Notícias
  • Bolsas de Apoio à Formação Acadêmica de Mulheres Latino-Americanas

    O Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais (CLACSO) anunciou cem bolsas integrais em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, que faleceu no último dia 3. Em associação com a FLACSO Brasil (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais) e a UMET (Universidad Metropolitana para la Educación y el Trabajo), a iniciativa concederá o benefício apenas a mulheres que venham de países da América Latina e Caribe. O prazo para inscrição varia de acordo com o curso escolhido.

    As bolsas Marisa Letícia Lula da Silva dão acesso a cursos de especialização e cursos internacionais (com menor carga horária e sem o status de pós-graduação) oferecidos pela FLACSO a partir de março. Ao todo, são quatro temas possíveis, oferecidos exclusivamente na modalidade virtual: Política Pública e Justiça de Gênero, Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina, Epistemologias do Sul, e Direitos Humanos e Estudos Críticos do Direito.

    Cada curso conta com professores e seminaristas de destaque na área, que tenham consolidado suas carreiras com estudos sobre países latino-americanos e caribenhos. Na formação em Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina, por exemplo, a lista inclui nomes como o de José Pepe Mujica (ex-presidente do Uruguai) e Boaventura de Sousa Santos (sociólogo catedrático da Universidade de Coimbra).

    Metade das bolsas disponíveis será destinada a brasileiras que estudam, são docentes ou pesquisadoras em instituições de ensino no Brasil. Também têm prioridade as candidatas que alegam dificuldades em pagar os cursos oferecidos pela organização, ou que façam parte de movimentos sociais, sindicatos e partidos, com foco em direitos humanos, feminismo e justiça social. Para se candidatar, é necessário preencher o cadastro no site da CLACSO.

    Confira aqui o edital completo da bolsa.

    Para interessados nos temas que não possuam a bolsa, o custo integral dos cursos gira em torno de 1500 dólares, com desconto para associados da CLACSO e instituições parceiras. Também nesses casos, as inscrições têm prazo determinado no site.

    FONTE: https://www.estudarfora.org.br/bolsas-marisa-leticia/

  • Edital nº 01/2017 – Bolsas PROMISAES – Resultado

    Conforme disposto no Edital nº 01/2017, a Coordenação de Relações Internacionais torna pública a classificação dos selecionados para as Bolsas PROMISAES 2017:

    1º Juncris Namaya Junior

    2º Esdras Barros Cardoso

    3º Larissa Darlene da Luz Frederico Tavares

    4º Zélia Domenica Ferreira Zego

    5º Pedro Alcantro Lima

    6º Gil Ascenção Pires Vera-Cruz

    7º Jan Patric Stufkens Salgado

    8º Camila Alejandra Loayza Villena

  • Nova Zelândia oferece 14 bolsas de estudo para brasileiros na área de sustentabilidade

    O governo neozelandês está oferecendo 14 bolsas de estudo para cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado com foco em áreas de sustentabilidade. As bolsas podem durar de seis meses a quatro anos.

    O oferecimento é parte do programa New Zealand Development Scholarships e, para os candidatos brasileiros, as áreas prioritárias são agricultura e energias renováveis. Essa escolha se dá com o propósito de incentivar avanços acadêmicos e científicos nesses tópicos no Brasil.

    Os candidatos que quiserem concorrer precisam ter até 39 anos, ter trabalhado por um ano na área pretendida, apresentar proficiência comprovada em inglês, e terá de se comprometer a permanecer no Brasil, após seu retorno, por dois anos, a fim de colocar em prática sua pesquisa neozelandesa. As bolsas cobrem, de forma geral, todos os custos essenciais: viagem, seguro saúde, mensalidades e um valor mensal para os custos de vida.

    As inscrições acontecem dos dias 16 de fevereiro até 30 de março, e podem ser feitas pelo site do governo neozelandês. Outras informações sobre as instituições e o programa também estão disponíveis no site. O melhor país do mundo quer receber os brasileiros – e, como melhor anfitrião, quem ganha é o convidado. O único risco, ao que parece, é não querer mais voltar.

    FONTE: http://www.hypeness.com.br/2017/02/nova-zelandia-oferece-14-bolsas-de-estudos-para-brasileiros-na-area-de-sustentabilidade/

  • Bolsas para pesquisas climáticas na Alemanha

    A Fundação Alexander von Humboldt está com inscrições abertas para o International Climate Protection Fellowship Programme, que oferece cerca de 20 bolsas de estudo para profissionais de países em desenvolvimento que desejem realizar pesquisas na área de mudança climática na Alemanha. As inscrições para a edição 2018 vão até 1º de março de 2017!

