Regime concentrado

Abaixo, a orientação sobre o regime concentrado, disponibilizada pelo DRA.

“O regime concentrado é uma forma excepcional de antecipar estudos quando há alguma situação imprevista que impeça o aluno de assistir as aulas até o final do período definido pelo calendário regular (como p. ex. a mobilidade acadêmica internacional).

Nesses casos o aluno deve fazer um requerimento ao colegiado do curso assim que receba a carta de aceite, relacionando as disciplinas que precisa cursar nesse regime. A partir daí o colegiado vai consultar os professores sobre a possibilidade de fazer esse regime (normalmente as disciplinas predominantemente práticas não se adaptam) e emitirá um parecer. Em sendo aprovado no colegiado, este juntará o cronograma das atividades e o parecer ao requerimento do aluno e encaminhará ao COCEPE para aprovação.

A partir disso o aluno cursará as disciplinas de acordo com esse cronograma, fazendo trabalhos complementares às aulas, para compensar a freqüência, e avaliações diferenciadas, antecipando as do final do semestre.

Em relação às disciplinas que os professores declararem impossibilidade de regime concentrado devido às suas especificidades, estas serão excluídas da matrícula pelo DRA, a fim de não haver prejuízos em função de infrequências.

O registro de notas e freqüência será feito normalmente, no sistema acadêmico, junto com os demais alunos matriculados na turma.A situação do histórico do aluno constará como matriculado e freqüente no semestre em foi realizado o regime concentrado, passando a constar mobilidade acadêmica no semestre seguinte.”