227-0005, ramal 236; gestaoambiental.ufpel@gmail.com

  • Transporte circular de apoio será suspenso durante o recesso acadêmico

    O transporte circular de apoio oferecido pela Universidade, que liga as unidades da UFPel localizadas na região do Porto e algumas do Centro da cidade, será suspenso durante o recesso acadêmico, da segunda-feira dia 23 de dezembro, até sexta-feira dia 3 de janeiro. Os micro-ônibus voltarão a circular a partir de 6 de janeiro.

  • Autorização para condução de veículos oficiais

    Considerando a legislação vigente, a fim de normatizar os pedidos de Autorização de condução de veículos oficiais, a Administração Superior, por intermédio do Núcleo de Transporte, emite as orientações previstas no Memorando Circular nº 006/2013.

    Confira em http://wp.ufpel.edu.br/prie/nutrans/documentos/.

    As renovações de autorização devem ser entregues no Núcleo de Transporte até a próxima sexta-feira, dia 13, para que sejam renovadas sem prejuízo à continuidade da autorização.

    Atenção: Deve ser anexada cópia da CNH ao formulário de solicitação de autorização, mesmo quando renovação.

  • Melhoria do fornecimento de água no campus Capão do Leão – Janeiro de 2013

    O abastecimento de água no Campus Capão do Leão da UFPel está regularizado. A nova Administração Central da Universidade realizou intervenções providenciais e imediatas, levando tranquilidade à comunidade acadêmica daquele campus, que vinha sofrendo com a contínua falta de água.
    Resolver em definitivo o problema é um desafio que exige ações contínuas e metas de médio e longo prazos. Já nos primeiros dias em que foi constituída, a nova gestão administrativa da UFPel foi surpreendida por lapsos de abastecimento no Restaurante Escola que acarretavam sérios problemas na confecção de alimentos e demais atividades.
    Buscando inteirar-se do problema, o pró-reitor Administrativo adjunto, encarregado da área de Infraestrutura, Gilson Porciúncula, e o coordenador de Gestão Ambiental, professor Amauri Barcelos, mantiveram encontros com a Embrapa (Estação Experimental Terras Baixas), que sedia a estação de tratamento que serve ao campus. Foi constatado que o desabastecimento originava-se na falta de vazão da água, decorrente de entupimento da tubulação e do baixo nível do canal onde é feita a captação.
    A demanda gerada pelo Restaurante Escola, que serve diariamente cerca de duas mil refeições, levou a ações providenciais e imediatas, viabilizadas através do fortalecimento da parceria entre a UFPel e a Embrapa. A primeira ação foi promover uma limpeza na tubulação, realizada pela equipe do Sanep.

    A intervenção mais drástica foi o trabalho de recomposição dos taludes, de limpeza e aprofundamento do canal, o que exigiu a contratação de uma escavadeira hidráulica de grande porte (lança e braço longos), provida de esteira. “Só assim foi possível manter o máximo possível da vegetação que reveste os taludes e os protege da erosão, evitando o desbarrancamento das margens, pois o canal é largo, de acesso complicado, com paredes laterais constituídas por material arenoso”, observa o coordenador de Gestão Ambiental da UFPel.
    Amauri Barcelos explica que estas primeiras ações, realizadas em caráter emergencial, amenizaram os problemas, uma vez que o desentupimento da tubulação assegura um melhor fluxo, e o desassoreamento do canal de captação multiplica a capacidade de reserva. “Em muitos trechos a lâmina de água não passava de 30 centímetros e agora chega a ter três metros, ficando em uma média de 2,5 metros”, observa. Segundo foi apurado, esse trabalho não era executado há pelo menos dois anos. Na foto, o canal já desassoreado.
    O gestor ambiental da UFPel justifica a interrupção do fornecimento às unidades do campus Capão do Leão em dois dias da semana passada, inclusive laboratórios, que foi motivado pela urgência na realização do serviço, pois dependia da disponibilidade de uma retroescavadeira de grande porte.

    Foco na qualidade
    Barcelos enfatiza que o próximo passo é a melhoria da qualidade das análises. “Daqui para frente faremos o monitoramento permanente da qualidade, através do Laboratório de Análise da Qualidade de Água da Agência da Lagoa Mirim”. Ele destaca a importância da parceria com a Embrapa e promete uma atuação mais proativa no fortalecimento das relações entre aquela instituição e a Universidade.
    “Não se pode esquecer que a estação de tratamento que atende à UFPel tem 60 anos e foi dimensionada para o que era a Universidade no passado. Hoje, a realidade é outra, o número de unidades e de alunos que dependem dela cresceu geometricamente”. Barcelos deixa claro que soluções em caráter definitivo só virão no futuro, seja através da futura estação de tratamento do Sanep junto à Barragem Eclusa do São Gonçalo ou via complementação da rede da Corsan, no Capão do Leão.

  • CGA UFPel projeta convênio com a CGTRQ da UFRGS

    A Coordenadoria de Gestão Ambiental (CGA) UFPel realizou na manhã desta quinta-feira (11) visita técnica ao Centro de Gestão e Tratamento de Resíduos Químicos (CGTRQ) da UFRGS com o objetivo de iniciar tratativas para firmação de convênio entre as Instituições e conhecer as dependências e as rotinas do Centro. O CGTRQ, situado no Campus Vale da UFRGS, realiza o tratamento, a desativação e descontaminação de resíduos químicos gerados por laboratórios de ensino e pesquisa da Instituição e por outros geradores da região metropolitana de Porto Alegre, dentre outras atividades.