    O programa tem duração de um ano, com início em março de 2018. São contemplados estudos em diversas áreas, incluindo os aspectos jurídicos, econômicos, sociais e de saúde relacionados às alterações climáticas.

    Os selecionados receberão entre €2,150 e €2,650 por mês para viver na Alemanha, além de ajuda de custo para viagens e para o desenvolvimento de seus projetos (que pode chegar a € 800). Está previsto também um auxílio extra para participantes que forem acompanhadas do esposo(a) e filhos.

    Os selecionados terão a oportunidade de fazer contato com outros profissionais da área de meio ambiente e com empresas e participar de eventos culturais na Alemanha. A bolsa de estudos inclui também um curso intensivo (opcional) de dois meses de alemão antes do início do programa.

    O objetivo, segundo a Fundação Alexander von Humboldt, é que o bolsista adquira não só conhecimento prático sobre proteção do meio ambiente, mas também experiência com gestão.

    Quem pode se candidatar – Para concorrer, é preciso ter concluído a graduação nos últimos 12 anos; ter pelo menos 4 anos de experiência profissional com meio ambiente e mudanças climáticas (ou então um doutorado nessa área); demonstrar potencial de liderança; bons conhecimentos de inglês ou alemão; e ter sido aceito por uma universidade ou órgão de pesquisa alemão. Veja aqui a lista de todas as instituições que podem aceitá-lo. Os interessados também deverão enviar duas cartas de recomendação.

     

    FONTE: https://www.estudarfora.org.br/bolsas-para-pesquisas-climaticas-na-alemanha/

  • Desafio de inovação premia jovens com viagem a Paris

    Universitários de todo o Brasil podem se inscrever na nova edição do Brandstorm, desafio da L’Oréal com foco em inovação promovido anualmente.

    Descrito como um jogo de negócios, o Brandstorm já tem 25 anos de história e envolve cerca de 15 mil alunos de 58 países por ano, que competem entre si para entregar as soluções mais inovadoras em marketing ou tecnologia.

    Em 2017, o foco e a proposta da competição são simples, pelo menos no papel: revolucionar os cuidados de beleza do homem.

    Os finalistas nacionais são escolhidos após o estudo das propostas, que devem incluir, além das ideias de produtos e insights em si, análises da marca e do mercado de beleza destacado.

    Em seguida, há uma final nacional presencial, uma final regional e a final internacional na sede da L’Oréal, em Paris, quando os estudantes fazem suas apresentações para altos executivos da empresa e concorrem a 10 mil euros.

    Para concorrer, é preciso ter um grupo de três pessoas fluentes em inglês e atualmente matriculadas em um curso universitário.

    As inscrições para o Brandstorm 2017 são gratuitas e devem ser feitas online até 15/3.

    FONTE: https://www.estudarfora.org.br/desafio-da-loreal-premia-jovens-com-viagem-a-paris/

  • Programa Stipendium Hungaricum oferta bolsas de estudo em diferentes níveis de formação acadêmica na Hungria

    Estudantes de graduação, pós-graduação e doutorado em todos os campos científicos poderão se inscrever para pleitear bolsas de estudo oferecidas pelo programa Stipendium Hungaricum.

    Patrocinado pelo governo Húngaro, o programa visa aumentar o número de estudantes estrangeiros na Hungria, incentivando as instituições de ensino húngaras a receber estudantes de outros países.

    Assista à entrevista dos estudantes internacionais que participaram do programa clicando aqui.

    As inscrições para o processo seletivo podem ser feitas pelo site do programa até o dia 05 de março de 2017.  O resultado será anunciado no final de junho, após duas etapas de seleção.

    Em caso de dúvidas, os estudantes podem entrar em contato com os coordenadores do programa, usando o Skype “stipendiumhungaricum” ou por meio do e-mail: stipendiumhungaricum@tpf.hu

    Acesse a chamada clicando aqui.

