Ciências Sociais

O Curso de Ciências Sociais com habilitações em Bacharelado e Licenciatura está lotado no Instituto de Filosofia, Sociologia e Política da Universidade Federal de Pelotas.

O Curso de Ciências Sociais Bacharelado foi criado pela Portaria nº 08, de 20 de julho de 1990, do Conselho Universitário, tendo sido reconhecido através da portaria nº 212 de 11 de fevereiro de 1999, do Ministério da Educação.
Turno de funcionamento: Noturno
Duração do Curso: Mínimo de oito (8) e máximo de doze (12) semestres.
Nº de vagas no ingresso: 40

O Curso de Ciências Sociais Bacharelado visa à formação de pesquisadores que poderão atuar tanto na área acadêmica (na docência e no desenvolvimento de projetos de pesquisa social) como no setor público ou privado, na elaboração, planejamento, supervisão, implantação, execução, acompanhamento e/ou avaliação de projetos de pesquisa ou de intervenção na área social. Neste sentido, através da mobilização de suas habilidades e competências teóricas e metodológicas, o profissional das ciências sociais (Sociologia, Ciência Política e Antropologia) contribui para a compreensão e interpretação da realidade social, para o debate teórico e o diálogo intra e interdisciplinar, bem como para a reflexão e o debate público a respeito dos problemas sociais.
A Profissão de Sociólogo e as condições necessárias ao seu exercício, habilitação e competências são previstos e regulamentados pela Lei nº 6.888, de 10 de dezembro de 1980, e pelo Decreto nº 89.531, de 05 de abril de 1984.

O Curso de Ciências Sociais Licenciatura foi criado pela Portaria nº 008, de 05 de julho de 1995, do Conselho Universitário, tendo sido reconhecido pelo Ministério da Educação através da Portaria nº 52 de 26 de maio de 2006.

Turno de funcionamento: Noturno
Duração do Curso: Mínimo de oito (8) e máximo de doze (12) semestres.
Nº de vagas no ingresso: 40

O Curso de Ciências Sociais Licenciatura visa à formação de professores da educação básica e de pesquisadores na área de ciências sociais (Sociologia, Ciência Política e Antropologia) capacitados a produzir, refletir, criticar, transmitir e debater os conhecimentos, temas e problemas referentes a este campo disciplinar. Neste sentido, através da mobilização de suas habilidades e competências teóricas e metodológicas, os professores e pesquisadores das ciências sociais contribuem para a compreensão e interpretação da realidade social, para o debate teórico e o diálogo intra e interdisciplinar, bem como para a reflexão e o debate público a respeito dos problemas sociais. O campo privilegiado de atuação profissional dos licenciados em ciências sociais são as escolas da rede pública e privada de ensino básico e todas aquelas instituições ligadas às atividades educacionais.

Coordenador: Marcus Vinicius Spolle
Chefe de Departamento: Romério Jair Kunrath

 

Acesse a página dos Cursos!