    Na ocasião, a equipe da CGA-UFPel foi recebida pela responsável da Divisão Técnica do CGTRQ, Greice Oliveira. No turno da tarde, o grupo realizou visita técnica no município de Cachoeirinha em empresa que presta serviço na área dos Resíduos de Serviço de Saúde para a UFPel.

  • CGA realiza diagnóstico com a Comunidade Universitária da UFPel

    A Coordenação de Gestão Ambiental (CGA/PRINFRA) da UFPel realiza diagnóstico sobre a situação atual da Instituição na Gestão dos Recursos Naturais, em várias frentes.  No início da atual gestão da reitoria, a CGA aplicou um questionário à Comunidade Universitária com o objetivo de levantar informações referente aos temas ambientais que subsidiarão ações estratégias da Coordenadoria em suas atividades.

  • ABASTECIMENTO DE VEÍCULOS OFICIAIS DA UFPEL

    Considerando o encerramento do contrato de fornecimento de combustível através da empresa Trivale (Valecard) em 25 de julho do corrente ano, considerando também o início do fornecimento de combustível através da empresa Nutricash (Maxifrota) a partir de 26 de julho, o Núcleo de Transporte informa os procedimentos e instruções para execução do abastecimento de combustível em veículos e máquinas da Universidade.

    Confira em http://wp.ufpel.edu.br/prie/nutrans/documentos/

  • Autorização para condução de veículo oficial

    Encaminhamos anexo o memorando circular nº 002/2013 referente ao procedimento para Solicitação/Renovação de Autorização para condução de veículo oficial da UFPel.
    Os procedimentos presentes neste memorando entram em vigor a partir da publicação.


    Solicita-se ampla divulgação nas Unidades.

  • Procedimento padrão para solicitações de transporte na UFPEL

    A fim de melhor organizar o serviço de transporte da UFPel, a administração central, por intermédio do Núcleo de Transporte, emite as orientações para solicitações de transporte na UFPEL.

    Considerando as enormes demandas da comunidade universitária para a realização de atividades acadêmicas e administrativas, considerando, ainda, a condição da frota de veículos disponível na Universidade, os custos de manutenção das viaturas e os gastos decorrentes da utilização do serviço de transporte, tais como diárias para motoristas, combustível, dentre outros, é necessário que se estabeleça diretrizes e orientações para que o serviço possa ser programado adequadamente e os recursos possam ser otimizados com a utilização de critérios e procedimentos claros.

    Os procedimentos presentes neste memorando entram em vigor a partir do dia 1º de julho de 2013.

    Confira os documentos em http://wp.ufpel.edu.br/prie/nutrans/documentos/

    Memorando Circular nº 001/2013 – Procedimento padrão para solicitações de transporte na UFPEL

    ANEXO III – Formulário – Autorização para viagens (veículos oficiais)

    Solicita-se ampla divulgação nas Unidades.

  • Programa Bolsas de Graduação – Seleção de Bolsistas

    O Núcleo de Transporte da Pró-Reitoria de Infraestrutura da Universidade Federal de Pelotas torna público que realizará Concurso Seletivo para o preenchimento de vaga(s) no Programa Bolsas de Graduação, na área de LOGÍSTICA DE TRANSPORTE E GESTÃO DE FROTA.

    Confira o edital em http://wp.ufpel.edu.br/prie/files/2013/06/Bolsista_NUCLEO_DE_TRANSPORTE.pdf

    A Coordenação de Gestão da Manutenção da Pró-Reitoria de Infraestrutura da Universidade Federal de Pelotas torna público que realizará Concurso Seletivo para o preenchimento de vaga(s) no Programa Bolsas de Graduação na área de CONSTRUÇÃO CIVIL.

    Confira o edital em http://wp.ufpel.edu.br/prie/files/2013/06/Bolsista_GESTAO_DA_MANUTENCAO.pdf

    A Coordenação de Gestão Ambiental da Pró-Reitoria de Infraestrutura da Universidade Federal de Pelotas torna público que realizará Concurso Seletivo para o preenchimento de vaga(s) no Programa Bolsas de Graduação nas áreas de RESÍDUOS E EDUCAÇÃO AMBIENTALLICENCIAMENTO AMBIENTAL.

    Confira o edital em http://wp.ufpel.edu.br/prie/files/2013/06/Bolsista_Residuos_Educação_Ambiental_I.pdf

    Confira o edital em http://wp.ufpel.edu.br/prie/files/2013/06/Bolsista_Licenciamento_Ambiental.pdf

  • Passarela prioriza o fluxo de pedestres no campus Porto

    A UFPel está trabalhando no disciplinamento dos acessos ao campus Porto, priorizando o fluxo de pedestres. Para tanto, a Pró-Reitoria de Infraestrutura está construindo uma passarela no largo compreendido entre a Biblioteca e os Blocos A e B. Segundo a arquiteta Márcia Beatriz Rotta, do Departamento de Planejamento Físico da PRPD, responsável pelo projeto, a passarela terá uma elevação em relação ao leito normal do pavimento, provocando a redução da velocidade dos automóveis.