    FONTE: https://www.ufmg.br/dri/programa-stipendium-hungaricum-oferta-bolsas-de-estudo-em-diferentes-niveis-de-formacao-academica-na-hungria/

    LINKS ÚTEIS:

    http://www.tka.hu/docs/palyazatok/20170119_call_for_applications_2017_20181701191427.pdf

    http://www.tka.hu/international-programmes/2966/stipendium-hungaricum/

    http://www.tka.hu/docs/palyazatok/guide_for_stipendium_hungaricum_online__applicantion_2017-01-30.pdf

    http://www.tka.hu/docs/palyazatok/kurzuslista_tel_finalv3.pdf

  • Bolsas para mestrados em inglês do DAAD para cursos de diferentes áreas na Alemanha

    Estão abertas as inscrições para o programa de bolsas para mestrados em inglês na Alemanha do DAAD.  O programa prevê bolsas para brasileiros que queiram fazer cursos na área de Desenvolvimento. Os cursos oferecidos são em inglês ou em alemão.

    A oportunidade é para jovens profissionais que buscam aperfeiçoamento em áreas de desenvolvimento (das engenharias às ciências sociais) que tenham graduação completa, rendimento acadêmico acima da média, inglês ou alemão fluente e, no mínimo, dois anos de experiência profissional na área do curso. As inscrições devem ser feitas diretamente com as instituições na Alemanha, o prazo de inscrição varia.

    As bolsas de mestrado na Alemanha do DAAD destinam-se exclusivamente aos cursos que iniciarão em 2018, oferecidos nas universidades credenciadas nas mais diversas áreas com relação ao desenvolvimento sustentável (Economia, Agronomia, Geografia, Matemática, Direito, Política, Administração, Engenharia, Planejamento Urbano, Saúde Pública, Meio Ambiente e outros). O DAAD também publicou um livreto com uma explicação sobre todos os cursos elegíveis para a bolsa.

    Veja os cursos e seus prazos de inscrição:

    Curso Universidade Inscrições até
    Desenvolvimento
    Development Management RU Bochum 30.09.2017
    Planejamento Urbano / Arquitetura
    Master of Science Integrated Urbanism and Sustainable Design Universidade de Stuttgart 15.02.2017
    Agronomia e ciências florestais
    International Agribusiness and Rural Development – IARD U Göttingen/U Bogor 15.04.2017
    Ciências ambientais
    Environment and Resources Management – Focus Latin America TH Köln/U San Luis Potosi 28.02.2017
    Comunicação & mídia
    International Media Studies HS Bonn-Rhein-Sieg/DW Akademie 30.04.2017

    Como funciona a candidatura

    Candidatas e candidatos devem enviar sua documentação diretamente à universidade alemã escolhida. Algumas universidades têm exigências especiais, adicionais às exigências do DAAD para a concessão da bolsa, por isso o site do curso escolhido deve ser consultado sobre requisitos, procedimentos e documentos adicionais. Link útil: pré-requisitos para ser bolsista do DAAD.

    O DAAD no Brasil pode ajudar solucionando dúvidas gerais sobre o programa pelo email aufbau@daad.org.br ou pelo pelo telefone: (21) 2553 3296 / Ramal: 14. Dúvidas específicas sobre cada curso devem ser enviadas para as universidades.

    A bolsa inclui 750 por mês, ajuda de custo para passagem aérea na ida e na volta, curso preparatório de alemão (pra quem precisa) e seguro-saúde.

    Veja respostas para as perguntas mais frequentes sobre as bolsas de mestrado na Alemanha
    Veja o edital da seleção
    Veja publicação do DAAD com detalhes sobre cada um dos cursos e os processos de candidatura 

    FONTE: http://partiuintercambio.org/bolsas-de-estudo/bolsa-para-mestrado-na-alemanha-daad/

  • Concurso da Universidade de Denver dá curso de inglês nos Estados Unidos grátis

    Concurso da Sqore  vai dar uma bolsa integral, incluindo acomodação, para um curso de inglês nos Estados Unidos grátis no Centro de Língua Inglesa (ELC) da Universidade de Denver, nos EUA. A competição recebe inscrições até 14 de fevereiro.
    Para poder se inscrever, é necessário não ter o inglês como língua materna e ter a intenção de se tornar professor de inglês no futuro. Todo o concurso será realizado online e o vencedor receberá o curso de inglês nos Estados Unidos grátis (a bolsa cobre todos os custos do curso na Universidade de Denver) e também auxílio para moradia por até três trimestres de curso.

    Como funciona a seleção

    Para poder fazer parte da seleção, você precisa se inscrever na plataforma Sqore e completar sua candidatura com três redações, contando sua trajetória, como aprendeu a falar inglês e como essa bolsa de estudos vai impactar o seu futuro. Além disso, é necessário enviar histórico acadêmico ou escolar e responder a um breve questionário.

    O ganhador do curso de inglês nos Estados Unidos grátis vai atuar como embaixador e representante do Centro e da Universidade no futuro. Então, para se inscrever, você tem que estar disposto a escrever um blog ou alimentar um vlog para compartilhar sua experiência, além de concordar em participar de conteúdos promocionais do Centro. O vencedor também se compromete a organizar um evento para compartilhar sua experiência com outros estudantes de inglês após o retorno para o seu país de origem.

    O site da Sqore não especifica detalhes sobre passagem e custos com o visto. Então, eles não fazem parte da bolsa.

    Leia o edital do concurso de bolsa de curso de inglês nos Estados Unidos
    Veja os detalhes sobre a bolsa para o curso de inglês em Denver
    Inscreva-se no Future English Instructors Competition

    FONTE: http://partiuintercambio.org/bolsas-de-estudo/curso-de-ingles-nos-estados-unidos-gratis-uni-denver/

  • Bolsas de mestrado em Turismo na Espanha, Dinamarca e Eslovênia

    Erasmus Mundus European Master in Tourism Management é um programa de mestrado em Gestão de Turismo sediado e organizado por três universidades europeias: uma na Espanha, outra na Dinamarca e uma terceira na Eslovênia. Quem quer se candidatar para próximo ano acadêmico e concorrer a bolsas de mestrado em Turismo deve enviar sua candidatura até o dia 15 de fevereiro.

    O curso de dois anos tem o objetivo de preparar futuros profissionais para assumir responsabilidades em instituições de turismo através de decisões sustentáveis e efetivas. Ele fornece um conhecimento integral sobre as dinâmicas do desenvolvimento do turismo, a gestão sustentável, o papel da diversidade cultural e a inovação.

    No primeiro semestre do curso, as aulas acontecem na Universidade do Sul da Dinamarca; no segundo, na Universidade de Lubiana, na Eslovênia; o terceiro na Universidade de Girona, na Espanha. O quarto e último semestre é dedicado à dissertação. O curso é inteiramente em inglês.

    As bolsas Erasmus Mundus

    Mais uma vez, como nos outros casos de bolsas do programa Erasmus, os candidatos brasileiros entram na modalidade Partner Countries (países parceiros). Ela contempla estudantes de países não pertencentes à União Europeia que não tenham residido, estudado ou trabalhado na Europa por mais de 12 meses nos últimos cinco anos.

    As bolsas incluem as taxas universitárias (até 16 mil euros); um auxílio para gastos de viagem (3 mil euros por ano para bolsistas de países distantes); valor único para instalação (mil euros); ajuda de custo mensal de mil euros para subsistência durante a inteira duração programa (máximo 24 meses).

    Sobre a candidatura

    Para se candidatar é necessário ter graduação em turismo, economia, administração, geografia – ou em outras áreas afins nas ciências sociais ou humanas – e um histórico escolar de excelência. É preciso ter proficiência em inglês comprovada pelo TOEFL (mínimo 230 pontos: computer-based test; 575 pontos: paper-based test; 88 pontos (internet-based test), IELTS Academic (mínimo 6.5) ou Cambridge Certificate in Advanced English (mínimo nota C). A comprovação com essas provas não se faz necessária, se o candidato tiver feito a graduação nos EUA, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Reino Unido ou Irlanda.

    A candidatura para as bolsas deve ser feita no site juntamente com a application online para o mestrado até o dia 15 de fevereiro. São necessários:

    • Formulário de inscrição;
    • Curriculum Vitae (Europass EU format);
    • Cópia e tradução do diploma de graduação;
    • Comprovante de conhecimento de inglês;
    • Carta de motivação;
    • Duas cartas de recomendação;
    • Cópia do passaporte válido.

    O resultado da seleção para as bolsas deve sair até março.

    Veja o passo a passo sobre como se candidatar

    Confira o currículo do curso

    Saiba mais sobre a bolsa

    FONTE: http://partiuintercambio.org/bolsas-de-estudo/bolsas-de-mestrado-em-turismo-na-espanha/

  • Bolsas de mestrado em Urbanismo do DAAD para estudar na Alemanha e no Egito

    O programa do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico prevê auxílio financeiro para brasileiros interessados em cursos com foco em desenvolvimento nas mais diversas áreas e universidades.

    As bolsas de mestrado em Urbanismo Integrado e Design Sustentável (Integrated Urbanism and Sustainable Design – IUSD) fazem parte do programa e as candidaturas para esse curso podem ser enviadas até o dia 15 de fevereiro. O benefício inclui 750 euros por mês, ajuda de custo para passagem aérea de ida e volta, curso preparatório de alemão (pra quem precisa) e seguro-saúde.

    Organizado pela Faculdade de Arquitetura e Planejamento Urbano da Universidade de Stuttgart, na Alemanha, em parceria com a Universidade Ain Shams, localizada no Egito, o curso tem duração de dois anos e as aulas são em inglês. As bolsas do DAAD são voltadas para os estudantes que optarem pelo chamado “Double Degree”, no qual os primeiros dois semestres do mestrado são em Stuttgart e os dois últimos no Cairo.

    O objetivo do curso é preparar a nova geração para enfrentar os graves problemas ambientais, culturais e socioeconômicos resultantes das dinâmicas urbanas em todo o mundo. A filosofia do programa de mestrado é baseada no intercâmbio transnacional de aprendizagem entre estudantes provenientes de diferentes contextos regionais aplicados a uma específica realidade urbana.

    Requisitos para as bolsas de mestrado em Urbanismo

    O mestrado IUSD é voltado para graduados e profissionais das áreas de arquitetura, urbanismo, paisagismo, planejamento regional e engenharia civil. Também são aceitos jovens com graduação em outras áreas, como geografia, sociologia, economia, estudos culturais, ciência política ou outros, que tenham uma relevante experiência profissional relacionada ao âmbito de estudo do curso.

    Para concorrer às bolsas, os candidatos devem cumprir também os requisitos do DAAD: experiência de trabalho na área de no mínimo dois anos, graduação concluída há no máximo seis anos, rendimento acadêmico acima da média e inglês fluente.

    Como se candidatar para as bolsas

    Para concorrer às bolsas do DAAD, candidatas e candidatos devem enviar a documentação diretamente à universidade escolhida. No caso do mestrado em Urbanismo Integrado e Design Sustentável, é necessário enviar a candidatura para as duas universidades do Double Degree: a Universidade de Stuttgart e a Ain Shams. Para essa parte da candidatura será necessário escanear, salvar em PDF e anexar os seguintes documentos:

    • Cópia do diploma do Ensino Médio (autenticada e traduzida em inglês);
    • Cópia do diploma de graduação (autenticada e traduzida em inglês);
    • Histórico Escolar (autenticado e traduzido em inglês);
    • Cópia do passaporte;
    • Certificado de inglês (são aceitos IELTS – general or academic, min. band 6 – ou TOEFL – min. score 550 paper based, 213 computer based, 79 internet based);
    • Carta de motivação (em inglês com no máximo 350 palavras) e portfólio (em inglês com no máximo cinco páginas A4).

    O conteúdo da carta de motivação deve ser relacionado ao seu interesse no programa e nos objetivos que você tem ao se inscrever no curso. É importante também descrever como a sua experiência pode contribuir para os objetivos do mestrado e como você pretende usar futuramente os conhecimentos que vai adquirir. Já o portfólio serve para apresentar uma lista de projetos ou amostras de trabalhos (profissionais ou acadêmicos) relevantes para o conteúdo do curso.

    Além de aplicar para cada uma das instituições, você deverá enviar os documentos da candidatura à bolsa via email para epos@iusd.uni-stuttgart.de. São eles:

    • Formulário de candidatura do DAAD (disponível aqui);
    • Curriculum Vitae (modelo aqui);
    • Duas cartas de recomendação;
    • Formulário de candidatura específico do mestrado EPOS-funded Double Degree (disponível aqui).

    É necessário se registrar nas duas universidades para preencher o formulário. Todo o procedimento deve ser realizado até o dia 15 de fevereiro.

    O DAAD no Brasil pode ajudar solucionando dúvidas gerais sobre o programa pelo email aufbau@daad.org.br ou pelo pelo telefone: (21) 2553 3296 / Ramal: 14. Dúvidas específicas sobre o curso devem ser enviadas para as universidades: info@iusd.uni-stuttgart.de ou iusd@eng.asu.edu.eg.

    Saiba mais sobre o mestrado

    Veja os detalhes sobre como funciona a candidatura

    Confira as respostas para as perguntas mais frequentes sobre as bolsas de mestrado na Alemanha

    FONTE: http://partiuintercambio.org/bolsas-de-estudo/bolsas-de-mestrado-em-urbanismo-daad/